9 de abril de 2020

CAMPUS CAICÓ PRODUZ CAPOTES HOSPITALARES EM AÇÃO DE COMBATE À PANDEMIA

Desde que a Organização Mundial de Saúde (OMS) decretou estado de pandemia com o surgimento do novo Coronavírus (cientificamente, SARS-COV-2), a busca por Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) disparou no mundo inteiro. Ferramenta indispensável para o trabalho diário dos profissionais de saúde, capotes hospitalares estão sendo produzidos nos Campus Caicó do IFRN.










Após a distribuição das primeiras unidades, destinadas ao Hospital Regional Telecila Fontes, a equipe responsável pelo projeto foi contatada por um dos profissionais da unidade de saúde: “Os EPI´s doados estão fazendo toda a diferença. Ontem mesmo, se não tivesse o protetor, não teríamos conseguido fazer um procedimento em um paciente”, disse Diógenes Moura, enfermeiro no hospital. 





Utilizando instalações dos Laboratórios de Costura e de Química Têxtil, servidores e estudantes do Campus estão produzindo os capotes hospitalares. Em outra frente de trabalho, moldes de aventais cirúrgicos foram feitos e cortados por membros do projeto e distribuído nas casas dos estudantes egressos do curso de Design de Moda e Vestuário que possuem máquinas de costura adequadas à confecção. Segundo Simone Pereira, coordenadora de Extensão do Campus Caicó, a expectativa é que “a iniciativa minimize os impactos negativos da Covid-19 por meio do aumento de proteção dos profissionais de saúde do Hospital Telecila Fontes, diminuindo significativamente a disseminação do contágio para a população da Região Seridó do Rio Grande do Norte”.




Diretora do Hospital Telecila Fontes, Maura Sobreira falou sobre o número de atendimentos na unidade: “o Regional atende, além de Caicó, cerca de 12 cidades vizinhas. Nossa equipe é composta por 520 funcionários entre efetivos, temporários e terceirizados. O consumo semanal deve girar em torno de 300 unidades da vestimenta de proteção”. A doação do IFRN – o projeto prevê confecção de 1000 capotes descartáveis em 90 dias – atenderá parte dessa demanda do hospital.

COVID-19: JUSTIÇA GARANTE A SINDICATO PROIBIÇÃO DO CORTE DE ENERGIA EM HOTÉIS, BARES E RESTAURANTES NO RN

Uma ação do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Rio Grande do Norte (SHRBS-RN) na Justiça estadual pede, em favor de seus filiados, a proibição do corte do fornecimento de energia elétrica por parte da Companhia Energética do RN (Cosern). 




 
Foi concedida uma medida liminar, sendo determinado que a Cosern “(...) pelo prazo de 60 dias, abstenha-se de suspender ou interromper o fornecimento de energia elétrica das unidades consumidoras filiadas ao sindicato autor, em razão de inadimplência, desde que as dívidas sejam correspondestes ao período de suspensão das atividades em virtude do Decreto de Calamidade Pública, editado pelo Governo do Estado”.
 
 
 
 

Segundo informações do escritório Jales Costa, Gomes & Gaspar, que faz a defesa do Sindicato, a decisão da Justiça beneficia cerca de 18 mil estabelecimentos em todo o Estado. Além disso, esclarece o escritório, não se postulou apenas a proibição do corte de energia, mas principalmente a alteração na forma de cobrança da tarifa durante a pandemia do Covid-19, para que seja cobrada apenas a energia efetivamente consumida. Isso se explica tendo em vista que, para alguns estabelecimentos, também é cobrada a demanda contratada (a potência à disposição, ainda que não utilizada).
 
 
 

Para o presidente do Sindicato, Habib Chalita, a pandemia do novo coronavírus atingiu fortemente o segmento de hotéis, restaurantes, bares e similares, face às proibições governamentais, com empreendimentos suspendendo parcialmente e totalmente as atividades, além da demissão de empregados dessas empresas, impondo o ajuizamento da ação.

TESTE EM MÃE DE RECÉM-NASCIDO PRE-MATURO QUE MORREU COM CORONAVÍRUS EM NATAL DÁ NEGATIVO


O teste realizado na mãe da criança recém-nascida, com quatro dias, que morreu com coronavírus em Natal, teve resultado negativo para a doença, segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde do município nesta quinta-feira (9). Os profissionais agora ampliam os exames para saber se a mulher teve a doença durante a gravidez e como ocorreu a transmissão. 




O primeiro teste realizado foi o Swab - baseado na presença do vírus nas mucosas da paciente (como nariz e boca), porém não foi encontrado vírus. De acordo com a Secretaria, um novo exame, chamado sorologia, será feito para detecção de anticorpo para Covid-10, a partir da coleta de sangue da paciente. 




Somente com essa e outras questões respondidas, os técnicos poderão definir se o bebê teve uma contaminação vertical (da mãe para o filho ainda dentro da barriga) ou externa. "Nós não podemos afirmar como isso aconteceu até a investigação ser concluída e analisarmos cada aspecto", afirma Juliana Araújo, chefe do setor de Vigilância em Saúde de Natal.



Do Blog: Uma decepção para muitos que estão torcendo que o vírus mate milhares só no RN.

JOVEM DE 19 ANOS É MORTO A TIROS EM PLENO CENTRO DE CIDADE SERIDOENSE NA NOITE DESTA QUARTA-FEIRA, (08)

Um crime de homicídio foi registrado na noite desta quarta-feira, (08), no centro da cidade de Currais Novos, quando foi morto a tiros o jovem Micael Natam, de 19 anos, que morreu no local. 





Segundo informações, a vítima era natural da cidade de Poço Branco, e teria mudado para Currais Novos recentemente, onde foi morto por uma dupla que chegou ao local em uma motocicleta, e após o crime fugiu do local. Tudo ainda é mistério para a polícia.

BOLSONARO PEDE VOLTA AO TRABALHO, 'OBSERVADAS AS NORMAS DO MINISTÉRIO DA SAÚDE'


O presidente Jair Bolsonaro afirmou na noite desta quarta-feira (8), durante pronunciamento em rede nacional de televisão, que é dos governadores a "responsabilidade exclusiva" das medidas de isolamento social motivadas pela pandemia do novo coronavírus




Ele disse ter "certeza que a grande maioria" quer voltar a trabalhar e que essa é a orientação dada a todos os ministros, "observadas as normas do Ministério da Saúde".




Foi o quinto pronunciamento de Bolsonaro na TV sobre a crise do coronavírus.




"Respeito a autonomia dos governadores e prefeitos. Muitas medidas, de forma restritiva ou não, são de responsabilidade exclusiva dos mesmos. O governo federal não foi consultado sobre sua amplitude ou duração", afirmou.

BOLSONARO ANUNCIA QUE GOVERNO VAI PAGAR CONTA DE LUZ DE CONSUMIDORES DE BAIXA RENDA POR 3 MESES


O governo federal publicou na noite desta quarta-feira (8) uma medida provisória (MP) para isentar os consumidores de baixa renda do pagamento da contas de luz. 



Medidas provisórias têm força de lei assim que publicadas no "Diário Oficial da União", mas precisam ser aprovadas pelo Congresso Nacional em até 120 dias para se tornar leis em definitivo. 



A medida já havia sido anunciada pelo presidente Jair Bolsonaro nesta quarta, durante um pronunciamento em rede nacional.

PAI, FILHO E PILOTO MORREM APÓS QUEDA DE AVIÃO NA BA

Três pessoas morreram após um avião cair na cidade de Barreiras, no oeste da Bahia, neste sábado (2). O acidente aconteceu em uma área de ve...