24 de setembro de 2021

FMI ELOGIA DESEMPENHO DA ECONOMIA BRASILEIRA E PROJETA CRESCIMENTO DE 5,3% EM 2021

Relatório Anual do Fundo Monetário Internacional (FMI), divulgado em Washington um dia após o discurso do presidente Jair Bolsonaro nas Nações Unidas, elogia o desempenho econômico do Brasil, “melhor do que o esperado”, projeta crescimento do PIB real brasileiro de 5,3% em em 2021 e prevê que a inflação “deverá cair continuamente dos picos recentes em direção ao ponto médio do intervalo da meta até o final de 2022”. 

 

Curiosamente, apesar de ter sido divulgado há dois dias, o relatório anual tem sido ignorado pela imprensa brasileira. 

 

De acordo com o relatório do FMI, a economia do Brasil “voltou aos níveis pré-pandêmicos, apoiada por termos de comércio em expansão e crescimento robusto do crédito do setor privado, e um dos maiores pacotes de estímulo nos mercados emergentes – quase 4 por cento do PIB somente em transferências emergenciais de dinheiro em 2020.” 

 

O FMI destacou em seu relatório que o desempenho econômico positivo do Brasil deve-se “em parte, à resposta enérgica das autoridades”, à medida que a economia emerge da desaceleração causada pela pandemia da Covid-19. O FMI projeta um crescimento de 5,3% para o Brasil neste ano e uma queda da dívida pública de 99% para 92% do Produto Interno Bruto (PIB).

 

O organismo elogiou as autoridades brasileiras por sua resposta política decisiva ao impacto da Covid-19 na economia. Segundo o FMI essas políticas reduziram significativamente a gravidade da recessão de 2020 e amorteceram seu impacto sobre os pobres e vulneráveis, ao mesmo tempo em que prepararam o terreno para uma forte recuperação em 2021.

MAIOR SÍMBOLO DO DESPERDÍCIO DE DINHEIRO PÚBLICO É DEMOLIDO EM JARDIM DO SERIDÓ

Amparado legalmente, o atual prefeito Amazan Silva ordenou a demolição e limpeza dos escombros de uma das mais emblemáticas mostras do desperdício do dinheiro público, o “Hospital da Cohab”, que se encontrava em ruínas.

 

Iniciado e não concluído na gestão do então prefeito Patrício Júnior, (já falecido), o que seria um hospital, por tempos serviu para uso de drogas, esconderijo de pessoas e até como “motel” para alguns usuários de drogas, como também como lar de animais vadios.

 

Muitas foram as denúncias contra o desperdício e o desvio de dinheiro público, mas, ninguém foi punido, e mais uma vez, mostra-se que a justiça e os órgãos fiscalizadores são medíocres, em detrimento do erário público.

 

Por fim, apesar da decepção dos que primam pela probidade, e da tristeza daqueles que esperavam algo de proveitoso com essa referida obra, fica a alegria da restituição dessa área, que agora ficará apta à receber uma outra obra, ou até mesmo voltar à ser o antigo campinho de futebol que alegrava os moradores daquele bairro, ou ainda um local para circos e outros eventos recreativos.

 

 

Do Blog: Não adiantou nada. “Gritei” muito, e ninguém me ouviu! Os “Urubus” se beneficiaram e desviram dinheiro e materiais de construção dessa obra, mas na verdade, quem passa por ruim é quem tenta defender o que é do povo. Vergonha!

PREFEITO AMAZAN OFICIALIZA DESTINAÇÃO DE VERBA PARA GALPÃO PARA CATADORES DE JARDIM DO SERIDÓ

O Prefeito Amazan, acompanhado do Procurador Jurídico Municipal Dr. Dirceu Mariz, esteve nesta segunda-feira (20) na Procuradoria do Trabalho em Natal/RN.



O objetivo da visita foi assinar um Termo de Compromisso e Responsabilidade, com o Ministério Público do Trabalho que garantirá a destinação de R$ R$ 150.273,55 (cento e cinquenta mil, duzentos e trinta e sete e cinquenta e cinco centavos) para a construção do galpão onde funcionará o Galpão dos Catadores.

 

"O município terá uma contrapartida em torno de R$ 60mil (sessenta mil reais), então é mais uma vitória para o povo de Jardim do Seridó, principalmente para os nossos catadores que vão trabalhar com dignidade, isso me deixa muito feliz e com a certeza que estamos trabalhando no caminho certo!" Disse  Amazan.

PNI COMPLETA 250 DIAS COM 229 MILHÕES DE DOSES

A campanha do Plano Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde, completa 250 dias nesta sexta-feira (24) e segue em ritmo acelerado com 229 milhões de doses aplicadas desde 17 de janeiro. As doses foram suficientes para aplicar uma dose de vacina contra covid em 70% dos brasileiros e imunizar totalmente 40%. Em números absolutos, o Brasil vacinou 150 milhões de pessoas com ao menos uma dose, e administrou segunda dose ou dose única de imunizantes em 85 milhões.

PF PRENDE CONTROLADORA BOLIVIANA INVESTIGADA POR DESASTRE AÉREO DA CHAPECOENSE

A Polícia Federal (PF) prendeu Celia Castedo Monasterio, a controladora responsável pela análise e aprovação do plano de voo da aeronave envolvida no desastre da Chapecoense, em 2016. A decisão foi dada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, que determinou a extradição da investigada.

 

Na sentença assinada por Gilmar Mendes, Celia é "procurada pela Justiça Boliviana para responder pela suposta prática do crime de atentado contra a segurança do espaço aéreo".

 

Celia foi responsável pela análise e aprovação do plano de voo do avião que caiu perto do aeroporto internacional José Maria Cordova, próximo à Medellin, na Colômbia. Ao todo, 71 pessoas morreram na tragédia que levava a delegação da Chapecoense e jornalistas para a final da Copa Sul-Americana de 2016.

 

Na ocasião, Celia teria deixado, de forma fraudulenta, de observar procedimentos mínimos para aprovação do plano de voo da aeronave. Desde 2016, Celia era refugiada no Brasil e vivia em Corumbá, normalmente. A controladora chegou a ter o pedido de refúgio renovado. Celia usou como argumento para o pedido de refúgio "perseguição" na Bolívia, após as declarações sobre o acidente. 

23 de setembro de 2021

SEGURANÇA DO HOSPITAL DE JARDIM DO SERIDÓ É BALEADO EM TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Uma tentativa de homicídio foi registrada no final da tarde desta quinta-feira, (23), no Bairro Bela Vista, em cidade de Jardim do Seridó, tendo como vítima, “Galego de Zé Geraldo”, que trabalha como segurança do hospital local.

 

Segundo familiar, “Galega” estava saindo a pé de casa, quando uma dupla passou de moto pelo mesmo, voltou, um dos ocupantes da moto abriu fogo, e o baleou. Mesmo ferido, “Galego” conseguiu correr, e se livrar de mais disparos.

 

Ainda segundo informações de familiar, “Galego” notou à tempo que seria baleado, e “deu pulos” para se livrar dos tiros, mas, mesmo assim foi baleado no ombro esquerda. “Galego” foi socorrido para o hospital local, e posteriormente foi transferido para Caicó, mas passa bem. Os criminosos ainda não foram identificados, nem a vítima disse se os reconheceu.

MÉDICO É MORTO DENTRO DE CLÍNICA PARTICULAR NA BA; VEJA VÍDEO

As câmeras de segurança da clínica em que o médico pediatra Júlio César de Queiroz Teixeira, 44 anos, foi morto, na manhã desta quinta-feira (23), na cidade de Barra, oeste da Bahia, flagraram o momento que os pacientes ouviram os disparos, que aconteciam dentro da sala de atendimento e correram.

 

As imagens mostram que o médico foi morto por volta das 8h30. Entre os pacientes que aguardavam na recepção da unidade médica, estavam homens, mulheres, idosos e crianças.

 

 


 

Também é possível ver o suspeito de cometer o crime deixando a sala de atendimento. O homem estava vestido com uma calça jeans e uma camisa cinza.

 

A Polícia Civil de Barra detalhou ainda que um homem, comparsa do atirador, o aguardou do lado de fora da clínica para dar fuga. Os dois saíram do local em uma moto. O Departamento de Polícia Técnica (DPT) esteve no local ainda na manhã desta quinta para fazer a perícia. 

CPI OUVE TESTEMUNHAS E CONFIRMA DEPOIMENTO DE SECRETÁRIO-EXECUTIVO DO CONSÓRCIO NORDESTE

A CPI da Covid da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte teve, na tarde desta quinta-feira (23), mais uma reunião, com os depoimentos de três pessoas. Um empresário, que foi ouvido na condição de investigado, e duas servidoras da Secretaria de Saúde do Estado, que são testemunhas, depuseram para os parlamentares sobre dois contratos que são alvos de investigação. Além disso, o presidente da CPI, deputado Kelps Lima (Solidariedade), anunciou que os depoimentos de duas pessoas envolvidas na compra de respiradores por parte do Consórcio Nordeste.



Primeiro a ser ouvido na CPI, o empresário Luiz Carlos Souza, da empresa Interprise Instrumentos Analíticos LTDA, foi ouvido sobre a aquisição de reagentes por parte do LACEN. Os parlamentares questionaram principalmente sobre como se deu o andamento para a contratação, já que não houve propostas de outras empresas. O empresário explicou que somente a Interprise dispunha de um tipo de reagente que foi testado e aprovado por diversos laboratórios do país em junho do ano passado, para a realização de testes de covid-19. Por isso, acredita que ocorreu a celeridade no processo de contratação para a aquisição dos reagentes.



Por outro lado, o deputado Kelps Lima questionou sobre a data em que a proposta foi encaminhada pela empresa e ouviu do investigado que o documento foi encaminhado em data que seria anterior ao termo de referência para contratação do serviço. Para esclarecer o assunto, o presidente da CPI deu prazo de sete dias e solicitou documentos comprovando o encaminhamento da proposta, o que ficou acordado com o representante da empresa. 



Além do contrato relacionado aos reagentes, os parlamentares também se debruçaram sobre a contratação de um instituto de pesquisa do Piauí para realização de uma levantamento com relação a pessoas infectadas pela covid no estado. Depuseram a servidora Deuma Maria Alves Santos de Oliveira e Kelly Kattiucci Brito de Lima Maia, que participaram do processo para a contratação da empresa. O tema já havia sido discutido em outras reuniões, mas os parlamentares ainda tinham questionamentos com relação à conclusão da pesquisa, se houve o pagamento por uma etapa do levantamento que não chegou a ser realizado e sobre a real efetividade da pesquisa sem a fase inicial. A forma como ocorreu a contratação da empresa também foi alvo de questionamento, já que, no entendimento dos deputados Kelps Lima e Gustavo Carvalho (PSDB), o instituto contratado pode ter sido beneficiado porque outras possíveis prestadoras do serviço, inclusive do estado, não foram informadas sobre o levantamento.



"O que buscamos é esclarecer os fatos e os termos em que os contratos foram formulados, inclusive colaborando com a formulação dos novos contratos na administração pública. Não queremos fazer pré-julgamento de ninguém e torcemos para que os contratos investigados não tenham irregularidades, mas precisamos investigar os indícios de falhas que já demonstramos haver", disse o presidente da CPI, Kelps Lima, em reunião que contou também com a participação do deputado Gustavo Carvalho e do relator, Francisco do PT.



Na reunião, inclusive, o presidente da CPI disse que os depoimentos do secretário-executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Gabas, e do empresário Carlos Kerbes estão agendados e confirmados para o dia 6 de outubro. Ambos serão ouvidos sobre o pagamento de quase R$ 5 milhões pelo Rio Grande do Norte para a compra de ventiladores pulmonares que não foram entregues ao estado, assim como o dinheiro também não foi devolvido.


MOTORISTA DE CAMINHÃO É ATACADO POR CENTENAS DE ABELHAS APÓS CAIR DE PONTE NO GO

Um motorista de um caminhão carregado com gás líquido foi atacado por abelhas após cair de uma ponte na BR-153, em São Luiz do Norte, no norte de Goiás. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo caiu em cima de duas colmeias e o condutor levou cerca de 500 ferroadas, ficando em estado grave.
 

Ainda conforme a PRF, o motorista perdeu o controle da direção e caiu no córrego. Ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado ao hospital municipal da cidade. O caminhão estava parcialmente carregado com o gás e seguia com destino a Goiânia. 

 

A corporação disse ainda que o acidente causou ao condutor um traumatismo craniano leve, mas a complicação em seu estado de saúde se deu devido ao ataque das abelhas.

 

FESTA DO BOI SERÁ RETOMADA DE FORMA PRESENCIAL EM NOVEMBRO

A 59ª edição da Festa do Boi será realizada de forma presencial, de 13 a 20 de novembro, no Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim. 

 

Em 2020, o evento aconteceu de forma virtual por causa da pandemia do novo coronavírus. 

 

Segundo o governo, a Anorc será responsável pelo cumprimento de todos os protocolos sanitários estabelecidos. Uma medida anunciada é que expositores e colaboradores deverão apresentar comprovante da vacinação já na contratação dos espaços.

POLÍCIA PROCURA ACUSADO DE DOIS HOMICÍDIOS NO SERIDÓ E OUTRO EM CIDADE DA GRANDE NATAL

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) divulgou, nesta quarta-feira (22), imagens que podem auxiliar na localização de Edson Flávio de Oliveira Lima, mais conhecido como “Edinho”, 40 anos, acusado de 2 homicídios em Caicó e 1 em São Gonçalo do Amarante. A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181, que possam auxiliar na localização do suspeito. 

MINISTÉRIO DA SAÚDE NOTIFICA BUTANTAN POR DESCUMPRIMENTO DE CONTRATO NA ENTREGA DE CORONAVAC

O Ministério da Saúde afirmou na noite desta quarta-feira (22) que notificou o Instituto Butantan alegando que o laboratório anunciou a venda de doses CoronaVac a estados antes de concluir o contrato de 100 milhões de doses que tem com o Governo Federal — há uma cláusula de exclusividade entre o Butantan e o ministério até a conclusão do contrato.

 

O Butantan anunciou a venda direta de 2,5 milhões de doses a cinco estados também nesta quarta-feira (22) - Ceará, Espírito Santo, Pará, Piauí e Mato Grosso.

 

Na semana passada, o instituto disse que havia concluído as entregas ao Programa Nacional de Imunizações. No entanto, o laboratório considerou doses da CoronaVac embargadas pela Anvisa.

 

De acordo com o Ministério da Saúde, se confirmada a quebra de contrato por exclusividade, o instituto pode ser multado em R$ 30 milhões.

 

Segundo apuração feita pela equipe do Jornal da Globo, o instituto foi de fato notificado, e quatro das 12 milhões de doses embargadas pela Anvisa, nesta quarta-feira (22), já foram substituídas.

 

O Butantan também trabalha trocar e enviar as oito milhões de doses restantes ao Governo Federal. Instituto diz que tem até 30 de setembro para concluir a entrega.

22 de setembro de 2021

CAICÓ CONFIRMA PRIMEIRO PACIENTE COM A VARIANTE DELTA DO CORONAVÍRUS

A Secretaria Municipal de Saúde de Caicó confirmou o primeiro caso da variante delta do coronavírus na cidade.

 

Ao todo, 39 casos da variante já foram confirmados no RN. O estado registra duas mortes de pacientes com a variante.

 

O paciente de Caicó é um adolescente de 16 anos, que apresentou sintomas em agosto. O swab do jovem foi colhido no dia 18 do mesmo mês e o resultado positivo saiu dois dias depois.

 

Foram colhidas amostras e o exame que detecta a variante delta teve resultado confirmado nesta quarta-feira (22). “O paciente disse que não viajou, mas teve contato com familiares viajantes”, informou a coordenadora da SMS, Jardênia Noronha. Segundo ela, o adolescente teve a doença de forma leve.

 

A equipe de monitoramento do município informou que segue acompanhando o caso e os contatos que o jovem teve.

SENADO APROVA EM 2º TURNO PEC DA REFORMA ELEITORAL SEM A VOLTA DAS COLIGAÇÕES

O Senado aprovou nesta quarta-feira (22), em dois turnos, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que trata da reforma eleitoral. O texto foi aprovado por 70 votos a 3, em primeiro turno, e por 66 votos a 3, em segundo turno.

 

A PEC tem origem na Câmara, onde foi aprovada no mês passado, com a previsão da volta das coligações partidárias nas eleições proporcionais (para escolha de vereadores e deputados). Pontos aprovados nas duas casas legislativas ainda devem ser promulgados pelo Congresso Nacional.

 

A formação de coligações permite a união de partidos, muitas vezes sem a mesma ideologia partidária, em um único bloco para a disputa das eleições proporcionais (deputados e vereadores). O mecanismo favorece os chamados “partidos de aluguel”, que tendem a negociar apoios na base do “toma-lá-dá-cá”. 

 

Segundo especialistas, as coligações também possibilitam que candidatos com votação expressiva contribuam para a eleição de integrantes de siglas coligadas que receberam poucos votos.

 

CPI BUSCA INFORMAÇÕES SOBRE CONTRATAÇÃO DE AMBULÂNCIAS NA PANDEMIA NO RN

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte ouviu, na tarde desta quarta-feira (22), três pessoas que trataram sobre contrato relacionado ao enfrentamento da pandemia da covid-19 no estado. No encontro, os parlamentares buscaram as justificativas para contratação da empresa que venceu a disputa e se o trâmite para a contratação ocorreu dentro das normas vigentes.



Presidida pelo deputado Getúlio Rêgo (DEM), a reunião comissão teve a participação dos deputados Francisco do PT, que é o relator, Gustavo Carvalho (PSDB) e George Soares (PL), de maneira presencial, além da participação do deputado Kelps Lima (Solidariedade), presidente da CPI, que estava participando de maneira remota. 



Primeira pessoa a depor, a Subprocuradora-Geral Consultiva do RN, Janne Maria de Araújo, foi ouvida na condição de convidada. Ela explicou sobre as normas que estabeleceram formas de dar celeridade aos contratos firmados durante a pandemia, incluindo a possibilidade de emissão e utilização de pareceres referenciais para contratos urgentes e que tivessem moldes semelhantes. Os parlamentares questionaram a legalidade de alguns contratos, objetos de investigação da CPI, incluindo o da compra de respiradores e das ambulâncias. O último, inclusive, foi o mais discutido na reunião.



Sobre esse contrato, foram ouvidos Renata Silva Santos, servidora da SESAP, e Igor Vinicius Fernandes de Morais, ex-subcoordenador da Assessoria Jurídica da SESAP. Ambos foram na condição de testemunhas e responderam a questionamentos sobre o contrato para o serviço de transporte sanitário, com disponibilização de veículos e todos os equipamentos. Um dos principais questionamentos foi acerca da vistoria realizada nas ambulâncias e também sobre a obrigatoriedade inicial de que as empresas que fossem participar da disputa fossem proprietárias dos veículos utilizados.



Durante o depoimento de Igor Vinícius Fernandes, o deputado Gustavo Carvalho questionou se a obrigatoriedade das empresas serem proprietárias dos veículos não prejudicaria a disputa. "Me parece um pecado jurídico cobrar a propriedade dos veículos, o que me parece ter afastado outras empresas que poderiam participar da disputa", analisou o parlamentar, que teve a opinião comungada pelo depoente. "É uma informação importante essa obrigatoriedade, porque claramente prejudicaria outras empresas que poderiam disputar", complementou Getúlio Rego. A empresa que venceu a disputa não tinha a propriedade das ambulâncias.



Também sobre os contratos, os parlamentares questionaram as datas sobre o encaminhamento de documentos que, segundo eles, não poderiam ter ocorrido na ordem afirmada pelo Governo. Um exemplo foi dado pelo deputado Gustavo Carvalho, que afirmou que a aquisição de equipamentos por parte da empresa vencedora ocorreu em data posterior à da vistoria realizada em que foi atestado que as ambulâncias já estavam equipadas. "É muito estranho que não se tenha uma imagem de dentro das ambulâncias que foram vistoriadas", analisou Kelps Lima, questionando ainda sobre os motivos pelos quais o contrato foi finalizado somente um mês após ter sido firmado.



Ainda sobre o assunto, a testemunha explicou que a forma de pagamento pelos serviços, que eram realizados por deslocamentos e não por diárias, desagradou a empresa, que questionou o valor a ser recebido. Porém, Renata Silva Santos explicou que os serviços contratados, àquele momento, não eram mais necessários. "Como é que o dono de uma empresa faz um contrato combinado para ter prejuízo? Não há sentido", questionou o deputado Francisco do PT, relator da CPI, sobre as suspeitas de possível favorecimento à empresa vencedora do contrato.



Nesta quinta-feira, a CPI prossegue com depoimentos. Serão ouvidos dois servidores da Sesap e um empresário.