18 de abril de 2016

BOMBA II! JOCIMAR DANTAS É CONDENADO EM MAIS UM PROCESSO POR DESONESTIDADE COM O DINHEIRO PÚBLICO

Mais uma vez o atual prefeito de Jardim do Seridó, o ex-padre Jocimar Dantas foi condenado por desonestidade com o dinheiro público.
 
 
Conforme sentença publicada no site oficial do TJ/RN, Jocimar Dantas foi condenado a ressarcir ao erário do valor gasto com a propaganda irregular, devendo o requerido arcar integralmente com esse pagamento, no valor de R$ 48.000,00 (quarenta e oito mil reais), devidamente corrigido, a partir da data do evento lesivo, qual seja, abril de 2011.
Ademais, o ex-padre Jocimar Dantas ainda terá que pagar uma multa no valor de 20 salários de prefeito, e ainda por cima teve os direitos políticos cassados por 5 anos.
Na mesma ação também figurava como ré a Rádio Cabugi do Seridó e seu diretor, Ângelo Augusto Fernandes, mas a MM Juíza entendeu que a emissora e seu diretor não cometeram nenhuma irregularidade, e por isso não teve condenação.
Vale salientar que, os dois últimos processos nos quais Jocimar Dantas foi condenado, foram denúncias feitas pelo então vereador da oposição Iron Júnior, mas que agora apoia aqueles que por muitas vezes foram “taxados” por ele, (Iron Júnior) de ladrões.
 
Do Blog: A máscara do "santo" há muito começou a cair. Ele deve recorrer, mas um dia "encosta", e ele terá que pagar pelas suas falcatruas com o dinheiro público!
 
 

AGENTES DE ENDEMIAS E PROFISSIONAIS DO ZOONOSES PARTICIPAM DE PALESTRA EM CAICÓ

Aconteceu na última sexta-feira(15), no Centro Administrativo Municipal, na Avenida  Coronel Martiniano, o primeiro ciclo de palestras que será realizado com agentes de endemias e demais profissionais que atuam na área de zoonoses no município de Caicó.
 
 
 
 
Nesta primeira etapa o veterinário Rafael que atua no programa de residência da UFRN e que está trabalhando junto ao município de Caicó falou sobre zoonoses e os agentes que desencadeiam essas afecções que podem ser microorganismos diversos, como bactérias, fungos, vírus, helmintos e rickettsias. Podem ser Antropozoonozes, que são doenças primarias nos animais e podem ser transmitidas aos homens e Zooantroponoses, que são doenças que são primárias nos homens e podem ser transmitidas aos animais.
 
O ciclo de palestras vai continuar e outras atividades serão realizadas sobre este e outros temas. O Coordenador do CCZ, veterinário Gustavo Solano, disse que é importante este tipo de atividade para que os profissionais que atuam no setor possam está sempre atualizados sobre o temas e assim realizar um trabalho de excelência.

MOTOQUEIRO QUE VINHA DO GOIÁS PARA NATAL MORRE EM ACIDENTE NO SERIDÓ POTIGUAR

Por volta das 08 horas da manhã dessa segunda-feira, (18), um grave acidente foi registado na BR-226, próximo a entrada do Povoado Cruz, onde veio a óbito o senhor Renato Nery Garcia, 50 anos residente na cidade de Jataí Goiás que conduzia uma motocicleta de 1300 cilindradas.
 



A vítima perdeu o controle da moto numa curva, desceu um barranco de aproximadamente 10 metros de altura e caiu em um terreno pedregoso. Com o impacto a moto foi partida em duas partes.

O mesmo foi socorrido com vida, mas infelizmente não resistiu e morreu quando recebia atendimento médico no hospital regional Mariano Coelho. A vítima estava consciente enquanto recebia os primeiros socorros no local pelo o SAMU, "disse que seguia a 140/km/h quando perdeu o controle". Ele fazia parte de um clube de motociclistas do Estado do Goiás e seguiam sentido Natal. Amigos da vítima lamentaram o acidente e acompanharam os procedimentos com relação ao translado do corpo.

Fonte: Jota Junior.

OITO DOS 32 MINISTÉRIOS DE DILMA ESTÃO SEM TITULARES PERMANENTES

Em meio ao andamento do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff no Congresso e diante de uma crise de governabilidade, 8 dos 32 ministérios do governo estão atualmente sem seus titulares.
 
Patrus Ananias (Desenvolvimento Agrário), Celso Pansera (Ciência e Tecnologia), Marcelo Castro (Saúde) e Mauro Lopes (Aviação Civil) deixaram seus cargos na semana passada e retomaram os mandatos de deputado para votar na sessão do impeachment.
  
Por enquanto, a única expectativa de volta é do ministro Patrus Ananias, o que, entretanto, depende da vontade de Dilma.
 
Enquanto isso, nos corredores da Câmara, Pansera e Castro têm dito que não houve um acordo com a presidente de que eles retomariam os cargos na Esplanada após a votação na Câmara. Mauro Lopes, por sua vez, já entregou sua carta de demissão e não voltará.
 
Já nos casos de Gilberto Occhi (Integração Nacional), Gilberto Kassab (Cidades) e Henrique Alves (Turismo), os ministros de PP, PSD e PMDB, respectivamente, decidiram entregar seus cargos após as bancadas dessas legendas na Câmara se posicionarem favoráveis ao impeachment de Dilma. Nesses três casos, as pastas têm sido administradas de forma interina.

Outro ministério sem titular permanente é a Casa Civil. Nomeado para o posto no mês passado, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva teve sua posse suspensa pelo ministro do Supremo tribunal Federal Gilmar Mendes, que atendeu a um pedido do PSDB – o partido alega que Lula, investigado na Lava Jato na primeira instância, tentou obstruir a Justiça ao ser nomeado, a fim de obter o foro privilegiado e ser investigado pelo STF.
 
Até que o plenário do Supremo decida se Lula pode ou não assumir o ministério, está à frente da pasta a ministra-substituta Eva Maria Chiavon, que exercia o cargo de secretária-executiva da pasta na gestão de Jaques Wagner, atual chefe de gabinete da presidente Dilma.
 
Mesmo sem estar oficialmente na Casa Civil, Lula tem atuado, especialmente nas últimas semanas, como articulador informal do governo. Em um hotel em Brasília, ele passou a receber parlamentares e dirigentes partidários a fim de garantir apoio de deputados e senadores ao Palácio do Planalto e, especialmente, à presidente Dilma.

BOMBA I! MINISTÉRIO PÚBLICO QUER CONDENAÇÃO DE JOCIMAR DANTAS POR DOAÇÕES ILEGAIS DE TERRENOS

Segundo matéria no site oficial do MPRN, o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), por meio da Promotoria de Justiça de Jardim do Seridó, ingressou com Ação Civil Pública de responsabilização por ato de improbidade contra o Prefeito do Município, Jocimar Dantas de Araújo, na Vara Única da Comarca de Jardim do Seridó.
 
 
 
 
O MPRN pede que a Justiça condene o réu ao ressarcimento integral do dano, se houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos, pagamento de multa civil de até 100 vezes o valor da remuneração recebida e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos. É o que está expresso no art. 12, inciso III, da Lei nº 8.429/92. 
 
A Ação é um desdobramento do inquérito civil nº 06.2014.00005672-7, instaurado no âmbito da Promotoria de Jardim do Seridó para apurar supostos atos ímprobos praticados pelo prefeito ao longo do ano de 2012: Jocimar Dantas de Araújo teria efetuado alienações, mediante doação de terrenos públicos a particulares, sem observância aos procedimentos administrativos e autorizações legislativas. O terreno em questão é aquele onde hoje está edificado o Conjunto Luzia Leopoldina. 
 
Durante as investigações constatou-se que, ao menos dois lotes de terra, na zona urbana do Município, foram criados e doados a particulares (transferência do domínio útil) durante a gestão de Jocimar Dantas de Araújo. Testemunhas ouvidas afirmaram que os contemplados pelos terrenos não estavam inscritos em programas habitacionais e nem passaram por investigação social, inexistindo, assim, qualquer critério seletivo para fins de escolha dos mesmos, a exemplo da baixa renda.

DIREÇÃO CONFIRMA FUGA E DIVULGA NOMES DE FUGITIVOS DE ALCAÇUZ

A direção da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte, divulgou os nomes dos 14 presos que fugiram neste sábado (16). Com mais esta fuga, chega a 167 o número de detentos que conseguiram escapar de unidades prisionais do estado somente este ano.
 
 
 
Os fugitivos são Adriano da Conceição, André Luiz Araújo da Silva, Claudionor Alves Sobrinho, Danilo Lima da Silva, Eduardo Medeiros da Silva, Francisco Charlisson Alves da Silva, Francisco Fausto Neto, George Henrique Alves da Costa, Jonatas Ferreira Isidoria da Silva, Luciano Vitor dos Santos, Marrone Patrik da Silva Nascimento, Renato da Silva Marinho, Rogerio Batista Rosa e Wildson Alves da Silveira.
 
Vice-diretor de Alcaçuz, Juciélio Barbosa da Silva disse que a fuga aconteceu por um túnel escavado a partir do pavilhão 1. Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal. Atualmente, a unidade possui 1.100 detentos. A capacidade, no entanto, é para 620.
 
Foto: Divulgação/Força Nacional

CRUELDADE! IDOSO É MORTO A PAULADAS E PEDRADAS EM SÍTIO NO INTERIOR DO RN

Um crime com requintes de muita crueldade foi registrado neste domingo, (17), no Sitio Umburana, em São Rafael, onde foi encontrado o corpo do senhor, Francisco das Chagas Barbosa, “Tico”.
Ao chegar ao local do crime, a polícia encontrou várias pedras e alguns pedaços de pau sujos de sangue, usados para matar a vítima, que teve o crânio totalmente esfacelado.
Ainda não se sabe se a motivação do crime, mas, a moto do mesmo não foi encontrada no local, o que pode indicar uma linha de investigação de um latrocínio, roubo seguido de morte.

DEPUTADOS SE REÚNEM COM TEMER APÓS VOTAÇÃO DO IMPEACHMENT

Logo após a maioria qualificada dos votos (342) ter sido alcançada na votação do impeachment na Câmara, parlamentares da oposição começaram a chegar ao Palácio do Jaburu, residência oficial da Vice-presidência, para se encontrar com o vice-presidente Michel Temer.


 
  
Pela televisão, Temer acompanhou a votação no Palácio do Jaburu acompanhado de integrantes da cúpula do PMDB. A segurança em frente à residência oficial do vice foi reforçada e a pista foi dividida com placas indicando que direções os carros deveriam seguir para acessar os palácios do Jaburu ou da Alvorada, residência oficial da Presidência.

Um dos primeiros deputados a chegar à residência oficial do vice-presidente foi Arthur Oliveira Maia (
PPS-BA). O parlamentar disse que foi “dar um abraço no presidente Michel Temer” e lembrou, que em caso de impeachment, Temer assumirá o cargo ocupado por Dilma Rousseff.
 
Hugo Motta (PMDB-PB) e André Fufuca (PP-MA) chegaram ao Jaburu logo após Arthur Maia. Fufuca disse que a oposição agora vai “trabalhar” para que o processo seja instaurado no Senado e a presidente Dilma seja afastada.
 
Fonte: G1.

SOBE PARA QUASE 300 O NÚMERO DE MORTOS APÓS TERREMOTO NO EQUADOR

Subiu para 272 o número de mortos após terremoto de magnitude 7,8 na escala Richter registrado na costa do Equador, em uma região próxima à cidade de Muisne, no noroeste do país, neste sábado (16). A informação foi divulgada pelo presidente Rafael Correa, que afirmou ainda que o número de mortos deve subir nas próximas horas. Os feridos somam 2.068.
 
 
 
 
O terremoto, o mais forte ocorrido no país desde 1979, foi registrado pelo Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla original).
 
A presidência do Equador informou  ainda que o governo disponibilizou 3 mil cestas básicas, 7,6 mil colchões e cobertores, 10 mil garrafas de água às famílias afetadas.
 
Segundo o vice-presidente, Jorge Glas, há 241 médicos e paramédicos membros da Cruz Vermelha trabalhando no atendimento às vítimas.

CARDOZO AFIRMA QUE DILMA NÃO IRÁ RENUNCIAR NEM FRAQUEJAR

O ministro da Advocacia-Geral da União (AGU), José Eduardo Cardozo, afirmou na madrugada desta segunda-feira (18) que, apesar de a Câmara ter autorizado o prosseguimento do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, a petista não pretende renunciar ao mandato nem "fraquejar".
 
Na noite deste domingo, os deputados federais aprovaram por 367 a favor, 137 contra, 7 abstenções e 2 ausências a continuidade do processo de afastamento de Dilma da Presidência. O caso será, agora, analisado pelo Senado.
 
"Eu ouvi indagarem: ela [Dilma] vai renunciar? Ela vai de alguma forma fraquejar? Não. Uma pessoa que acredita em causas que luta por causa vai até o fim desta luta para escrever na história que ela não se acorvadou e que brigou pelo que acredita. Se ela é vítima hoje de uma ação orquestrada, cabe a ela lutar com suas forças para demonstrar à sociedade que não se abre mão da democracia que foi tão duramente conquistada", disse Cardozo.
 
De acordo com ele, se engana quem imagina que Dilma "se curvará" diante do resultado da votação deste domingo. "Ela lutará com todos aqueles que querem a manutenção do estado de direito", ressaltou o ministro.
 
Segundo o advogado-geral da União, Dilma irá se manifestar nesta segunda-feira (18) sobre a decisão da Câmara. O ministro, no entanto, não informou o horário no qual a presidente fará o pronunciamento.
 
Cardozo relatou que o governo recebeu com "indignação e tristeza" o resultado da votação do processo de impeachment na Câmara. O ministro enfatizou que o motivo da indignação do Palácio do Planalto é o fato de, durante a votação, a maioria dos deputados não usou como justificativa para se posicionar favoravelmente ao afastamento da presidente os motivos que sustentaram o relatório final da comissão especial que analisou o pedido de impeachment na Câmara.
 
"Isso nos mostra com clareza, e essa é a razão da tristeza e da indignação, que a decisão da Câmara foi puramente política, e não é isso o que nossa Constituição prescreve para o impeachment", reclamou.

Ao afirmar que as questões jurídicas referentes ao impeachment podem ser discutidas, Cardozo afirmou que o processo de afastamento de Dilma não tem "justa causa" porque não há relação entre os fatos denunciados e ações da presidente que configurem delito. Questionado sobre quando o governo pretende acionar do Supremo Tribunal Federal contra o impeachment, Cardozo disse que "no momento oportuno".
 
O chefe da AGU declarou, ainda, que "nenhum governo" que nasce diante de uma "ruptura institucional" tem "legitimidade" ou consegue "pacificar o país". Ele não citou diretamente o vice-presidente Michel Temer que, desde o ano passado, tem defendido que haja "unidade" no país e que é preciso um "governo de salvação nacional", capaz de "pacificar" a sociedade. Temer ainda não se posicionou oficialmente sobre o resultado da votação deste domingo.

CÂMARA APROVA PROSSEGUIMENTO DO PROCESSO DE IMPEACHMENT NO SENADO

Por 367 votos favoráveis e 137 contrários, a Câmara dos Deputados aprovou às 23h47 deste domingo (17) a autorização para ter prosseguimento no Senado do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Houve sete abstenções e somente dois ausentes dentre os 513 deputados. A sessão durou 9 horas e 47 minutos; a votação, seis horas e dois minutos.
 
 
 
 
Às 23h08, pouco mais de 40 minutos antes do fim da sessão, o voto do deputado Bruno Araújo (PSDB-PE), completou os 342 necessários para a autorização do processo. Deputados pró-impeachment comemoraram intensamente no plenário; deputados contrários ao impeachment apontaram injustiça contra a presidente.
 
Os senadores podem agora manter a decisão dos deputados e instaurar o processo ou arquivar as investigações, sem analisar o mérito das denúncias.

MULHER É MORTA A FACADAS PELO COMPANHEIRO DENTRO DE CASA NO SERIDÓ POTIGUAR

Um crime de feminicídio foi registrando nesta quinta-feira, (11), em Serra Negra do Norte, tendo como vítima, Daiane Silva, que foi assassin...