31 de maio de 2019

GOVERNO DO RN CONCLUI FOLHA DE MAIO E DEPOSITA 1ª PARCELA DO 13º SALÁRIO DE 2017

O Governo do Rio Grande do Norte conclui nesta sexta-feira (31) o pagamento integral da folha salarial do mês de maio, além de também depositar a primeira das duas parcelas referentes à dívida do 13º salário de 2017.




Com estes pagamentos, o governo afirma estar injetando na economia do estado mais de R$ 216 milhões, sendo R$ 203,7 milhões referentes aos 70% restantes para quem ganha acima de R$ 5 mil (valor bruto) e ainda o salário integral das pastas com recursos próprios, concluindo o total de R$ 445 milhões da folha de maio. 




Outros R$ 12,6 milhões correspondem à primeira parcela do 13º de 2017 a 6.210 inativos e pensionistas que ganham até R$ 12 mil (valor líquido), quitando quase 85% do total de servidores desta folha. Os 1.257 restantes receberão no fim do mês de junho.

AGNALDO TIMÓTEO SAI DO COMA E RESPIRA SEM AJUDA DE APARELHOS


O cantor Agnaldo Timóteo, que está internado em Salvador desde o dia 21 de maio, saiu do coma induzido na noite de quinta-feira (30). A informação consta em um boletim médico do Hospital Roberto Santos, onde o artista está, divulgado no início da tarde desta sexta-feira (31). 




Ainda segundo a unidade médica, Agnaldo, que tem 82 anos, tem apresentado melhora clínica gradativa e, na tarde desta sexta, começou a respirar sem ajuda de aparelhos. O artista segue na unidade de terapia intensiva (UTI), sem previsão de alta.

“BACURAU” NA GAIOLA! EX-PRESIDENTE DA CÂMARA FEDERAL CHEGA AO RIO PARA CUMPRIR PENA


O ex-deputado e ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha chegou ao Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio, às 13h50 desta sexta-feira (31). Ele vai cumprir pena em Bangu 8, em Gericinó, Zona Oeste, onde também está o ex-governador Sérgio Cabral. 









Cunha chegou ao Rio por volta das 12h, foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) para realizar exame de corpo de delito e depois levado para Bangu. 





O ex-deputado foi condenado a 14 anos e seis meses de prisão na Operação Lava Jato. Ele deixou o Complexo Médico Penal, em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (PR), às 8h. 





No início de abril, após um pedido da defesa do político, a juíza Luciani Maronezi, da 2ª Vara de Execuções Penais de Curitiba, pediu que as autoridades do Rio de Janeiro fossem consultadas para saber se havia vagas disponíveis para receber Cunha. 



Fonte: G1 - Foto: Reprodução/TV Globo.

MPF DENUNCIA RESPONSÁVEIS POR OFERECER MESTRADO NO RN SEM AUTORIZAÇÃO DO MEC

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou os professores Juraci Pereira de Castro e Marlete Euna Brito de Melo. Entre 2013 e 2016, os dois ofereceram um curso de mestrado no Rio Grande do Norte, sem a devida recomendação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e sem a autorização do Ministério da Educação (MEC). Eles responderão pela prática do crime de estelionato qualificado (art. 171, parágrafo 3º, do Código Penal).






Juraci Pereira era representante da Faculdade do Norte do Paraná (Facnorte), enquanto Marlete Brito representava o Instituto de Ensino Superior Natalense (IESN). Ambos firmaram um convênio de intercâmbio e cooperação técnica, no início de 2013, com o objetivo de implementar e desenvolver cursos de pós-graduação stricto sensu (mestrado ou doutorado), entre outros. 





À Facnorte caberia “chancelar” os cursos de pós-graduação, inclusive emitindo os certificados, ficando com 30% da receita bruta das matrículas e mensalidades. O IESN ficaria com os demais 70% e se responsabilizava por fazer funcionar os cursos. Entre 2013 e 2014, foram lançados processos seletivos para o Mestrado Profissional em Ciências da Educação e Multidisciplinaridade.






Essa pós-graduação foi oferecida nos municípios potiguares de Natal, Canguaretama, Macaíba, Tangará, São Tomé, Ceará Mirim, Mossoró, Lagoa D'Anta, São José do Campestre e, ainda, no município cearense de Jaguaribe. Em 2013, a Facnorte solicitou a recomendação do curso, porém a Capes considerou o mestrado “não recomendado”, levando à não autorização por parte do Ministério da Educação. 





Antes mesmo da resposta da Capes, a faculdade já oferecia o curso e – depois que tomou conhecimento da negativa – seguiu irregularmente com a propaganda do mestrado. Em 2015 havia 267 alunos matriculados.

VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE EXCLUSIVA PARA GRUPO PRIORITÁRIO TERMINA NESTA SEXTA-FEIRA, (31)


Esta sexta-feira (31) é o último dia para os integrantes do grupo prioritário terem exclusividade ao procurar uma unidade de saúde e se vacinar contra a gripe. A partir da segunda-feira (3), as doses restantes estarão disponíveis para toda a população. 




Fazem parte do público-alvo da Campanha Nacional de Vacinação: gestantes, puérperas, crianças entre 6 meses a menores de 6 anos, idosos, indígenas, professores, trabalhadores de saúde, pessoas com comorbidades, funcionários do sistema prisional e população privada de liberdade.

MONSTRUOSIDADE! SERIDOENSE É PRESO ACUSADO DE ESTUPRAR E MATAR A PRÓPRIA FILHINHA DE APENAS 9 MESES

A PM da cidade de São José do Sabugi/PB, prendeu neste quinta-feira, (30), o ourobranquense, Francisco Fagner, acusado de estuprar sua própria filhinha de apenas 9 meses de vida, que morreu após o ato violento. A bebezinha morreu durante os primeiros socorros no hospital de Soledade/PB.


 

Além do “pai”, e “mãe” da bebezinha Grasiele Lucena também encontra-se presa, haja vista que a mesma pode ter tentado encobrir a bárbaro crime praticado por Francisco Fagner, de quem ela estaria separada, mas que teriam se encontrado na quarta-feira, (29), quando aconteceu o estupro. 




Como não poderia ser diferente, há uma revoltada muito grande com o bárbaro crime, principalmente por parte da população da cidade de Ouro Branco, onde o acusado nasceu.




Do Blog: Difícil de encontrar palavras para definir essa monstruosidade. Se comprovado, realmente não esse “pai” é muito mais que um demônio. Meu Deus!

STF NEGA AÇÃO DE LULA QUE QUESTIONAVA PARCIALIDADE DE MORO

O ministro Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), rejeitou recurso da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que questionava a atuação de Sérgio Moro como juiz nos processos contra ele. 




Desde o fim do ano passado, Moro deixou a magistratura para assumir o cargo de ministro da Justiça e da Segurança Pública do governo Jair Bolsonaro.




O tema – suspeitas de parcialidade do juiz – já foi alvo de ações na primeira instância e na segunda instância, que rejeitaram ações da defesa, e chegou ao Supremo por meio de um recurso extraordinário para ser analisado de modo definitivo.




Fachin, porém, entendeu o recurso não é cabível porque para analisar o tema seria preciso reavaliar provas e não há ofensa constitucional clara sem a reanálise do caso.




O processo de Lula aponta a participação do juiz em eventos corporativos, como promovidos pelo governador de São Paulo, João Dória, do PSDB, e diz que isso mostrou falta de imparcialidade do magistrado




Para Fachin, o pleito da defesa para reverter decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) "não merece prosperar".

QUATRO JOVENS SÃO ENCONTRADAS MORTAS EM MENOS DE UMA SEMANA NO CE

Em menos de uma semana, Eveline Souza Mendes, de 18 anos,  Marina Nascimento Souza, prima de Eveline, de 15 anos,   Ana Vitória, sem idade...