26 de fevereiro de 2019

BOLSONARO DIZ CONTAR COM 'PATRIOTISMO' DO CONGRESSO PARA APROVAR A REFORMA DA PREVIDÊNCIA


O presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta terça-feira (26), no evento de posse do novo diretor-geral brasileiro da Itaipu, em Foz do Iguaçu, que vai contar com o "patriotismo" do Congresso Nacional para aprovar a reforma da Previdência.









“Nós contamos com o patriotismo e o entendimento do Parlamento para que nós possamos ter uma reforma da Previdência. Porque, caso contrário, economicamente o Brasil é um país fadado ao insucesso”, disse Bolsonaro.




A proposta de emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência Social foi entregue na quarta-feira (20) pelo governo federal ao Congresso Nacional.




Pelas regras regimentais, a matéria passará primeiro pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, que analisará se o texto fere algum princípio constitucional.




Depois, a PEC precisa ser aprovada por pelo menos 308 dos 513 dos deputados, e por 49 dos 81 senadores.




O presidente afirmou que é possível que a matéria tenha alterações propostas pelos parlamentares. “Não tenho a menor dúvida de que o parlamento fará as correções que têm que ser feitas, porque afinal de contas nós não somos perfeitos. E as propostas têm que ser aperfeiçoadas", disse.

0 comentários:

Postar um comentário