16 de março de 2018

CASAL MORRE E DOIS HOMENS FICAM FERIDOS EM ACIDENTE NO INTERIOR DO RN

Duas pessoas morreram e outras duas ficaram feridas em um acidente que aconteceu por volta das 10h desta sexta-feira (16) na BR-406. O caso foi na rotatória que liga a BR à rodovia conhecida como Estrada do Óleo, usada como acesso ao município de Alto do Rodrigues, na região da Costa Branca Potiguar.
 
 
 
 
 
 
 
 
De acordo com o major Marcos Carvalho, comandante da Companhia da Polícia Militar, três veículos se envolveram no acidente. Foram um carro modelo gol, uma caminhonete Hilux e um caminhão. Um casal que estava na Hilux morreu na hora.
 
 
 
 
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o condutor do gol, que vinha pela chamada Estrada do Óleo, teria avançado a preferencial e colidido com a caminhonete, que seguia no sentido Macau/Natal. O condutor da Hilux, por sua vez, perdeu o controle do veículo e colidiu lateralmente com a frente do caminhão, que seguia no sentido oposto.
 
 
 
 
 
O casal que estava na Hilux, um homem de 57 anos e uma mulher de 58, são donos de uma empresa de importados em Natal. Apesar da informação, eles ainda não foram identificados oficialmente.
 
 
 
 
O condutor do caminhão foi socorrido para Natal com fraturas nas pernas. Já o condutor do Gol, com ferimentos menos grave, foi levado ao Hospital de Guamaré.

MUNIÇÃO QUE MATOU MARIELLE É DO MESMO LOTE USADO EM CHACINA NA GRANDE SP EM 2015

As munições calibre 9 mm que mataram a vereadora carioca Marielle Franco (PSOL) e o motorista Anderson Gomes são do mesmo lote de parte das balas utilizadas na maior chacina do estado de São Paulo. Os assassinatos de 17 pessoas ocorreram em Barueri e Osasco, na Grande São Paulo, em 13 de agosto de 2015. Três policiais militares e um guarda-civil foram condenados pelas mortes.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
O lote em questão é o UZZ-18, como revelou com exclusividade o RJTV 1ª edição nesta sexta-feira (16). Segundo a Polícia Civil do Rio, esse lote foi vendido à PF de Brasília pela empresa Companhia Brasileira de Cartuchos (CBC) no dia 29 de dezembro de 2006, com as notas fiscais número 220-821 e 220-822.
 
 
 
 
Em ofício de 2015 do processo da chacina de Osasco e Barueri, a empresa Companhia Brasileira de Cartuchos (CBC) indica para a Polícia Militar de São Paulo para onde foram vendidas as balas dos cinco lotes de munição usados na chacina. Parte dessa munição encontrada na cena da chacina de Osasco é do mesmo lote da usada no assassinato de Marielle.
 
 
 

GOVERNO CONCLUIRÁ FOLHA DE FGOVERNO CONCLUIRÁ FOLHA DE FEVEREIRO E 45% DO 13º DOS SERVIDORES NO FINAL DO MÊS EVEREIRO E 45% DO 13º DOS SERVIDORES NO FINAL DO MÊS

O Governo do RN conclui no próximo dia 30 de março a folha de fevereiro. No dia 23 de março, serão depositados R$ 4 mil para os servidores que ainda não receberam.
 
 
 
 
O complemento salarial desta faixa será depositado no dia 30. Com isso, o Estado integraliza o salário de fevereiro dos 111.729 servidores ativos, inativos e pensionistas.
 
 
 
No dia 30 de março também será pago o 13º salário para quem recebe até R$ 2 mil. Eles se somam aos servidores da Educação, Detran, Ipern, Idema, Jucern e DEI, que tiveram os vencimentos integrais creditados em dezembro de 2017.

EM EQUADOR, “ZÉ” AGRIPINO DEBATE VIOLÊNCIA E DIZ QUE LEGISLATIVO TEM FEITO O POSSÍVEL PARA AJUDAR O RN

Em comemoração aos 55 anos de emancipação política do município de Equador (RN), o senador José Agripino (RN) esteve nesta sexta-feira (16) na cidade e, ao lado da prefeita Noeide Sabino, do deputado federal Felipe Maia, do deputado estadual Nelter Queiroz, vereadores e outras lideranças locais, conversou com moradores e jornalistas da região. Questionado sobre a violência que assola o Rio Grande do Norte, Agripino disse que, como parlamentar, tem lutado por soluções para a questão da violência no RN, mas frisou que existem responsabilidades e competências que são exclusivas do Poder Executivo.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
No Poder Legislativo, fazemos tudo aquilo que é possível e ao que compete a nós, como parlamentares. Aliás, nunca faltamos com o estado. Sempre que chamados, estivemos presentes para apoiar, para cobrar, mas não para resolver questões exclusivas do Executivo até porque o Legislativo não tem meios para isso. Quem tem é o governo estadual”, acrescentou Agripino.
 
 
 
 
 
 
Ainda de acordo com o senador pelo Rio Grande do Norte, um dos maiores responsáveis pela violência no país é o tráfico de drogas. Ele voltou a defender que o Brasil invista urgentemente em seus pelotões de fronteira de forma que dê aos profissionais condições efetivas de combate ao crime. “Um dos principais problemas da falta de segurança é o tráfico de drogas. Temos que dar prioridade ao combate ao narcotráfico, fortalecendo nossas fronteiras, fazendo com que os pelotões tenham tecnologia, armamento, equipe, ou seja, que eles tenham condições reais e consistentes para enfrentar o tráfico de drogas”, destacou.
 
 
 
 
 
De lá, o senador seguiu viagem para Currais Novos, onde cumpre agenda local.

ASSASSINO DE "MÁRIO DO MANHOSO" PEGA POUCO MAIS DE 12 ANOS DE PRISÃO

O Tribunal do Júri, reunido em Jardim de Piranhas na tarde dessa quinta-feira, (15), condenou a 12 anos; 4 meses e 15 dias de reclusão, o paraibano Edilson Teixeira da Silva, autor do crime que tirou a vida do vaqueiro caicoense, Mário Pacífico ou "Mário do Manhoso", fato ocorrido no dia 10 de janeiro de 2015.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
À época do crime, Mário teria ido ao sítio em que Edilson Teixeira trabalhava para cobrar uma dívida, a qual recusou-se a pagar. Mário teria avisado ao criminoso que ia ao seu encontro, feito isto, ao chegar, foi covardemente morto pelo paraibano, que apareceu de repente com uma arma de fogo em punho e se pôs a atirar.
 
 
 
 
 
Do Blog: Matam por nada, haja vista a impunidade. Dos mais de 12 anos, se for "bem comportado", vai ficar preso por menos de 04 anos. A vítima é quem ficou presa eternamente.
 
 
 

SECRETÁRIO DE SAÚDE DE CIDADE DO INTERIOR DO RN É DENUNCIADO PELO MP POR INFORMAÇÃO FALSA EM DOCUMENTO PÚBLICO

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) ofereceu denúncia na Justiça potiguar contra o secretário municipal de Saúde de Afonso Bezerra, Francisco de Assis Aquino, por ter inserido informação falsa em documento público.
 
 
 
 
 
De acordo com as investigações, a intenção seria tentar desviar a fiscalização do Ministério Público e prejudicar o fornecimento de procedimento médico a uma cidadã.
 
 
 
 
A Promotoria de Justiça de Angicos instaurou inquérito civil para apurar recusa da Secretaria Municipal de Saúde de Afonso Bezerra em autorizar procedimento cirúrgico a uma senhora, para retirada de nódulo no seio esquerdo.
 
 
 
 
Com o objetivo de garantir o direito à saúde da paciente, o MPRN requisitou à Secretaria de Saúde informações sobre a realização do procedimento. Em resposta via ofício enviado em 29 de junho de 2017, o secretário informou que a senhora estava recebendo acompanhamento do Hospital Luiz Antônio, em Natal.
 
 
 
 
No entanto, a noticiante compareceu à Promotoria de Justiça em seguida, informando que a Secretaria Municipal de Saúde ainda não tinha autorizado o procedimento cirúrgico, enfatizando que a informação prestada pelo Secretário de Saúde era inverídica.
 
 
 
 
A autoria e a materialidade foram comprovadas por meio dos depoimentos prestados e dos documentos acostados ao inquérito. Notificado, o denunciado silenciou, não apresentando sua versão dos fatos.
 
 
 
 
Da forma como agiu, o denunciado praticou o delito tipificado no artigo 299 do Código Penal, quando omitiu informações, em documento público, “com o fim de prejudicar direito, criar obrigação ou alterar a verdade sobre fato juridicamente relevante”. A pena é de reclusão de um a cinco anos e multa. Se o agente é funcionário público, e comete o crime prevalecendo-se do cargo, aumenta-se a pena de sexta parte.

AVIÃO DERRUBA 3,5 TONELADAS DE BARRAS DE OURO NA SIBÉRIA

Quase 3,5 toneladas de barras de ouro se espalharam pela pista de um aeroporto na região russa da Sibéria. O inusitado episódio ocorreu em Yakutsk, quando um avião de carga modelo Antonov AN-12, que levava 9 toneladas de barras de ouro, perdeu 172 lingotes no momento da decolagem.
 
 
 
 
 
 
 
 
De acordo com a imprensa russa, as barras caíram do avião devido a uma falha, pois não tinham sido fixadas no compartimento de carga de maneira adequada para não deslizarem no pouso e na decolagem.
 
 
 
 
O avião precisou aterrissar logo em seguida, no aeroporto de Magan, a 12 quilômetros de Yakutsk. A polícia não descarta que outras barras de ouro tenham caído também durante o curto percurso. Os cinco membros da tripulação estão bem.

FAMÍLIA DE SARGENTO MORTO POR COLEGA EM ALOJAMENTO DA PM NA PB CONTESTA VERSÃO DA POLÍCIA

A família do sargento da Polícia Militar morto na manhã dessa quinta-feira, (15), dentro do Centro de Educação da Polícia Militar, no bairro de Mangabeira, em João Pessoa, por um colega de corporação que estaria embriagado, contestou a versão apresentada pela direção do alojamento, de que os disparos que atingiram o PM tenham sido acidentais. Segundo a mãe e a esposa da vítima, o caso merece ser mais investigado e elas pedem que seja feita justiça.
 
 
 
 
 
Maria da Paz, mãe do sargento José Lúcio Júnior, 32 anos, que foi assassinado, estranhou a forma como foi avisada do crime. “Disse que ele [José Lúcio] estava dormindo quando esse 'caba' chegou de madrugada, foi manusear a arma e esse tiro bateu nele que ele nem viu. Disseram que não precisava a família ir que eles mesmo traziam o corpo. Depois meu menino teve que ir. Quem já viu uma coisa dessas?”, questionou a mãe da vítima.
 
 
 
 
 
Ela também contestou o fato do sargento Lira, suspeito de ter cometido o crime, ter conseguido entrar no alojamento, mesmo apresentando sinais de embriaguez. “Se uma pessoa não tem psicológico de usar uma arma, chegar de madrugada bêbado e manusear a arma, como é que pode? Não acredito nisso! Eu acho que ele matou porque quis, não foi inocente não”, comentou Maria da Paz.
 
 
 
 
 
 
A esposa de José Lúcio, Adna Maria da Silva, casada há cinco anos com a vítima, também não acredita no que contou a polícia. “Pelos relatos que a gente ficou sabendo de pessoas que estavam lá, isso não foi um tiro acidental. Os relatos falam que eles estavam deitados e que chegou esse outro sargento fazendo muito barulho. Inclusive, falaram que ele tinha bebido. Aí Lúcio levantou e pediu para ele fazer silêncio, logo em seguida aconteceu isso”, relatou Adna.
 
 
 
 
 
 
A versão apresentada pelo diretor do Centro de Ensino, o coronel José Ronildo, é de que o suspeito dos disparos estava embriagado e pouco antes estava em um bar próximo ao local do crime. “O sargento Lira saiu para jantar fora do alojamento e voltou embriagado. Possivelmente, em virtude da embriaguez, não teve condições de manusear a arma, uma pistola .40, e acabou disparando os tiros. Só saberemos o que realmente aconteceu após a realização de perícia no local do crime”, afirmou o coronel José Ronildo.
 
 
 
 
 
O sargento da PM José Lucio, natural de Campina grande, foi morto com dois tiros enquanto dormia no interior do alojamento, no bairro de Mangabeira. Os disparos atingiram o tórax e braço do sargento J. Lúcio. A vítima foi socorrida e encaminhada para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo pouco depois do atendimento.
 
 
 
 
 
O sargento Lira, também de Campina Grande, foi detido em flagrante e transferido para a carceragem do 1° Batalhão da Polícia Militar. Segundo a PM, de lá ele vai ser encaminhado para o juiz da Vara Militar de João Pessoa, onde será realizada audiência de custódia.
 
 

PONTE DESABA SOBRE CARROS E DEIXA "VÁRIOS MORTOS" EM MIAMI

Uma ponte para pedestres caiu em Miami, nos Estados Unidos, nesta quinta-feira (15), destruindo diversos carros que estavam na avenida abaixo. A imprensa local já fala em "várias mortes".
 
 
 
 
 
 
 
 
Segundo a CBS Miami , ao menos uma pessoa foi encaminhada ao hospital. No entanto, a NBC Miami aponta que, ao todo, cinco pessoas foram socorridas. Já o Miami Herald aponta que ao menos seis pessoas morreram, citando policiais presentes na cena. O veículo também informou que pelo menos cinco carros ficaram presos.
 
 
 
 
 
A estrutura, que seria inaugurado em 2019, seria utilizada como passagem de pedestres na Universidade Internacional da Flórida e fica entre a 109th Avenue e a 8th Street. O acidente aconteceu por volta das 14h, pelo horário local. Ainda não se sabe o que causou o desabamento.
 
 
 
 
 
O elevado havia sido instalado no sábado (10). Segundo a mídia local, a construção foi solicitada pelos próprios alunos, que tinham de atravessar sete corredores para chegar ao campus.

'MORRE UM POUCO CADA UMA DE NÓS', DIZ MINISTRA CÁRMEN LÚCIA SOBRE ASSASSINATO DE MARIELLE FRANCO

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, afirmou nesta quinta-feira (15) no Twitter que, com o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL), no Rio de Janeiro, "morre um pouco cada uma de nós".
 
 
 
 
Morre uma mulher. No caso de Marielle, morre um pouco cada uma de nós. Fica viva sua luta por Justiça e igualdade. E o nosso compromisso de continuar com ela. Assim, ela continua conosco. Para sempre Marielle!”, escreveu a ministra.
 
 
 
 
Além de Cármen Lúcia, outros ministros se manifestaram sobre o assassinato na sessão desta quinta-feira do tribunal.
 
 
 
 
Para o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, a morte de Marielle Franco indica 'déficit civilizatório'.
 
 
 
 
 
O ministro Alexandre de Morais manifestou solidariedade à família da vereadora e do motorista dela, também assassinado. Segundo Morais, a Marielle Franco "foi vitima da mais cruel e covarde forma de discriminação, que é a eliminação física, não bastasse uma série de discriminações".
 
 
 
 
 
"Tem faltado palavras para descrever o que está acontecendo no Rio de Janeiro, uma combinação de corrupção, violência e mediocridade. É um círculo vicioso difícil de se romper e que tem conduzido a extrema violência que nós estamos enfrentando continuar a luta por justiça e por igualdade", declarou o ministro Luís Roberto Barroso.
 
 
 
 
 
O ministro Ricardo Lewandowski classificou a morte da vereadora como "brutal assassinato". " Segundo ele, há atualmente no Brasil uma "maré montante de ódio e de intolerância que atinge não apenas as mulheres e negras, mas também outras minorias. Penso que é função e até missão do STF estarmos atentos à solução deste grave problema".

MANIFESTANTES PROTESTAM PELO PAÍS E NO EXTERIOR CONTRA A MORTE DE VEREADORA E MOTORISTA

Manifestantes foram às ruas em diversas cidades do país em protestos pedindo justiça após a execução da vereadora do Rio Marielle Franco (PSOL), morta a tiros na noite de quarta-feira (14) dentro de um carro na região central da capital fluminense. O motorista Anderson Gomes também foi baleado e morreu.
 
 
 
 
 
 
 
 
No Rio de Janeiro houve protestos na Cinelândia e em diferentes pontos do Centro. Após acompanhar o velório na Câmara, o ato contra a morte de Marielle seguiu para a Alerj. Em São Paulo, milhares fecharam um trecho da Avenida Paulista em frente ao Masp.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Em Natal, manifestantes se reuniram no final da tarde na sede do PSOL na capital potiguar e a caminhada seguiu em direção à Praça Cívica, na Zona Leste. Não há estimativa oficial sobre quantas pessoas participaram do protesto.

VIVALDO COSTA VOLTA À AL/RN PARA SEU 14º MANDATO NA PRÓXIMA SEMANA

O Papa Jerimum, Vivaldo Costa (PV), assumirá sua cadeira na assembleia legislativa do RN pela 14ª vez.   Vivaldo Costa assumirá a vaga do en...