6 de abril de 2019

MAIS DE 100 FAMÍLIAS DEIXAM CASAS APÓS RIO TRANSBORDAR NO INTERIOR CEARENSE


Pelo menos 122 famílias que vivem às margens do Rio Coareaú, no interior do Ceará, tiveram que deixar as residências devido ao aumento do nível das águas, 3,45 metros acima do nível normal, de acordo com a Defesa Civil. Ainda conforme a Defesa Civil, 52 famílias foram realocadas para abrigos disponibilizados pela prefeitura de Granja. 








A alta ocorre após uma sequência de fortes chuvas, de até 155 milímetros, ocorridas desde o início da semana. Entre quinta e sexta-feira (4 e 5), o nível do Rio Coreaú baixou 15 centímetros, mas a população está em situação de alerta. Com as chuvas, sobe para 32 o número de açudes com a capacidade máxima no Ceará. 




Nesta sexta-feira, choveu em pelo menos 134 municípios no intervalo de 24 horas, conforme a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Houve precipitações em todas as regiões do estado.




Em Fortaleza, algumas ruas e avenidas da capital alagaram na manhã desta sexta. Foram registrados pontos de alagamentos em alguns trechos da Avenida Raul Barbosa, entre as Ruas Tenente Wilson e Tenente Roma, no Bairro Aerolândia. Os veículos tiveram que diminuir a velocidade ao passar pelo local. Na Avenida Alberto Craveiro, próximo ao viaduto da Aerolândia, há acúmulo de água, porém havia problemas de travessia. 




Já em Santana do Cariri, os moradores ficaram sem água nas torneiras depois que correnteza de um rio rompeu a adutora que abastece o município. A prefeitura afirmou que deve iniciar o reparo neste sábado (6).

0 comentários:

Postar um comentário