14 de maio de 2020

GOVERNO DO ESTADO ACEITA SUGESTÃO DO DEPUTADO UBALDO FERNANDES E PASSA A USAR A TELEMEDICINA

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, junto ao Consórcio Nordeste, acaba de lançar um aplicativo que permite monitorar pacientes com sintomas do coronavírus por meio da telemedicina - o Monitora Covid-19. O uso da telemedicina foi uma recomendação dada pelo deputado Ubaldo Fernandes, em seu projeto de lei protocolado na Assembleia Legislativa logo após o decreto de estado de calamidade pública no Estado. 






 

 "Essa é uma prática aprovada pelo Conselho Federal de Medicina, que facilitará muito a relação entre médico e paciente", afirma o parlamentar. E continua: "através da telemedicina, é possível fazer o monitoramento dos pacientes, reduzindo as admissões em hospitais de situações críticas que podem ser controladas à distância, sem levar o paciente a buscar uma sala de emergência, o que é muito importante nesse momento".




A proposta do Monitora Covid-19 é acompanhar cidadãos nordestinos com possíveis sintomas da doença, oferecer orientações e até mesmo atendimento remoto, com profissionais de saúde, por meio da própria plataforma. O aplicativo ainda possibilita ao paciente acessar a localização das unidades de urgências mais próximas de sua residência, informações sobre medidas de prevenção para doenças respiratórias e orientações sobre os cuidados no isolamento domiciliar. A ferramenta está disponível gratuitamente nas lojas de aplicativos para usuários dos sistemas operacionais iOS e Android.

PF COMBATE CÉLULA DE FACÇÃO CRIMINOSA PAULISTA NO RN


A Força-Tarefa de Combate ao Crime Organizado, coordenada pela Polícia Federal e composta por Policiais Federais, Policiais Civis, Policiais Militares e Agente Penitenciários Federais, atuando em colaboração com a Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (SEOPI/MJSP), e em ação consorciada com os Grupos Táticos Operacionais de Pau dos Ferros, Patu e Alexandria, com o 5º Batalhão de Polícia Militar de João Pessoa/PB, e com a Delegacia da Polícia Civil de Pau dos Ferros, deflagrou nesta quinta-feira, 14/5, a Operação Flare, com o objetivo de desarticular célula de liderança de facção criminosa paulista no Rio Grande do Norte.








Mais de 50 policiais cumprem 4 mandados de prisão preventiva e 9 mandados de busca e apreensão nas cidades de Natal/RN, Pau dos Ferros/RN e João Pessoa/PB no começo dessa manhã. Os mandados judiciais foram expedidos pela 8ª Vara Federal em Mossoró/RN.





As investigações revelaram que tais indivíduos, além de possuírem estreito envolvimento em ações criminosas, sobretudo aquelas cometidas com a utilização de armas de fogo, planejavam ataques a servidores públicos federais no Estado, sendo apurado, também, que os investigados aprovaram a execução de diversos homicídios no Rio Grande do Norte, alguns com requinte de crueldade, além de terem atuado fortemente no tráfico de drogas, roubos, tráfico e comércio clandestino de arma de fogo, sempre buscando a expansão territorial das áreas de dominância da facção em diversas localidades do RN.






Todos os presos possuem antecedentes criminais, alguns deles, inclusive, se encontravam foragidos da Justiça, enquanto um outro era monitorado por tornozeleira eletrônica.





Cabe registrar que, no ano de 2019, a mesma cooperativa criminosa intencionou promover ataques dentro do sistema prisional potiguar, incentivando a violência contra integrantes de facções rivais e estimulando o confronto com forças policiais do Rio Grande do Norte, fato objeto de investigação da Operação Extração, deflagrada em setembro daquele ano, pela Força-Tarefa coordenada pela PF.




Em virtude dessa articulação, cinco membros da cúpula da organização criminosa foram transferidos para o Sistema Penal Federal em março de 2020.





Apesar das restrições impostas pela pandemia, a Polícia Federal e as demais forças policiais seguem atuando em sintonia contra o crime organizado no Estado do Rio Grande do Norte.

JARDINENSE MORRE EM GRAVE ACIDENTE DE MOTO NA RN QUE LIGA JARDIM DO SERIDÓ À OURO BRANCO


Um acidente com vítima fatal foi registrado no início da noite desta quarta-feira, (13), na RN -089, entre os municípios de Jardim do Seridó e Ouro Branco, tendo como vítima, o jardinense, Joseilson Fonseca de Araújo, de 43 anos. 




Segundo informações que rodam nas redes sociais, o acidente teria sido provocado por um caminhão, mas que o motorista não teria parado para prestar socorro. O certo é que o corpo de Joseilson ficou entendido no acostamento da pista, no sentido Ouro Branco/Jardim do Seridó. Joseilson havia trabalhado o dia inteiro como pedreiro em Ouro Branco, e seguia para casa do sítio Angicos, onde dormiria com seu pai.



Do Blog: A vítima era meu ex-cunhado. Portanto, tio dos meus filhos. Homem íntegro, trabalhador e dedicado à família. Jesus o receba em seu reino.

JUSTIÇA DÁ 48H PARA GOVERNO DO RN E PREFEITURA DE NATAL SE MANIFESTAREM SOBRE PEDIDO DE FECHAMENTO TOTAL


O Tribunal de Justiça deu 48h para o Governo do Rio Grande do Norte e a Prefeitura de Natal se manifestem sobre a ação que pede o "lockdown" no estado e na capital potiguar. A ação civil pública foi movida pelo Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do RN (Sindsaúde-RN).


 

Na solicitação, o sindicato pede que governo e Município decretem o "lockdown" por, pelo menos, 15 dias. A intenção é conter a proliferação do novo coronavírus no estado. 



Do Blog: Até nas horas de agonia, deixam nosso povo confuso com palavras em inglês. Uns imbecis frustrados que deveriam morar nos EUA e não podem. Só pode ser! ‘FECHAMENTO TOTAL’.

EXAMES DE BOLSONARO ENTREGUES AO STF DERAM NEGATIVO PARA CORONAVÍRUS


Laudos entregues pelo governo ao Supremo Tribunal Federal (STF) indicam que o presidente Jair Bolsonaro teve resultado negativo nos exames para o novo coronavírus. Os exames foram abertos ao público nesta quarta-feira (13). 




Os documentos só foram divulgados após o jornal "O Estado de S. Paulo" entrar na Justiça pedindo acesso. 




Antes, o presidente já tinha anunciado os resultados negativos em redes sociais, mas se recusava a mostrar os laudos em si.




Os três exames usaram o método PCR, considerado mais eficaz porque rastreia o material genético do coronavírus. Ele identifica bem a Covid-19 a partir dos primeiros três dias de sintomas – diferentemente do teste rápido, que tem eficácia maior após o 10º dia de sintomas. 




Segundo ofícios anexados pela AGU no Supremo, foram utilizados nos laudos nomes de terceiros para preservação da imagem e privacidade do presidente da República e por questões de segurança. O CPF e a data de nascimento nos papéis são, de fato, de Bolsonaro. 



Do Blog: Queriam saber se era positivo para incriminá-lo. Meus Deus! Estão usando algo tão grave para politicagem. E essa "justiça" brasileira que me envergonha. 

PEDIDO DE IMPEACHMENT DE LULA SOMA 320 MIL ASSINATURAS EM CINCO DIAS

Atingiu a marca de 320 mil assinaturas em menos de cinco dias o abaixo-assinado na plataforma Change.org pelo impeachment do presidente Lula...