11 de dezembro de 2021

DESVIO DE VERBA PARA A COVID-19 PODE CHEGAR A R$ 300 MILHÕES; RN ESTÁ ENTRE OS ESTADOS ROUBADOS

Um levantamento da Controladoria-Geral da União aponta que o prejuízo em desvio de recursos para a Covid destinados a estados e municípios pode chegar a R$ 300 milhões. 

 

Durante a pandemia, houve um aumento de operações de combate à corrupção pelo País. O ano de 2020 alcançou o maior número da série histórica, desde 2003, com 97 operações, das quais 47 relacionadas a verbas para o enfrentamento à Covid, aponta o estudo. Em 2021, ocorreram mais 57 operações, das quais 31 envolveram dinheiro da pandemia.

 

As operações ocorreram desde abril de 2020 nos estados da BA, MT, MA, ES, SP, RN, CE, PA, PB, AL, SE, PI, AC, GO, MG, AM, RJ, RR, TO, RO, PE, AP, RS, DF e foram realizadas com a ajuda da Polícia Federal.

FIOCRUZ ENTREGA MAIS 2,9 MILHÕES DE DOSES COMPRADAS PELO GOVERNO FEDERAL

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) entregou hoje (12) um lote de 2,9 milhões de doses da vacina Oxford AstraZeneca ao Ministério da Saúde. 

 

A remessa do imunizante contra a covid-19 será distribuída para estados e municípios pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI). 

 

Ao todo, a Fiocruz já entregou 148,4 milhões de doses ao PNI este ano. Em dezembro, foram entregues 4,2 milhões de doses.

RÉUS DO CASO DA BOATE KISS SÃO CONDENADOS

Após 10 dias de julgamento e quase nove anos de espera, o Tribunal do Júri do Foro Central de Porto Alegre condenou pela morte de 242 pessoas os quatro réus acusados do incêndio da boate Kiss: Elissandro Callegaro Spohr, Mauro Lodeiro Hoffmann, Marcelo de Jesus dos Santos e Luciano Augusto Bonilha Leão. A sentença começou a ser lida na tarde desta sexta-feira (10).

 

O incêndio na madrugada de 27 de janeiro de 2013 em Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul, deixou 242 pessoas mortas e outras 636 feridas. As vítimas, em sua maioria, eram jovens estudantes com idades entre 17 e 30 anos, moradores da cidade universitária. A justiça decretou as seguintes condenações:

 

Elissandro Spohr, sócio da boate: 22 anos e seis meses de prisão por homicídio simples com dolo eventual

Mauro Hoffmann, sócio da boate: 19 anos e seis meses de prisão por homicídio simples com dolo eventual

Marcelo de Jesus, vocalista da banda: 18 anos de prisão por homicídio simples com dolo eventual

 Luciano Bonilha, auxiliar da banda: 18 anos de prisão por homicídio simples com dolo eventual

 

O cumprimento da pena se daria em regime fechado e, por ser superior a 15 anos, seria executada de forma provisória. Assim, a prisão dos quatro foi decretada pelo magistrado. No entanto, Faccini Neto recebeu a comunicação de que o Tribunal de Justiça concedeu um habeas corpus preventivo em favor de um dos réus, o que fez suspender a execução da pena dos quatro. Portanto, nenhum deles foi preso.

PAI, FILHO E PILOTO MORREM APÓS QUEDA DE AVIÃO NA BA

Três pessoas morreram após um avião cair na cidade de Barreiras, no oeste da Bahia, neste sábado (2). O acidente aconteceu em uma área de ve...