9 de setembro de 2017

POLÍCIA ENCONTRA LOCAL DE ABATE DE ANIMAIS ROUBADOS POR QUADRILHA NO SERIDÓ POTIGUAR

Na tarde desta sexta-feira (8), a Polícia Militar de Carnaúba dos Dantas com o apoio do GTO de Parelhas, desbaratou uma quadrilha de roubo de animais que vem atuando na região do Seridó e em algumas cidades do interior paraibano.
 
 
 
 
 
 
 
A guarnição policial sob o comando do Cabo Jarbas recebeu uma denúncia anônima de que no Sítio Lagêdo município de Carnaúba dos Dantas, tinha uns elementos dissipando um animal provavelmente um caprino.
 
 
 
A polícia foi até o local e quando os elementos avistaram as viaturas se evadiram do local de mato a dentro, deixando um vasto material como: couro, pele, um animal dependurado numa árvore que estava sendo esquartejado, ferramentas como picaretas, enxadas, facas, tambores com água e quatro motocicletas sendo duas Titan uma de cor verde e outra preta, uma moto Broz de cor laranja e uma moto usada muito em trilhas com um reboque contendo o material utilizado em abates de animais.
 
 
 
 
Segundo o Cabo Jarbas, essa quadrilha vem atuando em roubos de animais nas cidades de Carnaúba dos Dantas, Acari, Cruzeta, Jardim do Seridó, Parelhas e em algumas cidades da Paraíba como: Nova Palmeira, Pedra Lavrada e Picuí.
 
 
Fonte: Toscano Neto.

JANOT PEDE AO STF AS PRISÕES DE JOESLEY, SAUD E DO EX-PROCURADOR MARCELO MILLER

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu nesta sexta-feira (8) ao Supremo Tribunal Federal (STF), por meio de uma ação cautelar, as prisões do empresário Joesley Batista, um dos donos da JBS, de Ricardo Saud, executivo da empresa, e do ex-procurador da República Marcelo Miller.
 
 
 
 
O pedido está sob sigilo - nem a Procuradoria-Geral da República (PGR) nem o Supremo confirmam que foi enviado. A decisão sobre o pedido será tomada pelo ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF.
 
 
 
 
Se Fachin autorizar as prisões, o acordo de delação premiada firmado entre a JBS e a Procuradoria-Geral da República deve ser rescindido. O termo de delação prevê que o acordo perderá efeito se, por exemplo, o colaborador mentiu ou omitiu, se sonegou ou destruiu provas. Sobre a validade das provas apresentadas, mesmo se os termos da delação forem suspensos, continuarão valendo – provas, depoimentos e documentos. Esse é o entendimento de pelo menos três ministros do Supremo: a rescisão do acordo não anula as provas.
 
 
 
 
 
Na segunda-feira (4), a PGR informou que novos áudios entregues pelos delatores da JBS indicam que o ex-procurador da República Marcello Miller atuou na "confecção de propostas de colaboração" do acordo que viria a ser fechado entre os colaboradores e o Ministério Público Federal (MPF). A PGR também suspeita que os delatores podem ter omitido informações.
 
 
 
 
Nas novas gravações, entregues pelos próprios delatores à Procuradoria, Joesley e o executivo Ricardo Saud falam sobre a intenção de usar Miller para se aproximar de Janot. Joesley admitiu que se encontrou com Miller ainda em fevereiro, mas ele teria dito que já tinha pedido exoneração do Ministério Público.

POLÍCIA DO RN PRENDE MAIS 2 SUSPEITOS DE INTEGRAR QUADRILHA QUE EXPLODIU BANCO NA PB

A polícia prendeu mais dois homens apontados como integrantes da quadrilha que explodiu uma agência bancária na cidade de Brejo do Cruz/PB, no domingo (3). A dupla foi presa na tarde desta sexta-feira (8), em Janduís, na região Oeste potiguar.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Segundo o delegado regional de Patu, Sandro Régis, Eugênio Gurgel Neto Filho, conhecido por Primo, e Francisco Viera de Melo, que tem o apelido de Macarrão, dariam fuga aos demais integrantes do bando. “Foram encontradas conversas no celular apreendido de um dos presos, em que combinavam essa fuga. Nós não havíamos ainda identificado, porque só tínhamos os apelidos. Mas identificamos e prendemos”, explica o delegado.
 
 
 
 
Ainda de acordo com Régis, Neto Filho e Francisco Vieira foram presos nas casas em que moravam, em Janduís.
 
 
 
 
Eugênio Gurgel Neto Filho e Francisco Viera de Melo foram levados para a delegacia e autuados por organização criminosa.
 
 
 
 
Após a explosão do banco na Paraíba já houve dois confrontos, nos quais cinco bandidos morreram e um PM ficou ferido. Além dos detidos nesta sexta (8), Kleyton Alves da Silva, o taxista Diego Edicleilton Marcelino de Castro e um terceiro suspeito também foram presos. O primeiro como participante da tentativa de roubo, o segundo por dar suporte à fuga dos criminosos e o outro apontado como o responsável pela colocação dos explosivos nos terminais.

 

TRAGÉDIA! MAIOR TERREMOTO EM 30 ANOS DEIXA 60 MORTOS NO MÉXICO

Forte terremoto de magnitude 8,1 atingiu a costa sul do México no final da noite desta quinta-feira (7), informou o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês), que registra sismos em todo o mundo. O número de mortes confirmadas chegou a 60: : 45 pessoas morreram em Oaxaca, 12 em Chiapas e 3 em Tabasco, segundo o chefe da defesa civil do México, Luis Felipe Puentes.
 
 
 
 
 
 
 
 
O Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico chegou a emitir um alerta de possíveis ondas gigantes de até 4 metros de altura para México, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Honduras e Equador. No início da manhã, o aviso foi retirado.
 
 
 
 
O sismo sacudiu quase todo o México e foi sentido em vários países da América Central.
 
 
 
 
A agência de proteção civil do México informou que o terremoto foi o mais forte a atingir o país desde o devastador tremor de 1985 que derrubou edifícios e matou milhares.  

PAI E FILHO MORREM EM COLISÃO ENTRE MOTO A CARRO NO INTERIOR DO RN

Um acidente entre um moto e um carro, matou, Alcimar Dantas, “Cimar’, e seu filho, Yure, de 13 anos, ambos residentes em Monte Alegre.  ...