7 de abril de 2018

PRESOS ESCAPAM DO PRESÍDIO DO RN APRESENTANDO DOCUMENTOS FALSOS

Os detentos Willian Carlos Souza de Oliveira, 27 anos, o “Lobo da baixa”, e de Luciano Ferreira da Silva, 30 anos, o “Ventola”, conseguiram escapar da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na última quinta-feira, 5, por meio de falsidade ideológica, após apresentarem documentos de progressão de regime prisional (fechado para semiaberto) de outros dois detentos da mesma unidade prisional.







Segundo informações da Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania (Sejuc), Willian Carlos e Luciano Ferreira apresentaram os documentos que pertenciam aos internos Gleyviton de Souza Caetano e Ailton Dantas dos Santos. Ainda não há informações de como foi feita a troca documental entre os internos.



A fraude na identificação dos internos foi percebida ainda na quinta-feira, segundo a Sejuc, momentos depois que os presos conseguiram deixar a prisão. A pasta já tomou todas as medidas necessárias para identificar e responsabilizar os autores da falha administrativa, já que transcorreu todo processo de conferência.



Os dois presos que escaparam – detidos por tráfico, roubo e assalto à mão armada – são considerados foragidos. Os dois estavam custodiados no Pavilhão 3 da unidade prisional.



A Sejuc informou, ainda, que Gleyviton de Souza Caetano e Ailton Dantas dos Santos permanecem presos. No entanto, como trocaram os documentos com os dois presos que deixaram a unidade, acabaram perdendo a progressão do regime e, assim, permanecem no Sistema fechado.




Por fim, a Sejuc detalha que o caso já está sendo apurado. As medidas administrativas para apurar as circunstâncias serão realizadas pela Coordenadoria Especial de Procedimentos Administrativos (CEPA).

0 comentários:

Postar um comentário