16 de fevereiro de 2011

RADIO CABUGI DO SERIDÓ ABRE ESPAÇO PARA ENTREVISTA COM DIRETOR DO HMRM DE JARDIM DO SERIDÓ

De forma corajosa e até surpreendente, a direção da Rádio Cabugi do Seridó, na pessoa do Sr. Ângelo Fernandes, abriu espaço para que o diretor do HMRM (Hospital e Maternidade Dr. Ruy Mariz) falasse para a população os motivos da crise que tanto prejudica a casa de saúde, mesmo sabendo que não irá agradar o atual prefeito, Jocimar Dantas, que juntamente com seu pai, o vereador/contraventor, Joaci Costa, tenta a todo custo prejudicar o hospital.

De forma totalmente profissional, sem atacar ninguém, o Diretor do HMRM falou ao vivo,respondendo as perguntas do colega repórter, José Wilson, (foto acima) e explicando durante muito tempo no horário da manhã todas as ações da secretaria de saúde do município que estão prejudicando o atendimento na entidade, tudo que já havia sido explicado em primeira mão pelo “Blog Barra Pesada”.

Dr. Anesiano Ramos (foto ao lado) deixou bem claro que o hospital só pode fazer o que o município pagar, já que o dinheiro que antes ficava em poder do estado, agora fica com o município, que tem a autonomia de autorizar os procedimentos a serem feitos pela casa de saúde. “A dívida do hospital é de mais de 80 mil reais. Para que os senhores tenham uma idéia do tamanho do problema, a secretaria de saúde só autoriza 11 internações por mês, quando na verdade são internados mais de 50 pacientes a cada mês, os outros internamentos o hospital não recebe”. Explicou Dr. Anesiano.

Ademais, o diretor do hospital explicou que os R$ 12.000,00 (Doze mil reais) que são repassados pelo município, são usados para pagar os plantões médicos de finais de semana e feriados, isso em semanas normais. “Dos 12 mil reais repassados pela prefeitura municipal o hospital gasta mais de 8 mil só com os plantões médicos, e o restante vai para outros pagamentos, como por exemplo, a Cosern, que é algo em torno de R$ 1.500,00 (Hum mil e quinhentos reais)". Disse o diretor.

Alem das despesas que foram citadas, o diretor deixou bem claro que o valor de folha de pagamente de funcionários chega a mais de 18 mil reais por mês, isso sem contar com encargos sociais, valores esses que são ultrapassados quando durante o mês é concedido férias a qualquer um dos funcionários, entre tantas outras despesas que não foram nomeadas. Você sabe quando o atual prefeito e sua equipe gastavam com o desmantelado P.A.? Uma fortuna, e não funcionava!

Do Blog: Parabéns a todos que fazem a Rádio Cabugi do Seridó!

CRIME AMBIENTAL! EMPRESA COLOCA LIXO PRÓXIMO A RIACHOS QUE DESÁGUAM NO AÇUDE ZANGARELHAS

Parece que os poderosos de Jardim do Seridó não estão nem "ai" com o meio ambiente, e de forma irregular, criminosa, ilegal e totalmente irresponsável, resolvem colocar lixo próximo a vários riachos que deságuam dentro do açude público “Zangarelhas”, que popularmente é chamado de “Poço Doce”.


Após várias denúncias, o “Blog Barra Pesada” esteve hoje, (16) no local, e para desespero e revolta, constatamos a veracidade da preocupação de grande parte de população do município, um lixão a céu aberto, sem nenhum controle ou autorização dos órgãos competentes.

A empresa “Morvan”, de propriedade de Morvanildo dos Santos Medeiros, é a responsável pela coleta de lixo na cidade, e foi a responsável pela criação do referido lixão, que de forma direta está contaminando as águas do açude “Zangarelhas”, já que estamos no período chuvoso de nossa região.



Resta saber de quem partiu a ordem para que o lixo fosse colocado no local, pois um outro local muito mais longe da represa do referido açude, e que foi também denunciado pelo então programa “Barra Pesada” que por mim era apresentado na “Rádio Cabugi do Seridó”, foi desativado pelos órgãos fiscalizadores, na gestão do então prefeito Patrício Júnior, atual vice-prefeito de Jocimar Dantas.

Esperamos agora que as providências sejam tomadas, e que os responsáveis paguem pelo absurdo, e que com urgência urgentíssima reparem os estragos causados pela ação de total irresponsabilidade ambiental. Cadê os órgãos ambientais do município? Será que esse crime já foi denunciado ao IDEMA? Cadê os defensores do meio ambiente de Jardim do Seridó? Vamos comunicar ao Ministério Público! É uma pouca vergonha!

PROFESSORES DÃO VOTO DE CONFIANÇA A PREFEITO DE PARELHAS E ESPERAM CUMPRIMENTO DE ACORDOS

Foi realizada na tarde desta terça-feira (15), no SINDSERPPA (Sindicato dos servidores da prefeitura de Parelhas/RN) uma reunião com os professores da rede municipal da cidade, quando ficou decidido que os mesmos irão aceitar a proposta de equiparação onde será pago a tabela do plano de cargo e salários do magistério de Parelhas.

Segundo informações do referido sindicato, os professores não tiveram aumento nos anos de 2010 e de 2011, e este ano apenas será pago a tabela, ficando a categoria mais uma vez sem aumento real.

A decisão da categoria é de dar ao prefeito mais um credito de confiança, mas caso o mesmo não pague o que ficou acordado, além do compromisso do encontro de hoje (16) eles irão parar.

O sindicato ainda questiona a permanência de prestadores de serviços, que continuam na prefeitura e não foram demitidos, o que para o sindicato é motivo de preocupação.


DENÚNCIA! MORADORES RECLAMAM DA FALTA DE HIGIENE NO MATADOURO PÚBLICO DE LAGOA NOVA

Recebemos de Imagens do matadouro público da cidade de Lagoa Nova/RN que mostram um verdadeiro descaso, principalmente no que diz respeito à higiene na forma de manipulação das carnes e outros produtos derivados de animais.


As denúncias por parte dos moradores são constantes, já que as carnes benificiadas no local vão parar em suas mesas.


Sem a mínima estrutura para o seu funcionamento, o Matadouro Público de Lagoa Nova é o maior exemplo do descaso do poder público com o cidadão Lagoanovense.


Sem infra-estruturar e um padrão de qualidade, a matança de animais continua sem qualquer preocupação com as normas de higiene exigidas pelos órgãos de fiscalização.

SALÁRIO MÍNIMO PARA 2011 SERÁ VOTADO HOJE; GOVERNO QUER PAGAR R$ 545,00

A Câmara dos Deputados vota nesta quarta-feira (16), a partir das 13h, o valor do salário mínimo de 2011. O projeto de lei encaminhado pelo governo à Câmara prevê um mínimo de R$ 545, mas as centrais sindicais, com o apoio do DEM e de parte da base aliada, defendem um valor maior, de R$ 560. A proposta do PSDB é de um mínimo de R$ 600.

A votação será o primeiro grande teste do governo Dilma na Câmara. A principal preocupação do governo é com o PDT, que tem como representante no governo o ministro do Trabalho, Carlos Lupi. O líder do partido na Câmara, Paulo Pereira da Silva, que também preside a Força Sindical, insiste em um mínimo de R$ 560.

Nesta terça, durante debate sobre o mínimo em sessão especial na Câmara, ele disse que o governo teria condições de pagar os R$ 15 de diferença entre a proposta do Executivo e a reivindicada pelas centrais sindicais.

Foto: Agência Câmara.


DECRETO DE LULA DÁ GOLPE NO DIREITO DE PROPRIEDADE

O presidente Lula (PT) assinou decreto já considerado no campo um golpe contra o direito de propriedade, porque à margem da Constituição amp...