23 de setembro de 2018

PREFEITO AMAZAN COMPÕE PARÓDIA PARA REPUDIAR MENTIRAS DA RÁDIO CABUGI DO SERIDÓ


O prefeito de Jardim do Seridó, Amazan Silva, compôs uma paródia, em repúdio às mentiras divulgadas pela emissora, Rádio Cabugi do Seridó, que de forma irresponsável e maldosa, divulgou uma nota, acusando o prefeito Amazan de ter cometido um ato de improbidade administrativa em desfavor do erário público.







 

Numa mostra da falta de compromisso para com a verdade, a emissora afirma que: “o prefeito Amazan Silva FINALMENTE CAIU nas malhas da justiça por irregularidades em compras para a prefeitura”, e ainda mais, afirma que: “as firmas QUE VENDERAM IRREGULARMENTE para a prefeitura de Jardim do Seridó foram... (cita nomes das empresas)”, atestando que houve irregularidades, quando na verdade deveria dizer que: “... estão sendo acusadas de venderem irregularmente...”.





Ademais, de forma mais irresponsável ainda, a nota diz que, “...na SUA DECISÃO, a justiça RECONHECEU que houve dano ao erário público da prefeitura, e que estava sim COMPROVADA A VIOLAÇÃO dos princípios que norteiam a administração pública...”, deixando à entender que o prefeito e as empresas citadas foram condenadas pela justiça, quando na verdade, existe apenas uma denúncia, que será investigada, e só poderá ser COMPROVADA após audiências, e posterior sentença da magistrada, e ainda possíveis (se necessários) recursos em instâncias superiores.






Em sua paródia, o prefeito Amazan Silva deixa claro que o motivo das perseguições da referida emissora contra o mesmo, é que a atual administração não investiu dinheiro público na emissora, o que lhe tornaria um verdadeiro “Deus” para a direção da emissora.





Do Blog: Essa eu conheço de perto. Se pagar é “Santo”, se não pagar é “Satanás”.

0 comentários:

Postar um comentário