24 de março de 2023

LULA DESMORALIZA DINO E PF AO TRATAR PLANO DO PCC COMO ARMAÇÃO DO MORO

O presidente Lula (PT) voltou, nesta quinta-feira (23), a expor sua ideia fixa de vingança contra o senador Sérgio Moro (União-PR), que foi responsável por condená-lo por corrupção e lavagem de dinheiro e o levar à prisão em 2018. Ao ser questionado sobre a operação de ontem (22) que desarticulou uma trama da facção criminosa PCC para matar Moro, sua família e um promotor, Lula sorriu e acusou, sem provas, o senador e ex-juiz federal de “armar” um plano investigado e combatido pelas forças de segurança brasileiras. 

 

A fala de Lula, ao visitar o Complexo Naval de Itaguaí, no Rio de Janeiro, desmoraliza o próprio ministro da Justiça, Flávio Dino, e desrespeita a credibilidade do trabalho da Polícia Federal, que investigou o plano da organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) e mobilizou 120 agentes para prender 11 criminosos que planejavam ataques ao ex-juiz da Operação Lava Jato e outras autoridades. 

 

“Eu não vou falar, porque eu acho que é mais uma armação do Moro. Mas eu quero ser cauteloso. Eu vou descobrir o que aconteceu. É visível que é uma armação do Moro”, disse Lula, que teve condenações revogadas por irregularidades processuais do então juiz Sérgio Moro. 

 

Moro foi informado, no final de janeiro pelo MP de São Paulo, sobre o plano mortal que o tinha como alvo. E recebeu segurança reforçada, inclusive pela Polícia Federal. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PEDIDO DE IMPEACHMENT DE LULA SOMA 320 MIL ASSINATURAS EM CINCO DIAS

Atingiu a marca de 320 mil assinaturas em menos de cinco dias o abaixo-assinado na plataforma Change.org pelo impeachment do presidente Lula...