7 de janeiro de 2020

MESMO APÓS TOMAR SORO ANTIOFÍDICO, MULHER PICADA POR COBRA MORRE NO INTERIOR DO RN

Uma mulher de 49 anos morreu depois de ser picada por uma cobra jararaca em Governador Dix-Sept Rosado, no Oeste potiguar, neste domingo (5). Ela tinha sido picada na última quarta (1º) quando foi colocar comida para o gado, junto do marido. Outras duas pessoas foram atendidas no Hospital Tarcísio Maia, onde ela foi atendida, depois de serem picadas por cobras, nos primeiros dias do ano. 




Risolane de Sousa Costa chegou a ser atendida e tomou o soro antiofídico. Mesmo assim ela não resistiu. Abalado, Raimundo Oliveira, marido da vítima, disse que chegou a escutar o barulho do animal.



A mulher foi hospitalizada, tomou o soro antiofídico, específico contra picadas de cobras e outros animais peçonhentos, mas não resistiu. Além de Risolane, outras duas pessoas foram picadas por cobras no Oeste do Estado foram atendidas no Hospital Tarcísio Maia em Mossoró, nos primeiros dias do ano. Um dos casos foi na cidade de Tibau e o outro em Serra do Mel.


Fonte: G1/RN.

TUMULTO COM DEZENAS MORTES ATRASA ENTERRO DE GENERAL NO IRÃ


Dezenas de pessoas morreram e outras centenas ficaram feridas em um tumulto, nesta terça (7), no cortejo fúnebre que acompanhou o enterro do general Qassem Soleimani em Kerman, no Irã








Milhares de pessoas foram às ruas para a cerimônia de despedida na cidade natal do comandante, morto na semana passada em um ataque americano no Iraque.




Ainda não se sabe exatamente quantas pessoas morreram. A agência semioficial Fars e a TV estatal iraniana falam em 56 mortos, de acordo com a Associated Press e o jornal britânico "The Guardian". Outras 213 ficaram feridas, segundo o chefe dos serviços médicos de emergência do Irã.



A cerimônia do enterro começou às 18h30 do horário local (13h de Brasília), mas a multidão que acompanhou o cortejo fúnebre provocou um atraso no sepultamento, segundo outra agência semioficial, a Isna. Não há previsão de quando Soleimani será enterrado; o corpo do general será sepultado no Cemitério dos Mártires de Kerman.

SINDAS PARABENIZA PREFEITO AMAZAN SILVA POR PAGAMENTO DE INCENTIVO, CRIAÇÃO DE LEI E SALÁRIOS EM DIA

"Pelo terceiro ano consecutivo, o Prefeito de Jardim do Seridó, José Amazan, paga o incentivo de final de ano aos agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias.


O pagamento foi efetuado junto com os vencimentos de dezembro de 2019, atendendo solicitação do Presidente do SINDAS.



É pago como bonificação anual aos ACE e ACS 80% do incentivo. Os 20% é utilizado para complementar o pagamento as verbas indenizatórias do fardamento anual e protetor solar mensal, duas outras vantagens que o Prefeito Amazan nos atendeu e criou em lei, reconhecendo a importância dos seus agentes. 



A nossa proposta das três vantagens, se baseia no fato de existirem três recursos federais, o primeiro para o piso nacional, o segundo para custeio do fardamento e E.P.I e o terceiro o incentivo de final de ano.



Parabéns ao ACE e ACS Jardim do Seridó-RN, que mais um ano tiveram seus pleitos atendidos pela Gestão Municipal.



Nossos agradecimentos ao Prefeito Amazan, que além de vir adimplindo os salários em dia, informatizou o trabalho dos agentes com tablests e por ser um cumpridor da legislação municipal e dos acordos firmados com SINDAS/RN".  

STF MANDA UNIÃO TIRAR O RN DO CADASTRO DE INADIMPLÊNCIA

O ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que a União retire as inscrições dos Estados de Minas Gerais e do Rio Grande do Norte de três cadastros de inadimplência: do Cauc (Cadastro Único de Convênios), do Cadin (Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal) e do Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira).




Ao proferir as decisões no âmbito das Ações Cíveis Originárias (ACOs) 3341 e 3342, Toffoli indicou que buscou evitar a possibilidade de os Estados perderem prazos para a celebração de contratos e convênios, o que colocaria em risco a continuidade de políticas públicas implementadas por meio do repasse de verbas federais.




O ministro também registrou que a inclusão nos cadastros restritivos de créditos da União violava o princípio constitucional do devido processo legal. As informações foram divulgadas no site do Supremo.




As liminares foram concedidas no último dia 31, durante o plantão judiciário. Nesse período, cabe ao presidente do Supremo analisar casos urgentes. Após acolher os pedidos, Toffoli encaminhou as ações aos gabinetes dos relatores, ministro Roberto Barroso (ACO 3341 – Minas) e ministro Ricardo Lewandowski (ACO 3342 – Rio Grande do Norte).

BANDIDO QUE MATOU JOVEM E ESTUPROU MULHER NO INTERIOR DO RN É PROCURADO PELA POLÍCIA

A polícia do RN procura por um elemento identificado como “Pedro de Bela”, que matou covardemente o jovem “Tiago Paulo” de 21 anos, e ainda por cima estuprou a esposa da vítima, enquanto o mesmo ainda agonizava. O crime aconteceu no último domingo, (05), no distrito Serra da Tapuia, município de Sítio Novo-RN.
 


Segundo informações, a vítima, que era tida como um jovem de bem, estava com a esposa em sua residência, quando na madrugada do domingo foi chamado pelo assassino. Ao abrir a porta, o jovem foi atingido por um tiro de espingarda, e depois por golpes de faca. Ainda agonizando, o jovem ainda viu a esposa ser estuprada pelo bandido, que após os crimes, fugiu sem deixar pistas.

ITAMARATY DIZ QUE REPRESENTANTE DO BRASIL EM TEERÃ FOI CONVOCADA PELAS AUTORIDADES IRANIANAS


O Ministério das Relações Exteriores informou nesta segunda-feira (06) que a encarregada de Negócios do Brasil em Teerã, Maria Cristina Lopes, foi convocada pela chancelaria iraniana. Segundo o Itamaraty, o teor da conversa é reservado e não será divulgado.




Na semana passada, o principal general iraniano, Qassem Soleimani, foi morto em um ataque ordenado pelo governo dos Estados Unidos. Segundo o presidente dos EUA, Donald Trump, o ataque serviu para "parar" uma guerra, não iniciar uma.




Um dia após o ataque, o Itamaraty divulgou uma nota na qual disse apoiar a "luta contra o flagelo do terrorismo". Na nota, o governo brasileiro condenou um ataque à embaixada dos Estados Unidos em Bagdá, cidade onde Soleimani foi morto, mas não condenou a morte do general iraniano.




Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro chegou a dizer, antes de o Itamaraty divulgar a nota, que o Brasil não se manifestaria sobre o assunto por não ter "poderio bélico". 




Bolsonaro afirmou ainda que conversaria com autoridades americanas porque os dois países são aliados em muitas questões. 




"Eu não tenho o poderio bélico que o americano tem para opinar neste momento. Se tivesse, eu opinaria", afirmou o presidente na ocasião.

QUATRO JOVENS SÃO ENCONTRADAS MORTAS EM MENOS DE UMA SEMANA NO CE

Em menos de uma semana, Eveline Souza Mendes, de 18 anos,  Marina Nascimento Souza, prima de Eveline, de 15 anos,   Ana Vitória, sem idade...