3 de junho de 2019

CASA DE SUSPEITO DE MATAR MÃE DE 20 ANOS E FILHA DE 04 E ATIRAR NO MARIDO É INCENDIADA NO RN

A casa de um homem suspeito de ter participado do assassinato de uma mulher grávida de quatro meses e da filha dela, uma criança de 4 anos, foi queimada na noite deste domingo (2). O incêndio aconteceu no momento em que os corpos de Mayara Maria da Silva, de 20 anos, e da filha dela, a pequena Lara Emmilly, estavam sendo sepultados. Não havia ninguém na residência. 









A mãe e a filha – além do bebê que estava na barriga – foram vítimas de disparos de arma de fogo na madrugada, em uma estrada na zona rural de Nísia Floresta, quando voltavam para casa depois de participarem de uma festa.





Para a polícia, o marido de Mayara seria o verdadeiro alvo dos assassinos. Baleado, ele acabou socorrido ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, em Natal. Após ser atendido, recebeu voz de prisão. É que havia um mandado de prisão em aberto contra ele. Já a mãe e a filha, teriam sido executadas como queima de arquivo. A mulher levou quatro tiros. A menina, dois, no tórax.

CARRO COM 158 MULTAS É APREENDIDO E MOTORISTA AUTUADO PELA 3ª VEZ POR EMBRIAGUEZ AO VOLANTE NO RN


O motorista de um Renault Logan, veículo com 158 multas que totalizam quase R$ 35 mil, foi pego na madrugada deste domingo (02) em uma blitz da Lei Seca montada no bairro de Nova Parnamirim, em Parnamirim, na Grande Natal. Além de ser autuado por dirigir sob efeito de bebida alcoólica, o carro dele ainda foi rebocado para o pátio do Detran. 





Coordenador da Operação Lei Seca no RN, o capitão PM Isaac Paiva revelou ao que a blitz terminou com 37 motoristas autuados por embriaguez ao volante. Destes, três foram presos em flagrante. 





Na primeira vez que foi autuado, o motorista foi multado em R$ 2.934,70. Já na segunda e nesta última vez, o valor foi dobrado, ou seja, R$ 5.869,40.


Fonte: G1/RN - Foto: Arquivo.

ATENÇÃO! AGENDA ECON/PARELHAS, DE 03 A 08 DE JUNHO

A ECON, (soluções para empresas e pessoas), de Parelhas/RN, divulga agenda de atendimentos, constando datas, e tipos de especialidades dos seus profissionais, de 03 a 08 de Junho.
 
 
 
 
 
 

VÍDEO MOSTRA MOMENTO EM QUE PM DA RESERVA QUE MORREU EM ASSALTO É BALEADO NO RN


Filmagens de uma câmera de segurança mostram o momento em que o policial militar da reserva João Maria Batista de Souza, de 55 anos, foi baleado nesta sexta-feira (31). O cabo aposentado morreu durante um assalto que aconteceu em Parnamirim, na Grande Natal. 










Nas imagens, João Maria aparece sentado em frente a uma lanchonete na Rua Rio Nilo, conjunto Parque Industrial. Dois homens se aproximam em uma moto e um deles já vem sacando uma arma. O PM aposentado tenta correr e o assaltante vai atrás. 





No vídeo, João Maria Batista aparece tentando sacar a sua arma, mas o bandido atira nele antes. O cabo da reserva cai no chão e, em seguida, o bandido foge com a arma dele. O policial ainda foi socorrido ao hospital, mas morreu.

EXPLOSÃO DE CARRO-BOMBA DEIXA 17 MORTOS NA CIDADE SÍRIA DE AZAZ

A explosão de um carro-bomba deixou ao menos 17 mortos, entre eles quatro crianças, neste domingo (2) em Azaz, uma cidade controlada pelos rebeldes no noroeste da Síria, informou a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH). 










O ataque em Azaz, uma cidade no coração da zona de influência turca do norte da província de Aleppo, feriu mais de 20 pessoas, disse Rami Abdul Rahman, diretor do OSDH, com sede em Londres e uma ampla rede de informantes na Síria.





A detonação ocorreu quando os fiéis terminavam sua oração da tarde, informou o diretor da OSDH.
O ataque ocorre um dia depois de uma explosão similar, que matou 10 pessoas e feriu 10 na cidade de Raqa. 




A Turquia lançou em 2016 a Operação Escudo do Eufrates para remover os extremistas do Estado Islâmico (EI) e, desde então, controla mais de 2.000 km² no norte da Síria, inclusive Azaz.

MULHER GRÁVIDA E FILHA DE 4 ANOS SÃO ASSASSINADAS E MARIDO FICA BALEADO EM CIDADE DO RN

Uma mulher grávida de quatro meses e sua filha de 4 anos foram executadas a tiros na madrugada desde domingo (2), na zona rural de Nísia Floresta, na região metropolitana de Natal. Segundo a Polícia Civil, o alvo dos criminosos seria o pai da criança, que estava com elas no momento do crime. Ele também ficou ferido e foi socorrido com vida ao hospital.





Segundo a polícia, o crime aconteceu em uma estrada da zona rural, entre 2h e 3h, na região conhecida como Gonlandim. A família havia saído de uma festa e seguia pela via em uma bicicleta, quando um carro parou ao lado e os ocupantes começaram a atirar.


 


As vítimas foram identificadas como Mayara Maria da Silva, de 20 anos, e Lara Emmilly, de 4 anos. A suspeita  é que o companheiro de Mayara, que seria envolvido com crimes, fosse o alvo dos assassinos. Mãe e filha teriam sido mortas como “queima de arquivo”. A mulher sofreu quatro tiros. A menina, dois, no tórax.







Ainda segundo a polícia, mesmo baleado, o homem saiu correndo e pediu ajuda na fazendo de onde a família tinha saído.






VIVALDO COSTA VOLTA À AL/RN PARA SEU 14º MANDATO NA PRÓXIMA SEMANA

O Papa Jerimum, Vivaldo Costa (PV), assumirá sua cadeira na assembleia legislativa do RN pela 14ª vez.   Vivaldo Costa assumirá a vaga do en...