8 de outubro de 2017

APÓS REBELIÃO, 75 PRESOS EM PRESÍDIO DO PIAUÍ

A Secretaria de Justiça do Estado confirmou neste sábado (7) que 75 detentos fugiram do presídio Luiz Gonzaga Rebelo, localizado em Esperantina, durante a rebelião dessa sexta-feira (6). A Sejus diz ainda que já conseguiu recapturar 20 fugitivos e 55 estão sendo procurados por 30 policiais militares da região de Esperantina e de Teresina.
 
 
 
 
 
 
 
 
A rebelião ocorrida na Penitenciária Regional Luiz Gonzaga Rebelo, foi controlada por volta das 18h, após a Tropa de Choque da Polícia Militar entrar no presídio. De acordo com a Secretária de Justiça (Sejus), cinco presos precisaram ser encaminhados para atendimento médico em Teresina.
 
 
 
 
 
O Diretor de administração penitenciária, major Adriano Lucena, afirmou que 110 presos foram transferidos para outras unidades prisionais por conta da deterioração do presídio após a rebelião. “Devem ser feitos reparos de emergência na unidade e por isso os presos tiveram que transferidos”, disse.
 
 
 
 
 
Conforme o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi) Sinpoljuspi, a Penitenciária de Esperantina tem capacidade para 156 presos, mas no momento abriga 420.
 
 
 
 
O Comando Geral da Polícia Militar reforçou o efetivo de PMs em Esperantina e na região, para garantir a segurança da população e efetuar a captura dos foragidos. A Polícia Civil e a Promotoria de Justiça de Esperantina já foram acionados para investigar a causa e a motivação da rebelião.
 
 
Fonte: G1/PI - Foto: Sinpoljuspi.

0 comentários:

Postar um comentário