23 de março de 2018

HOMEM ARMADO É MORTO PELA POLÍCIA APÓS MATAR TRÊS PESSOAS EM ATAQUE NO SUL DA FRANÇA

Três pessoas morreram em um ataque de um homem armado no sul da França, nas cidades de Carcassone e Trèbes. O atirador matou o ocupante de um carro, entrou em um supermercado e fez reféns antes de ser morto pelas forças de segurança. Outras três pessoas ficaram feridas - uma delas com gravidade.
 
 
 
 
O presidente Emmanuel Macron, que está em Bruxelas, afirmou que as evidências apontam que a ação foi um ato de "terrorismo islâmico". Ele voltará para Paris para acompanhar de perto a situação.
 
 
 
 
O suposto terrorista alegou pertencer ao grupo extremista Estado Islâmico (EI), embora o grupo terrorista não tenha reivindicado a ação. Testemunhas disseram que Redouane Lakdim, de 26 anos, gritou "Allahu Akbar" (Alá é grande), no momento ao invadir o supermercado Super U, segundo a CNN. Segundo a mídia francesa, ele teria pedido a libertação de Salah Abdeslam, único terrorista capturado com vida nos ataques em Paris de 13 de novembro de 2015.
 
 
 
 
Os serviços de segurança ainda estão investigando se o EI está realmente por trás do ataque.

0 comentários:

Postar um comentário