11 de outubro de 2016

TRE CASSA REGISTRO DE PREFEITO E VICE-PREFEITO ELEITOS EM CIDADE DO RN

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte cassou o registro do vice-prefeito eleito Ecimar de Euclides (PMDB) no município de Portalegre, na região Oeste do Rio Grande do Norte. Ele integra a chapa que venceu as eleições deste ano juntamente com o candidato a prefeito Neto Freitas (PP), que também fica com o registro indeferido devido à situação. Ambos podem recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral.
 
 
 
A decisão tomada pelo TRE se baseia na lista do Tribunal de Contas do Estado, na qual consta o nome de Ecimar por suposta irregularidade em processo licitatório quando foi presidente da Câmera de Portalegre.
 
 
 
Em votação no Tribunal Regional Eleitoral, o resultado foi de foi 4 a 1 pela cassação.
 
 

Neto Freitas foi eleito prefeito de Portalegre com 2.971 votos, o equivalente a 58,25% dos votos válidos. Em segundo lugar ficou Careca, do DEM, que obteve 2.087 votos (40,92%). Zé Rodrigues, do PC do B, conquistou 42 votos (0,82%).

CÂMARA CRIMINAL DO TJRN SEGUIRÁ DECISÃO DO STF PARA CONDENAÇÕES CONFIRMADAS NO 2º GRAU

A Câmara Criminal do TJRN, na sessão desta terça-feira (11), antecipou que irá seguir, nos próximos julgamentos de recursos, a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), tomada no último dia 5, a qual admite a execução provisória da pena após uma condenação ser confirmada em segunda instância. Desta forma, o órgão julgador potiguar se submete à decisão da Corte máxima por meio do chamado efeito “Erga Omnes”, termo jurídico em latim que significa que uma norma ou decisão terá efeito vinculante, valendo para todos e não só para as partes em um determinado litígio.
 
 
 
A magistratura e o Ministério Público, de forma geral, elogiaram a decisão do STF, já que ela, em tese, acaba com aquela sensação de impunidade por parte da sociedade, já que um réu, antes dessa decisão, poderia responder em liberdade até que o caso chegasse ao trânsito em julgado, que é o momento onde não se cabem mais recursos”, explica o juiz convocado pelo TJRN, Luiz Alberto Dantas, que integra a Câmara Criminal.
 
 
 
Possivelmente, o MP vai pedir a reforma de julgados até já feitos por essa Câmara (TJRN), pleiteando a condenação com base no mesmo entendimento”, ressalta Luiz Alberto Dantas.
 
 
 
O presidente interino do órgão julgador, desembargador Glauber Rêgo, também destacou a decisão do Supremo. Ela foi tomada pela maioria dos ministros no Plenário do STF, entendendo que o artigo 283 do Código de Processo Penal (CPP) não impede o início da execução da pena após condenação em segunda instância e indeferiu liminares pleiteadas nas Ações Declaratórias de Constitucionalidade (ADCs) 43 e 44.
 
 
 
Seguindo o ministro Roberto Barroso, a legitimidade da execução provisória após decisão de segundo grau e antes do trânsito em julgado serve para garantir a efetividade do direito penal e dos bens jurídicos por ele tutelados. Para ele, a presunção de inocência é princípio, e não regra, e pode, nessa condição, ser ponderada com outros princípios e valores constitucionais que têm a mesma estatura.
 

 
Presunção de inocência
 
O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) pedia a suspensão da execução antecipada da pena de todos os acórdãos de segunda instância, sob a alegação de que o julgamento do Habeas Corpus nº 126292, em fevereiro, no qual o STF entendeu possível a execução provisória da pena, vem gerando grande controvérsia jurisprudencial acerca do princípio constitucional da presunção de inocência, porque, mesmo sem força vinculante, tribunais de todo o país passaram a adotar idêntico posicionamento, o que, na visão da OAB, produz uma série de decisões que, deliberadamente, ignoram o disposto no artigo 283 do CPP. Argumento não compreendido da mesma forma pelos ministros do STF.

GOVERNO LIBERA PAGAMENTO DE SERVIDORES QUE RECEBEM ATÉ R$ 5 MIL

O Governo do Estado segue o pagamento do funcionalismo na próxima sexta-feira (14), quando receberão os salários 7.803 servidores ativos, aposentados e pensionistas com vencimentos entre R$ 4001,00 e R$ 5 mil. Essa faixa salarial corresponde a uma folha de R$ 34,4 milhões.

 
 
Com isso, o Governo conclui o pagamento de 90% do quadro de pessoal, incluindo todos os servidores ativos da Educação, da administração indireta que possui recursos próprios e as demais faixas salariais pagas até terça-feira (11).
 
 
 
O Governo vem pagando o funcionalismo por faixa salarial e, atendendo solicitação dos sindicatos de trabalhadores, não haverá distinção entre ativos, aposentados e pensionistas. O pagamento dos servidores que recebem acima de R$ 5 mil será anunciado em breve, a partir da disponibilidade de recursos. 

PRF APREENDE MAIS DE R$ 1 MILHÃO EM FUNDO FALSO DE VEÍCULO NO PI

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu no final da manhã desta terça-feira (11) mais de R$ 1 milhão no fundo falso de um veículo na cidade de Parnaíba, Litoral do Piauí. De acordo com a PRF, o homem já tem passagem pela polícia e teria recebido dinheiro para levar o carro da cidade de Fortaleza, no Ceará, para a cidade de Santa Inês, no Maranhão.
 
 
 

 
 
 
 
Durante as buscas, a PRF encontrou o dinheiro dividido em diversos blocos envoltos em papéis e fita adesiva. Questionado, o condutor informou que foi contratado pelo valor de R$ 3,5 mil por um homem bem vestido que aparentava ter 35 anos de idade e que conheceu em uma praia em Fortaleza. Pelo pagamento, ele teria que levar o veículo para a cidade de Santa Inês, e teria iniciado o deslocamento na manhã desta terça (11).
 
 
 
O homem revelou ainda à polícia que era usuário de maconha e que teria cometido o crime de homicídio para se defender em questões envolvendo outros delitos. "Como ele já tem passagem por roubo acreditamos que o dinheiro pode ser de tráfico de drogas ou de assalto a banco. Ele não exlicou a origem exata do dinheiro", disse o inspetor Fabrício Loiola.
 
 
 
O dinheiro apreendido e o homem foram encaminhados para sede da Polícia Federal em Parnaíba, que vai investigar o caso. Após averiguações, os agentes descobriram que contra o motorista do veículo havia um mandado de prisão em aberto expedido pela 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Amazonas pelo crime de homicídio.
 
 
Fonte: G1/PI - Foto: Divulgação/PRF.

GOVERNO SOLICITA INCLUSÃO DO PROJETO DE RECUPERAÇÃO DO PERÍMETRO DE IRRIGAÇÃO OSVALDO AMORIM (DIBA) NOS INVESTIMENTOS DO PROJETO RN SUSTENTÁVEL

Os especialistas da FAO que integram a equipe do Banco Mundial, Luis Dias (Avaliação Econômico-Financeira-FAO) e Luis Loyola (Irrigação- FAO), estão em Natal participando de mais uma Missão de Avaliação e Acompanhamento de Implementação do Projeto RN Sustentável liderado pelo Governo do Estado. 
 
 
 
 
 
 
 
 
Na oportunidade, o secretário de Agricultura Guilherme Saldanha fez uma explanação do Projeto de Recuperação do Perímetro de Irrigação Osvaldo Amorim (DIBA), localizado no Baixo- Açu. Para o Governo, o DIBA necessita de investimentos em infraestrutura e fortalecimento dos produtores da região para aumentar da capacidade de produção, sendo uma opção estratégica para o desenvolvimento econômico e social da área a da produção do Perímetro. Além disto, o DIBA é uma oportunidade de apoiar ações de reabilitação e modernização, garantindo a sustentabilidade do perímetro e da gestão do distrito.

 
Umas das indagações do Banco Mundial foi sobre os títulos de terra dos agricultores. Na apresentação, o secretário afirmou este processo foi iniciado.     “Os títulos de terra estavam parados e foi retomado pelo atual Governo. Até o final do ano concluímos todo processo”, disse.
 
 
A inclusão do (DIBA) no Projeto RN Sustentável trata-se de um novo investimento solicitado ao Banco Mundial pelo Governo do Estado, e tem valor estimado em R$ 3 milhões.
 
 
 
Na quarta-feira (12), a equipe fará visita de campo ao Baixo-Açu para conhecer inloco o Projeto de Recuperação do Perímetro de Irrigação Osvaldo Amorim (DIBA).
 
 
 
Também participaram da reunião os técnicos da SAPE, Manoel Neto, Oscar Filho, Felipe Carvalho, Fábio de Souza, Fabiano Silva; Nísia de Sousa ( EMATER) e os consultores do RN Sustentável Jonilson Figueredo, Franciane de Souza e Janaína Amaral.

NATAL E CAICÓ TEM PROTESTO A FAVOR DA VAQUEJADA

Um grupo protestou contra a proibição da vaquejada na manhã desta terça-feira (11) em frente à Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, em Natal. Segundo a Polícia Militar, 300 pessoas participaram do ato. Já a organização do evento, estima que 3 mil estiveram no local. Na semana passada, o Supremo Tribunal Federal (STF) proibiu a regulamentação da prática no estado do Ceará.
 
 
 
Contrários à proibição da vaquejada, manifestantes querem apoio de políticos do estado (Foto: Sílvio Eduardo)
 
 
 
 
Organizado pela Associação dos Vaqueiros Amadores do Rio Grande do Norte (Assovarn), o ato tem o apoio de outros segmentos ligados ao homem do campo e que também temem pela proibição no estado. “Nosso movimento é pacífico e ordeiro. Queremos sensibilizar a nossa classe política para que se una à gente. Estamos lutando pelo futuro de 50 mil pessoas que vivem direta ou indiretamente da vaquejada aqui no estado”, disse Paulo Saldanha, presidente da Assovarn.
 
 
 
A vaquejada é uma tradição cultural nordestina na qual um boi é solto em uma pista e dois vaqueiros montados a cavalo tentam derrubá-lo dentro de uma área estabelecida e marcada por cal. Segundo as regras do esporte, a derrubada só é considerada válida se o boi cair, ficar com as 4 patas para cima e se estiver na área delimitada. Dependendo do local da queda, pontos são somados ou não a dupla.
 
 
 
O vaqueiro Josinaldo Viana argumenta que algumas mudanças na prática da vaquejada eliminaram o sofirmento dos animais. "Antigamente a gente puxava pelo rabo, a gente sabia que ia doer, e hoje não é mais assim. Hoje há um protetor para o rabo, para não 'torar' o rabo do boi. Além disso, a barriga não pode ter mais ferimento, não pode usar espora que fure, se ferir a barriga do animal na competição é desclassificado", disse.
 
 
 
Já a promotora do Meio Ambiente de Natal, Rossana Sudário, classifica a vaquejada como 'tortura' aos animais. "Essa atividade não pode ser adaptada porque não há como fazer vaquejada sem maltratar os animais", explicou.
 
 
 
Em Caicó, na região Seridó do estado, vaqueiros também protestaram. A cavalo, dezenas saíram às ruas da cidade.
 
 
 
A derrubada da lei que regulamentava a vaquejada no Ceará aconteceu na última quinta-feira (6), após o Supremo reconhecer como prática que viabiliza sofrimento aos animais. A decisão vigora para todo o país e os organizadores estarão sujeitos à punição por crime.

JOVEM FORMADO EM DIREITO SERÁ SUBSTITUTO DE DR. GILBERTO BRITO NA CÂMARA DE JARDIM DO SERIDÓ

Após decidir por não concorrer à reeleição para vaga de vereador, o Advogado, Dr. Gilberto Brito, decidiu por apoiar um substituto a sua altura, para que seu trabalho como vereador, que muito se destacou por ser um fiscalizador atuante, sempre legislando em prol da coletividade, com respeito, transparência e probidade, tivesse continuidade, e por isto escolheu o jovem formado em direito, Ronaltty Nery.
 
Com grandes chances de se destacar na política, recentemente formado em direito, o jovem Ronaltty Nery em breve irá se tornar advogado com registro na OAB/RN, o que lhe ajudará em muito em seu primeiro mandato como vereador.
 
Além de Dr. Gilberto Brito, outras lideranças políticas também apoiaram o projeto do jovem Ronaltty Nery, que a partir de janeiro de 2017 ocupará uma das cadeiras da bancada da situação, do grupo ligado ao prefeito eleito de Jardim do Seridó, Amazan Silva.
 
Do Blog: Eu também acreditei no seu projeto, e em troca do meu apoio, pedi e ratifico meu pedido, para que você trabalhe em prol de nosso município. Parabéns, e boa sorte!

APÓS DERROTA, PREFEITO DEMITE PROFISSIONAIS DA SAÚDE EM SANTANA DO SERIDÓ, MAS DEIXA FILHA COM EMPREGO

Mordido” após ser derrotado nas urnas, o atual prefeito de Santana do Seridó, Adriano Gomes, “Dril”, demitiu vários profissionais da área da saúde, deixando a população sem vários tipos de atendimento.
 
 
Apesar de receber o mesmo valor que outros municípios com até o triplo da população, a administração de “Dril” foi um desastre, é tanto que a maioria da população decidiu por lhe tirar da prefeitura através do voto.
 
 
Apelidado de “Tranca Rua”, após a derrota, o prefeito fechou a prefeitura em plano dia útil, retirou o ônibus dos universitários, fechou a academia de ginástica, fechou o balneário, demitiu servidores da saúde, mas para revolta de muitos santanenses, manteve sua filha com um emprego na prefeitura, com salário de aproximadamente R$ 2.500,00.
 
Do Blog: ÊITA HOMEM BOM, PRA CASA!

PARTE DE TETO DESABA E FERE CRIANÇAS EM ESCOLA EM CIDADE DO RN

Pelo menos seis crianças, alunos entre 10 e 12 anos, ficaram feridas por telhas e vigas de madeira que despencaram do teto de um dos corredores da Escola Estadual Manoel Justiniano de Melo, localizado no bairro Belo Horizonte, em Mossoró. A estrutura desabou na manhã desta segunda-feira (10), durante o horário de recreio.
 
 
 
Um dos pilares de sustentação de uma passarela arriou, fazendo parte do teto desabar (Foto: Valéria Lima/G1)
 
 
Segundo a direção da escola, o prédio foi construído há mais de 30 anos, e só passou por pequenas reformas. Por volta das 9h, já no fim do intervalo, um dos pilares que sustentava a cobertura da passarela de um dos corredores arriou no momento em que os alunos estavam entrando nas salas de aula.
 
 
 
Uma ambulância do Samu foi à escola e prestou os primeiros socorros. Seis crianças foram levadas para o Hospital Regional Tarcísio Maia em razão de pancadas que levaram. Os ferimentos, aparentemente, são superficiais.
 
 
 
A direção informou que as aulas do turno da manhã foram suspensas, e que ainda avalia se terá condições de segurança para abrir para os turnos da tarde e noite.
 
 
Fonte e foto: G1/RN.

GOVERNO DO RN ESTUDA DECRETAR CALAMIDADE NAS FINANÇAS PÚBLICAS

O governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD), estuda assinar nos próximos dias um decreto de calamidade pública nas finanças do Estado. A medida seria semelhante à adotada pelo Rio de Janeiro em junho passado e visa possibilitar ao Estado honrar o pagamento da folha de servidores e quitar dívidas com fornecedores. De acordo com Faria, pelo menos outros 20 Estados brasileiros planejam assinar decretos iguais em breve.
 
 
 
"Esse decreto é emblemático, simboliza a crise que os Estados estão passando. Outras unidades da federação estão planejando decretar de forma coletiva esse decreto para que o Governo Federal passe a olhar com maior boa vontade para os Estados do Nordeste, do Norte e do Centro-Oeste", falou o governador.
 
 
 
Robinson Faria lembrou que o Governo Federal concedeu recentemente uma rolagem de dívida aos Estados. "Mas essa rolagem só foi boa para os Estados que mais deviam, como Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo e Minas Gerais. Sul e Sudeste representam 91% de toda a dívida dos Estados para com a União. O Nordeste todo, somando os nove estados, representa só 4%. O Rio Grande do Norte, só 0,06%. É o estado que menos deve para o Brasil ao lado de Tocantis. Na hora que eu não tenho esse perdão, essa anistia de pagamento mensal à União, eu não tive nenhuma ajuda. Queremos apenas um tratamento igualitário".
 
 
 
O governador disse que já teve várias reuniões com o presidente Michel Temer e com ministros da área econômica para tratar do assunto. "Acho que esta semana teremos novas reuniões. Caso não haja a anistia pleiteada pelos Estados, o decreto deverá ser assinado por cerca de 20 governadores", frisou.
Robinson falou ainda sobre os constantes atrasos no pagamento do funcionalismo. "Somos um Estado pobre, que enfrenta 5 anos de seca severa, com crise no sistema prisional. Peguei um Estado quebrado. Eu fico triste quando há atraso de pagamento, mas, infelizmente, algumas vezes acaba sendo a única solução".
 
 
 
"O atraso na folha do servidor não é uma escolha do Governo. A prioridade do governador é honrar o compromisso com o servidor. Para isso, não tenho medido esforços para diminuir os impactos negativos da crise que afeta os estados ao mesmo tempo em que busco caminhos para amenizar, de maneira mais rápida, essa grave situação", completou Faria.
 
 

Neste domingo (9), o Governo do Estado emitiu nota à população abordando a crise financeira. O documento lembra que "as finanças do Estado são compostas pela arrecadação própria e por repasses do Governo Federal. De janeiro de 2015 a setembro de 2016 o Rio Grande do Norte já deixou de receber R$ 980 milhões previstos nos orçamentos para os dois anos. Somente em transferências federais, a frustração chega a R$ 691 milhões em relação à previsão orçamentária. Além disso, as receitas dos royalties do petróleo apresentaram redução em mais de 61% em comparação a 2014".
 
 
 
Entre as medidas que podem ser adotadas, Robinson diz que pode se desfazer de bens do Estado para aumentar a arrecadação. "O Executivo age em diversas frentes para contornar a situação: renegocia contratos, reduz drasticamente despesas de custeio, realizou auditoria na folha e censo do servidor corrigindo possíveis distorções e trabalha com uma máquina mais enxuta e mais eficiente. Encaminhou projeto à Assembleia para vender ativos imóveis do Estado e tem realizado ações para crescer a arrecadação estadual".
 
 
 
A nota diz que "o RN tem hoje 103.866 servidores entre ativos, inativos e pensionistas, que geram uma folha salarial em torno de R$ 420 milhões. Os cargos comissionados representam apenas 0.5% dessa folha, o segundo menor percentual do país".

UM MORRE E OUTRO FICA FERIDA EM TROCA DE TIROS COM A PM NO RN

O Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM), registrou por volta das 19:30hs desta segunda-feira, (10), uma ocorrência de troca de tiros entre bandidos e polícia, que acabou com dois elementos baleados em Mossoró.
 
 
 
 
 
 
 
De acordo com as primeiras informações, os bandidos se encontravam em um carro roubado na última sexta-feira, (07), praticando assaltos na cidade quando foram interceptados pela PM.
 

Durante a tentativa de fuga acabaram batendo o veículo e efetuaram disparos contra os policiais. Houve o revide a injusta agressão e os elementos acabaram levando a pior e foram socorridos pela PM para o Hospital Regional Tarcísio Maia, um deles usava um colete à prova de balas. Luiz Moreira da Silva, conhecido como Luiz Neto de 22 anos de idade, residente no Bairro Boa Vista não resistiu a gravidade dos ferimentos e veio a óbito.
 


Com um deles foi encontrado uma arma de fogo com munições deflagradas. O outro indivíduo confessou no hospital que estava armado e teria jogado a arma no mato. Essa segunda arma não foi localizada pela PM.


Com informações de: Focoelho.

APÓS QUASE 12 HORAS, CÂMARA APROVA 1º TURNO DA PEC DO TETO DE GASTOS

A Câmara dos Deputados concluiu na madrugada desta terça-feira (11) a votação, em primeiro turno, da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que estabelece um teto para o aumento dos gastos públicos pelas próximas duas décadas.
 
 
 
 
 
 
 
O texto-base da PEC havia sido aprovado pela Câmara às 21h35 desta segunda por 366 votos favoráveis e 111 contrários, mas, na sequência, os deputados tiveram de analisar oito destaques (sugestões de alteração no texto) para concluir o primeiro turno de apreciação da proposta.
 
 
 
Todos os sete destaques apresentados foram rejeitados pela maioria dos deputados. A análise das sugestões de alteração ao texto original durou cerca de quatro horas.
 
 
 
Três destaques tinham por objetivo retirar do teto de gastos áreas como saúde, educação e assistência social. Outro destaque rejeitado pretendia estabelecer um limite de 5% do Produto Interno Bruto (PIB) para o pagamento de juros e amortização da dívida da União.
 
 
 
Também foram derrubados destaques que pretendiam excluir o ano de 2017 do limite de gastos e retirar da PEC o trecho das penalidades para os órgãos que descumprirem o teto de despesas.
 
 
 
Antes de alterar a Constituição, a PEC ainda terá de passar por uma segunda votação no plenário da Câmara e outras duas no Senado.
 
 
 
Por se tratar de emenda à Constituição, eram necessários os votos de, pelo menos, três quintos dos deputados (308 dos 513) para aprovar o texto. No Senado, o governo precisará de, no mínimo, 49 votos favoráveis.
 
 
A previsão do relator da PEC, deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), é de que o segundo turno de análise na Câmara ocorra daqui a duas semanas, no dia 24.

PADRE DEU CARONA PARA ADOLESCENTES QUE O MATARAM EM MT, DIZ POLÍCIA

O padre João Paulo Nolli, de 35 anos, que morreu após ser estrangulado em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, ofereceu carona para os três adolescentes detidos nesta segunda-feira (10) suspeitos de terem matado o sacerdote, segundo a Polícia Civil. O padre estava desaparecido desde o sábado (8) e foi encontrado morto no domingo (9) em um terreno baldio na cidade.
 
 
 
 
Padre João Paulo Nolli, de 35 anos, foi morto por estrangulamento em Mato Grosso (Foto: Reprodução/TVCA)
 
 
 
Em depoimento, os três adolescentes com idade entre 16 e 17 anos, confessaram o crime. Eles disseram à polícia que estavam andando na rua, quando o padre passou de carro e lhes ofereceu carona.


 
De acordo com o delegado Gustavo Belão, da Polícia Civil, os adolescentes contaram que entraram no carro e, no meio do caminho, discutiram com o padre e o mataram. “A investigação deve apontar agora o motivo dessa discussão”, afirmou.
 


Ainda segundo Belão, os três retiraram o padre de dentro do carro, o estrangularam do lado de fora e deixaram o corpo em um terreno baldio. “Depois disso, eles [adolescentes] pegaram o carro, a carteira do padre com R$ 65 e o celular do sacerdote”, disse.
 
 
 
Outras quatro pessoas, entre elas um adolescente de 14 anos e três homens de 25,30 e 32 anos, foram detidas no domingo suspeitas de receptação do carro e dos pertences roubados de João Paulo. A Polícia Civil diz que os quatro são usuários de droga e estavam tentando vender o celular do padre assassinado.
 
 
 
O carro do padre, um Hyundai HB20, foi encontrado abandonado na noite de domingo no bairro Jardim Europa. O veículo estava intacto e passará por perícia nesta segunda-feira.
 
 
Fonte: G1/MT.

GOVERNADOR TRATA DA FEDERALIZAÇÃO DE HOSPITAIS DO INTERIOR COM PRESIDENTE DA EBSERH

O governador Robinson Faria se reuniu na tarde desta segunda-feira, 10, com o presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), Kleber de Melo Morais, em Brasília. O objetivo do encontro foi tratar do processo de federalização dos hospitais regionais de Caicó, Currais Novos e Santa Cruz, que passariam a funcionar nos moldes do Hospital Universitário Onofre Lopes, referência nacional.
 
 
 
 
 
 

Ainda serão realizados alguns estudos para viabilizar a federalização destas unidades. E é muito importante frisar que esta mudança não implicará em nenhum prejuízo para a população da região. Muito pelo contrário. São previstas várias melhorias”, salientou o governador.
 
 

Durante a reunião, foram apresentadas as ações de ensino na saúde já desenvolvidas pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Nos três hospitais, já funcionam residências médicas. Do encontro, ainda participaram a subsecretaria de Saúde Ederlinda Dias e a reitora da UFRN Ângela Paiva. 

BANDIDO PERIGOSO FORAGIDO DO RN É NO PERU

Um potiguar foragido da Justiça, condenado a mais de 32 anos de pena, foi preso no Peru, segundo informou a Polícia Federal.   De acordo ...