20 de julho de 2022

POLÍTICOS PERNAMBUCANOS SÃO VAIADOS EM ATO COM LULA NA CIDADE NATAL DO EX-PRESIDENTE

A comitiva do PSB formada pelo prefeito do Recife, João Campos, pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara, e pelo pré-candidato a governador, Danilo Cabral, foi recebida com vaias, durante ato de apoio ao pré-candidato do PT a presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. O vexame das mais importantes autoridades pernambucanas filiadas ao PSB aconteceu na tarde desta quarta-feira (20), em Garanhuns (PE), terra natal de Lula. 

 

As primeiras vaias foram dadas no momento em que Câmara, Cabral e Campos foram anunciados para subir ao palanque do evento, por militantes que receberam com festa Lula e o pré-candidato a vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB). 

 

O momento de maior rejeição da plateia foi quando o governador Paulo Câmara discursou, debaixo de uma sonora vaia e gestos de reprovação de sua presença no palanque esquerdista. O vexame forçou lideranças do palco a se levantarem aplaudindo e tentando puxar um coro pelo nome de Paulo Câmara. 

 

Lula, que estava sentado, apressou-se para se levantar e posicionar-se do lado do governador para conter as vaias. E Paulo Câmara chegou a atribuir as vaias que recebia ao suposto “legado” do principal rival de Lula, o presidente da República e pré-candidato a reeleição Jair Bolsonaro (PL).

0 comentários:

Postar um comentário