27 de dezembro de 2023

DECRETO DE MILEI PODE CORTAR 7 MIL FUNCIONÁRIO PÚBLICOS

O presidente da Argentina, Javier Milei, deve dispensar cerca de 7.000 funcionários públicos até o fim do ano. O corte vai atingir toda a estrutura federal. 

 

Os trabalhadores dispensados não terão os contratos, que vencem dia 31 de dezembro, renovados. A medida já foi anunciada pelo ministro da Economia, Luis Caputo. 


Após a demissão, o governo argentino deve iniciar uma auditoria para saber o tamanho do funcionalismo público.

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

‘TENTATIVA DE GOLPE COM MINUTA É RIDÍCULO’, AFIRMA O SENADOR HAMILTON MOURÃO

O senador Hamilton Mourão (Rep-RS) negou que tenha havido “tentativa de golpe de Estado”, conforme versão dos adversários de Jair Bolsonaro ...