17 de dezembro de 2022

PAI E FILHA FEIRANTES MORREM EM GRAVE ACIDENTE NO INTERIOR DO RN

Pai e filha, que trabalhavam como feirantes, morreram após um acidente automobilístico nesta sexta-feira (12) em uma rodovia estadual do Agreste potiguar. Eles estavam em um carro que bateu de frente com outro automóvel no "Trevo de Lagoa D'anta", entre os municípios de São José do Campestre e Passa e Fica. O condutor do segundo veículo, um homem que sofreu escoriações e foi levado ao Hospital de São José do Campestre.

MINISTRO DO TSE IMPEDE DIPLOMAÇÃO WENDEL LAGARTIXA

O ministro Ricardo Lewandowski, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou no fim da tarde desta sexta-feira (16) que o ex-policial militar Wendel Fagner Cortez de Almeida, mais conhecido como Wendel Lagartixa (PL), não seja diplomado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) na próxima segunda-feira (19).

 

Ele foi o candidato mais votado para o cargo de deputado estadual do Rio Grande do Norte nas Eleições de 2022.

 

No documento, ele determina que seja cumprida a decisão do mês de outubro em que o próprio ministro indeferiu o registro de candidatura de Wendel.

 

Além disso, o ministro solicita que o TRE "promova a retotalização de votos para o cargo de deputado estadual no Estado referente às Eleições de 2022".

COVARDIA! JOVEM DE 16 ANOS É MORTA A TIROS PELO NAMORADO NO INTERIOR DO RN

A adolescente, Karla Kauany da Silva, de 16 anos, foi morta com um tiro na cabeça. O crime aconteceu na cidade de Patu, quando a mesma pilotava uma moto e foi atingida pelo disparo. Karla caiu e morreu no local.

 

Segundo testemunhas, o namorado da vítima estava que estava andando de bicicleta, chamou a moça, que parou, e o foi atingido pelo namorado, que após o crime fugiu do local.

 

Do Blog: Covarde, canalha!

“VIVA”! STF DECIDE SOLTAR SERGIO CABRAL, CONDENADO A 425 ANOS POR ROUBAR OS COFRES PÚBLICOS

Com o voto decisivo de desempate do ministro Gilmar Mendes, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta sexta-feira (16) por 3 votos a 2 a libertação do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral. 

 

Réu confesso, quando chegou a admitir haver “roubado demais”, Cabral era o último réu da Lava Jato a permanecer preso. Ficou apenas seis anos atrás das grades, mesmo sentenciado a mais de quatro séculos de reclusão. 

 

Preso desde 2016, o político foi condenado a 425 anos de prisão em 23 ações criminais federais por variados crimes de corrupção.
 
 

A soltura foi motivada pelo julgamento do habeas corpus no qual a defesa do ex-governador alegou a incompetência da 13ª Vara Federal de Curitiba, então chefiada pelo ex-juiz Sérgio Moro, para determinar a prisão e julgar o processo da Operação Lava Jato sobre o suposto pagamento de propina em obras da Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj). 

 

Os votos pela soltura foram proferidos pelos ministros Ricardo Lewandowski, André Mendonça e Gilmar Mendes. Edson Fachin, relator do caso, e Nunes Marques votaram para manter a prisão.

 

VIVALDO COSTA VOLTA À AL/RN PARA SEU 14º MANDATO NA PRÓXIMA SEMANA

O Papa Jerimum, Vivaldo Costa (PV), assumirá sua cadeira na assembleia legislativa do RN pela 14ª vez.   Vivaldo Costa assumirá a vaga do en...