29 de março de 2018

POLÍCIA CIVIL DESVENDA HOMICÍDIO E PRENDE ACUSADOS NO SERIDÓ POTIGUAR

A polícia civil de Parelhas elucidou o homicídio de João Paulo de Araújo, de 20 anos, morto a tiros em julho de 2017, quando trabalhava como servente de pedreiro em uma obra em Parelhas/RN.
 
 
 
 
 
 
 
Os mandantes do crime foram Jeferson Henrique Pereira, vulgo “Boyzão”, de 23 anos de idade e Roberto Johnson de Medeiros Filho, de 25 anos de idade, chefes de uma organização criminosa atuante na cidade de Parelhas.
 
 
Um dos executores foi o adolescente E. D. S. S, de 17 anos de idade. O crime teve o apoio de  Francisco de Souza Silva, vulgo “Neguinho de Biá”, de 23 anos, Felipe Ícaro da Silva Valentim, vulgo “Felipinho”, de 19 anos, Nicivaldo Fernandes da Silva, vulgo “Zeca Urubu”. O motivo do crime não foi revelado.
 
Com informações de: J. Júnior.

0 comentários:

Postar um comentário