23 de agosto de 2017

TSE REJEITA RECURSOS E MANTÉM CASSAÇÃO DE GOVERNADOR E VICE DO AM

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve nesta terça-feira (22) a cassação do governador afastado do Amazonas, José Melo (PROS), e do vice, Henrique Oliveira (SD).
 
 
 
 
Por unanimidade, os sete ministros da Corte rejeitaram os recursos apresentados contra a perda dos mandatos, decretada em maio.
 
 
 
 
Assim, o TSE também manteve a realização de nova eleição no estado, cujo segundo turno está marcado para o próximo dia 27.
 
 
 
 
No primeiro turno, realizado no último dia 6 de agosto, os mais votados foram os ex-governadores Amazonino Mendes (PDT), que obteve 38% dos votos, e Eduardo Braga (PMDB), com 25%. Eles disputarão o segundo turno.
 
 
 
 
Atualmente, exerce o cargo de governador do Amazonas o presidente da Assembleia Legislativa, Davi Almeida (PSD).

0 comentários:

Postar um comentário