24 de outubro de 2021

CORONEL AZEVEDO PARTICIPA DA JORNADA DAS ÁGUAS COM PRESIDENTE BOLSONARO

O deputado estadual Coronel Azevedo (PSC) participou, na Paraíba, da Jornada das Águas acompanhando o presidente da República, Jair Bolsonaro, na solenidade de entrega do último trecho do eixo Norte da Transposição do rio São Francisco, que vai abastecer o rio Piranhas/Açu e a barragem de Oiticica, no Rio Grande do Norte. 



Com isso, de acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), as obras físicas necessárias para garantir o caminho das águas dos eixos Leste e Norte estão concluídas. 



O trecho tem oito quilômetros de extensão, entre os reservatórios Caiçara, em São José de Piranhas, e Avidos, em Cajazeiras, também na Paraíba. O investimento federal na estrutura foi R$ 49,7 milhões.



Vale lembrar que o ramal Apodi/Mossoró já foi contratado no valor de R$ 1,7 bilhão. “Isto significa segurança hídrica para o Rio Grande do Norte, desenvolvimento social e econômico. Mais agricultura, mais pecuária, mais saúde”, destacou o parlamentar.



A Jornada das Águas começou na segunda-feira (18), em São Roque de Minas, no norte de Minas Gerais, região da nascente do Rio São Francisco, e vai terminar em Propriá, em Sergipe, no dia 28 de outubro.



A viagem é liderada pelo ministro do Desenvolvimento Regional Rogério Marinho e vai percorrer todos os estados do Nordeste com anúncios e entrega de obras de infraestrutura, preservação e recuperação de nascentes e cursos d’água, saneamento, irrigação, apoio ao setor produtivo e aos municípios, além de ações de governança, com propostas de mudanças normativas no setor.



PF ENCONTRA 85 MIL PÉS DE MACONHA EM TERRAS INDÍGENAS NO MA

Cerca de 85 mil pés de maconha, 500 mudas e 1 kg de sementes da planta foram destruídas em uma operação da Polícia Federal, realizada no Maranhão. O material foi encontrado em terras indígenas de Alto Turiaçu, Alto Rio Guamá e em Terras da União, nas proximidades dos municípios de Centro do Guilherme e Centro Novo. 

 

A 5ª fase da Operação Fusarium também se estendeu para outros estados, como Pernambuco, Bahia e até para o Paraguai. A polícia diz que toda as substâncias encontradas somam cerca de 28 toneladas de entorpecentes. 

 

A operação chegou a prender em flagrante uma pessoa que foi encontrada em uma das plantações portando droga e uma espingarda. 

 

Para deflagração da operação, a Policia Federal empregou cerca de 42 servidores (entre delegados, agentes, escrivães e agentes administrativos), dois helicópteros da Coordenação de Aviação Operacional da Polícia Federal – CAOP, bem como, contou com o apoio do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Maranhão.

HADDAD IMPÕE ‘LEI DA MORDAÇA’ À PRÓPRIA ASSESSORIA, NO MINISTÉRIO DA FAZENDA

Fernando Haddad baixou portaria estabelecendo uma “lei da mordaça” na própria assessoria da comunicação do Ministério da Fazenda, como se nã...