15 de julho de 2015

IMPUNIDADE! 3 ANO DEPOIS, CRIME EM OURO BRANCO CONTINUA SEM RESPOSTAS

Exatamente nesta quarta-feira, (15), o crime de homicídio contra Eyder Kennedy Azevedo de Araújo, de 32 anos, no município de Ouro Branco completa 3 ano sem nenhuma resposta à sociedade.
DSC059~1
Até agora, a morte covarde do sobrinho do ex-presidente da câmara da cidade de Ouro Branco, Ediwilson Azevedo, Eyder Kennedy Azevedo de Araújo, de 32 anos, residente no sítio “Cachoeirinha”, naquele município, que foi assassinado em uma emboscada armada contra ele no dia 15 de julho de 2012, continua sem a resposta que a sociedade espera.

Após uma morosa investigação, o caso agora se arrasta na justiça, deixando um sentimento de impunidade, enquanto os acusados passeiam livremente em meio a população, como se nada tivesse acontecido.

Resta saber até quando os acusados irão “mangar” da sociedade após cometerem um crime covarde com vários agravantes, haja vista que, o cometeram por vingança, em uma emboscada, sem chance de defesa à vítima.

Do Blog: Essa nossa justiça é uma vergonha!

ASSEMBLEIA REALIZA SESSÃO SOLENE EM HOMENAGEM AGNELO ALVES

No dia 16 de julho, Agnelo Alves completaria 83 anos de idade. Nesta data, a Assembleia Legislativa prestará homenagens ao parlamentar, falecido no dia 21 de junho, em decorrência de câncer, durante seu segundo mandato como deputado estadual. A Sessão Solene está marcada para as 9h e reunirá políticos, autoridades, amigos e familiares do ex-prefeito de Natal e Parnamirim.

Durante as homenagens, será exibido um vídeo especial produzido pela TV Assembleia, mostrando parte dos momentos de Agnelo Alves durante seus dois mandatos no Legislativo Potiguar. Além disso, os deputados descerrarão a nova placa da Ala das Comissões Permanentes da Casa, que receberá o "Ala Deputado Agnelo Alves", em homenagem ao parlamentar e ao trabalho desenvolvido por ele como membro titular da Comissão de Constituição e Justiça.


"É uma homenagem justa ao deputado e grande homem público que foi Agnelo Alves. Em que ele comemoraria mais um aniversário, a Assembleia terá a honra de relembrar os bons momentos que a Casa teve com a presença do parlamentar", disse o presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB).

A Sessão Solene será transmitida ao vivo pela TV Assembleia e ocorrerá no plenário da Casa.

PREFEITO DE CIDADE MINEIRA E MAIS UM MORREM EM QUEDA DE AVIÃO

Duas pessoas morreram, entre elas o prefeito de Central de Minas, após uma aeronave cair em uma fazenda em Tumiritinga, no Leste de Minas Gerais, na tarde desta terça-feira, (14). A cidade tem 6.380 habitantes, e fica a cerca de 350 quilômetros de Belo Horizonte. Segundo o Corpo de Bombeiros, a aeronave caiu em uma ocupação do Movimento Sem-Terra, na fazenda do prefeito de Central de Minas, Genil da Mata Cruz.

A aeronave ficou completamente destruída após queda que matou prefeito. (Foto: Reprodução/Inter TV dos Vales)

De acordo com o vice-prefeito Eneas Gonçalvez, Genil teria embarcado nesta tarde em direção à fazenda. Ele estaria pilotando o avião, acompanhado de outra pessoa. A funerária de Central de Minas confirmou a morte do prefeito, mas a outra pessoa ainda não foi identificada pela Instituto Médico Legal de Governador Valadares.

Segundo o tenente coronel da Polícia Militar, Célio Menezes, os moradores do assentamento afirmaram que a aeronave estava jogando coquetel molotov nas barracas do local, mas, segundo o tenente, isso ainda vai ser verificado.

A trabalhadora rural, integrante do MST e moradora do assentamento, Neurilane de Souza, garante que o local foi bombardeado por dois aviões por cerca de uma hora. “Estávamos no assentamento quando de repente dois aviões começaram a sobrevoar aqui soltando bomba em cima das barracas, e foi uma tensão danada durante quase uma hora. Quando um dos aviões caiu, o outro foi embora”, contou Neurilane.

O advogado da família do prefeito, Siranides Eliotério Gomes, disse que não tinha nenhuma informação dos ataques feitos contra os sem-terra. “Não tenho essa informação e repudio veementemente. O que pedi foi que ele apenas fotografasse a área invadida".

Siranides Gomes afirmou que estava preparando a ação de reintegração de posse nesta terça, por isso teria pedido o sobrevoo. "Falei com ele por volta de 13h30 e pedi ao prefeito que fizesse uma tomada aérea, fotografasse a área invadida para que eu pudesse anexar a petição inicial. Depois disso não tive mais contato com ele, até saber do acidente”, revelou.

O tenente Célio Menezes acredita que é possível que os acontecimentos tenham ligação, mas que ainda precisa ser melhor investigado.

"Agora inicia os trabalhos da aeronáutica, que vão identificar as causas da queda e também o trabalho da polícia judiciária, que vai investigar um eventual crime que possa ter ocorrido aqui no local. E ainda Estamos em diligência para localizar o local de pouso da outra aeronave”, disse.

Os moradores invadiram a fazenda Casa Branca desde o dia 05 de julho. Cerca de 150 famílias ocupam o local. As primeiras informações dos bombeiros de Governador Valadares afirmavam que a aeronave se tratava de um ultraleve, em seguida disseram se tratar de um avião, mas não souberam precisar se é um monomotor ou um bimotor.

O acidente aconteceu por volta das 17 horas, segundo o tenente Célio Menezes. “Fomos acionados por volta das 17h30 informando sobre a queda de um aeronave. Chegamos aqui e confirmamos o fato com a aeronave totalmente destruída com dois corpos carbonizados", disse.

CHACINA! DONA DE CABARÉ E MAIS 4 MULHERES SÃO FUZILADAS NO RN

A dona de um cabaré em Itajá/RN, “Patrícia Sapatão”, e mais quatro mulheres foram executadas a tiros em seu cabaré Na madrugada desta quarta-feira, (15). Todas as cinco vítimas morreram no local.

11137109_1609926845948554_3116189278412574551_n

Segundo as primeiras informações, “Patrícia Sapatão” de 37 anos, Cassia Rayane de 17 anos, Maria Dayane Batista de 20 anos, e mais duas mulheres ainda não identificadas, foram mortas a tiros por elementos que chegaram ao cabaré em um veículo modelo Celta de cor preta, que desceram e atiraram contra as vítimas e depois fugiram do local.

20412_1609926829281889_5124871088341603501_n

A polícia atendeu a ocorrência, e agora procura informações que ajudem à identificar, localizar e prender os assassinos.

Fotos: Focoelho.

FALSA MÉDICA É DESCOBERTA APÓS ABANDONAR PLANTÃO EM PRONTO-SOCORRO

Falsa médica é descoberta em Alumínio após abandonar plantão (Foto: Divulgação / Prefeitura de Alumínio)Uma mulher que atendia como médica no Pronto-Atendimento (PA) do município de Alumínio (SP) é investigada por usar o nome e o registro profissional de outra pessoa.

As suspeitas começaram depois que Cibele Lemos, como era identificada, foi embora de um plantão na unidade de saúde no último sábado (11) sem dar justificativa.

De acordo com o diretor do pronto-atendimento, Rafael Leles, a prefeitura decidiu consultar o Conselho Regional de Medicina (CRM) para tomar uma atitude administrativa devido à falta no plantão.

"Foi quando vimos que a foto dela não condizia com a pessoa que trabalhava no PA. Pedimos para ela provar, e ela afirmou que tinha os documentos da residência médica. A mulher foi com um responsável pelo PA até o local em que ela estava hospedada, mas ela fugiu enquanto manobrava o carro", afirma o diretor do pronto-atendimento.

Ainda segundo Leles, a mulher cobria as folgas dos plantonistas fixos. Ela chegou a trabalhar cerca de 45 dias no PA de Alumínio. Durante 10 plantões, nenhuma reclamação de erro médico foi registrada. "Era o padrão de uma médica recém-formada", disse.

SENADO APROVA AUMENTO DO TEMPO DE INTERNAÇÃO PARA MENORES INFRATORES

eca-painelO Senado aprovou nesta terça-feira, (14) por 43 votos a 13 projeto de lei que altera o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e aumenta o tempo de internação de menores de 18 anos que tenham cometido crimes hediondos. A matéria seguirá agora para votação na Câmara dos Deputados.

Pelo projeto, de autoria do senador José Serra (PSDB-SP), os jovens que tenham cometido esse tipo de crime poderão ficar internados em centros de atendimento socioeducativo por até dez anos. Atualmente, o tempo máximo de internação é de três anos.

Originalmente, o relator do projeto, senador José Pimentel (PT-CE), havia proposto que o tempo máximo de internação ficasse em até oito anos. Porém, ele acatou emenda do próprio Serra e manteve o limite em até dez anos.

O texto também prevê uma alteração no Código Penal para agravar a pena do adulto que praticar crimes acompanhado de um menor de 18 anos ou que induzir o menor a cometê-lo.

Nesses casos, a pena do adulto será de dois a cinco anos, podendo ser dobrada para os casos de crimes hediondos.

Outro ponto proposto por Pimentel prevê que os adolescentes passarão por avaliação, a cada seis meses, feita pelo juiz responsável pelo caso. O objetivo do petista é que o magistrado possa analisar e optar por liberar antecipadamente ou não o jovem da reclusão.

Os internos ainda deverão estudar nos centros de internação até concluir o ensino médio profissionalizante. Atualmente, o Estatuto da Criança e do Adolescente prevê que os menores devem concluir somente o ensino fundamental.

JOVEM SERIDOENSE MORRE EM ACIDENTE DE CARRO INDO PARA FESTA EM CIDADE PARAIBANA

Uma colisão entre dois carros na noite do último sábado (22), entre Várzea a Santa Luzia tirou a vida da jovem caicoense Nathália Diniz Régi...