28 de abril de 2023

CAMPANHA SOLIDÁRIA DA LBV BENEFICIA MAIS DE 20 MIL CRIANÇAS E ADOLESCENTES NO BRASIL

Lançado em fevereiro de 2023, "As Múltiplas Dimensões da Pobreza na Infância e na Adolescência no Brasil" é um estudo inédito do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) sobre as privações que afetam crianças e adolescentes no país e os desafios atuais, que incluem o agravamento da insegurança alimentar e da pobreza extrema, além da piora da alfabetização e as persistentes desigualdades raciais e regionais. A pesquisa mostra que mais de 60% da população de até 17 anos vive na pobreza. O estudo indica ainda que, no Brasil, ao menos 32 milhões de meninas e meninos (63% do total) vivem na pobreza, em suas múltiplas dimensões: renda, educação, trabalho infantil, moradia, água, saneamento e informação. 



Trata-se de cenário que exige esforços permanentes da sociedade e do governo, com ações efetivas para minimizar essas privações, que afetam drasticamente a vida de tantas crianças e adolescentes. 



Educação
A Legião da Boa Vontade (LBV) acredita no poder transformador da Educação e que ela pode mudar destinos, formar indivíduos capazes de construir uma sociedade mais justa e com oportunidades iguais para todos.



O material escolar, por exemplo, é um item básico e essencial para o bom andamento da prática pedagógica, mas nas famílias mais vulneráveis ele dá lugar à alimentação, que também já é muito escassa. Por isso, além de todo o trabalho que realiza diariamente em suas mais de 80 unidades socioeducacionais, a LBV também promove pontualmente diversas ações emergenciais e humanitárias em apoio a essas famílias. 



Uma dessas iniciativas é a campanha Educação: Futuro no Presente!, que entregou de janeiro a março deste ano material pedagógico a mais de 20 mil crianças e adolescentes atendidos pela Instituição e por organizações parceiras em todo o país. Um alívio para mães solo e para muitas famílias que não têm condições de adquirir os itens escolares. Também nesse mesmo período, com a ajuda de doadores e voluntários, foi possível servir nas unidades socioeducacionais da LBV mais de um milhão de refeições e mais de 80 mil litros de leite. 



Ir além
A LBV oferece serviços que visam fortalecer os vínculos familiares e comunitários, além de prevenir, por meio de informações e atividades socioeducativas, situações de vulnerabilidade e de risco a que estão submetidos milhares de crianças, adolescentes e jovens. Daí a importância da participação e a permanência desse público nas atividades que impactam diretamente a vida das famílias, ajudando-as a superar seus desafios.



Todas as ações realizadas pela LBV podem ser conferidas no perfil @LBVBrasil no Instagram e no Facebook.

GOVERNO BARRA SALÁRIO DE R$165 MIL DE PRATES PARA CONTER DESGASTE

O governo mandou barrar a proposta de reajuste de 43,88% do salário do presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, e dos diretores da empresa, na tentativa de conter o desgaste político com a pretendida remuneração de marajás. 

 

A reviravolta ocorreu na assembleia geral de acionistas desta quinta-feira (27), onde o representante da União, designado pelo Planalto, que representa a maior parte dos votos, recomendou a rejeição do aumento de 43,88%, que elevaria o salário de Prates para mais de R$165 mil. 

 

Com poder de decidir sozinha no conselho, a União apresentou e aprovou um reajuste menor, de 9%. A recomendação do novo valor foi da Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Sest).

ITEP CONFIRMA QUE OSSADAS ENCONTRADAS NO INTERIOR DO RN SÃO DE MÃE E FILHOS DESAPARECIDOS

O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) confirmou nesta quinta-feira (27) a identificação de três das quatro ossadas humanas encontradas em fevereiro em uma área da mata na zona rural de Lagoa Salgada, na região Agreste potiguar.

 

Segundo o Instituto, a ossada adulta era de Evanikelly Francisca Costa da Rocha, de 37 anos. As outras ossadas eram de duas crianças. Uma delas, de João Victor Costa da Rocha, de 6 anos, e outra de Eloísa Costa da Rocha, de 3 anos de idade.

 

A equipe do Itep acredita que a quarta ossada encontrada, e que ainda não foi identificada oficialmente, é de outra filha da mulher, que também estava desaparecida. A mãe e os três filhos estavam desaparecidos desde julho de 2022.

 

Segundo o Itep, a identificação por meio DNA foi demorada porque o material ósseo estava degradado. A suspeita é de que as quatro pessoas morreram na mesma época do desaparecimento.

 

O trabalho de confirmação da identidade da quarta ossada ainda poderá demorar mais de 10 dias.

PF E RECEITA FEDERAL APREENDEM 50 MIL MAÇOS DE CIGARROS CONTRABANDEADOS NO RN

A Receita Federal, a Polícia Federal e a Secretaria da Fazenda (Sefaz) apreenderam 50 mil maços de cigarros em uma operação na manhã desta q...