20 de janeiro de 2022

AUXÍLIO BRASIL DEVE INJETAR, NO MÍNIMO, R$84 BILHÕES NA ECONOMIA

Estudo da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), divulgado hoje (19), analisa que o programa Auxílio Brasil deverá injetar na economia, ao longo deste ano, pelo menos R$ 84 bilhões, dos quais 70,43%, ou o equivalente a R$ 59,16 bilhões, deverão se transformar em consumo imediato, enquanto 25,74% (R$ 21,62 bilhões) se destinarão para quitação ou abatimento de dívidas e 3,83%, ou R$ 3,21 bilhões, serão poupados para consumo futuro. 

 

O programa Auxílio Brasil substituiu o Bolsa Família, extinto no ano passado, e teve suas primeiras parcelas mensais pagas aos beneficiários em 2022 a partir de ontem (18). 

 

O economista da CNC, Fabio Bentes, explicou que o valor de R$ 84 bilhões foi apurado tomando por base o benefício mínimo de R$ 400. “Como a gente não sabe quanto cada brasileiro vai receber, porque depende de outras variáveis, a gente fez a conta por baixo. Como o benefício mínimo é de R$ 400 pago a 17,5 milhões de famílias, durante 12 meses, isso perfaz R$ 84 bilhões”. Esse será o valor que o programa vai disponibilizar, no mínimo, em 2022. Entretanto, como o benefício é variável, a estimativa pode ser ainda mais otimista: R$ 89,9 bilhões. 

 

A estimativa da CNC é que 70% desse montante se destinará ao consumo imediato, mas não ao consumismo, até porque os elegíveis do antigo Bolsa Família estão na pobreza extrema ou na pobreza, afirmou Bentes. “Há necessidades de curtíssimo prazo, por conta da pandemia e da letargia da economia, e as famílias vão ter que fazer frente a esses gastos com alimentação, com medicamentos, serviços do dia a dia, transportes”, indicou. 

 

Do total de R$ 59 bilhões que deverão ir para o consumo imediato, a CNC estimou que pela estrutura de gastos do brasileiro, cerca de 47% são consumo no comércio e no setor de serviços. “A gente estima que R$ 28 bilhões devem chegar ao comércio”. Isso significa um impulso de 1% a 1,5% no faturamento anual do varejo nacional.

 

Bentes advertiu, entretanto, que isso não vai salvar as vendas do comércio em 2022. “Mas pode ajudar o comércio a ter um ano menos amargo no momento em que a expectativa para a economia, este ano, tem sido corrigida para baixo. A expectativa é que a economia cresça 0,3% este ano. Então, ajuda no sentido de disponibilizar um pouco mais de recursos para consumo, o que acaba aliviando um pouco mais o ano difícil que o comércio vai ter pela frente”.

DOIS HOMENS SÃO MORTOS A TIROS EM MENOS DE 1 HORA NO RN

Dois assassinatos foram registrados na noite de quarta-feira (20) na Zona Norte de Natal em um intervalo de menos de uma hora entre eles. 

 

O primeiro homicídio aconteceu no bairro Nossa Senhora da Apresentação, por volta das 20h. 

 

Damião Confessor da Silva, de 23 anos e que era monitorado por tornozeleira eletrônica, foi morto a tiros na Rua Liberdade, no loteamento Jardim Progresso. Segundo testemunhas contaram aos policiais, um homem de moto se aproximou e atirou pelo menos seis vezes contra a vítima. 

 

A Polícia Civil ainda não sabe se o crime tem relação com os antecedentes criminais ou a passagem dele pelo sistema prisional. 

 

Já no bairro Potengi, a vítima foi Wallace Canindé da Silva, de 28 anos. Ele foi morto por volta das 20h30.  


De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava conversando com um amigo na calçada da Rua Coronel Borges quando dois criminosos de moto se aproximaram e dispararam contra ele. 

 

Wallace ainda chegou a ser atendido pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), mas não resistiu aos ferimentos.

 

O amigo que conversava com ele conseguiu escapar dos criminosos, porque saiu correndo no momento dos disparos.

 

GOVERNO PUBLICA PORTARIA QUE AUMENTA TETO DO INSS PARA R$ 7.087

O governo publicou no "Diário Oficial da União" desta quinta-feira (20) a portaria interministerial que reajusta os benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Aposentados e pensionistas do INSS que recebem benefícios acima do salário mínimo terão reajuste de 10,16% na remuneração.

 

Pela legislação federal, o índice de reajuste do benefício de aposentados e pensionistas que recebem valor superior ao do salário mínimo é definido pela variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior.

‘TENTATIVA DE GOLPE COM MINUTA É RIDÍCULO’, AFIRMA O SENADOR HAMILTON MOURÃO

O senador Hamilton Mourão (Rep-RS) negou que tenha havido “tentativa de golpe de Estado”, conforme versão dos adversários de Jair Bolsonaro ...