5 de maio de 2023

PF PRENDE MULHER COM 3,5 KG DE MACONHA NO AEROPORTO NO RN

Uma mulher de 33 anos foi presa em flagrante pela Polícia Federal na tarde desta quinta-feira (4), acusada de tráfico de drogas, no Aeroporto Internacional Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. A suspeita, uma confeiteira amazonense, carregava 3,5 kg de maconha escondidos em uma mala.

 

De acordo com a Polícia Federal, a prisão ocorreu durante ação de repressão ao tráfico de entorpecentes com ajuda de cães detectores de drogas. O cão Iron indicou a presença de drogas na bagagem de mão da mulher que havia desembarcado de um voo procedente de Manaus, e que aguardava para pegar uma outra bagagem na esteira.

 

Diante da suspeita, os policiais esperaram que ela pegasse a outra bagagem despachada e, em seguida, foi feita a abordagem. Segundo a PF, ao ser questionada sobre o que havia na mala, a suspeita confessou a existência de drogas. Foram encontrados sete tabletes de droga, envoltos em plástico.

GOVERNO LULA CONTRATOU EMPRESA RÉ POR CRIMES EM TERRA YANOMAMI

O Ministério Público Federal (MPF) pediu que a 4ª vara da Justiça Federal em Roraima determine, com urgência, a suspensão de contratos firmados sem licitação pelo governo de Lula (PT) com a empresa Cataratas Poços Artesianos. O motivo é o fato de que a empresa e seus sócios foram “premiados” com contratos do governo petista, mesmo sendo denunciados e réus por crimes na exploração de garimpo ilegal no Território Indígena Yanomami. 

 

A Cataratas Poços Artesianos, segundo o MPF, firmou contratos com o governo petista, desde 10 de março, junto ao Exército Brasileiro e à Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) do Ministério da Saúde, para perfurar poços artesianos na região de Surucucu, um dos focos da tragédia humanitária que matou e adoeceu indígenas Yanomami. O Ministério da Saúde negou haver contratado a empresa. 

 

O MPF também pediu a proibição de acesso ou permanência dos sócios da empresa no território indígena, porque, além das contratações serem irregulares, teriam o potencial de tentar conferir legitimidade à manutenção da presença dos infratores nas terras Yanomami.

VIVALDO COSTA VOLTA À AL/RN PARA SEU 14º MANDATO NA PRÓXIMA SEMANA

O Papa Jerimum, Vivaldo Costa (PV), assumirá sua cadeira na assembleia legislativa do RN pela 14ª vez.   Vivaldo Costa assumirá a vaga do en...