27 de abril de 2024

MÉDICOS OPERAM PERNA ERRADA DE CRIANÇA NA PB

Uma equipe do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande operou a perna errada de uma menina de seis anos de idade na noite desta quinta-feira (25). A mãe da criança foi quem percebeu o erro. Ela voltou para o centro cirúrgico ainda ontem para operar a perna correta. Os profissionais envolvidos no caso foram afastados pela diretoria da unidade hospitalar. 

 

A menina deu entrada inicialmente no Hospital Universitário de Campina Grande, depois, foi transferida para a unidade que trata de emergências. Ela apresentava um quadro clínico de celulite infecciosa na perna esquerda e precisava passar por uma cirurgia invasiva para colocar pinos no local. 

 

Ela foi levada ao centro cirúrgico e, ao sair, a mãe da criança se desesperou ao perceber que a perna direita é a que tinha sido operada, quando, na verdade, o problema estava na perna esquerda. A criança teve que voltar para o centro cirúrgico para ter a perna correta operada. 

 

Pouco depois do erro ser identificado, o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande emitiu uma nota de esclarecimento confirmando o afastamento de toda a equipe e determinando a abertura de uma sindicância para apurar o caso. 

 

O diretor técnico do hospital, o médico Flávio Daniel, explicou que as investigações serão acompanhadas pelo Núcleo de Segurança do Paciente e pela Comissão de Ética Médica da instituição e que dará a assistência necessária à criança e aos seus familiares até o momento da alta hospitalar.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ASSEMBLEIA DO MATO GROSSO ANULA HONRARIA A DINO E MORAES

O deputado estadual e presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Mato Grosso, Gilberto Cattani (PL-MT), explico...