13 de setembro de 2022

“VIVA”! JUSTIÇA ELEITORAL APROVA CANDIDATURA DE EX-POLICIAL PRESO POR TRIPLO HOMICÍDIO NO RN

A Justiça Eleitoral deferiu na tarde desta segunda-feira (12) a candidatura a deputado estadual do ex-policial militar Wendel Fagner Cortez de Almeida, de 45 anos, que está preso desde o dia 20 de julho suspeito de ser um dos autores de um triplo homicídio que aconteceu na Zona Norte de Natal.

 

Dessa forma, o candidato, que usa a alcunha de Wendel Lagartixa nas urnas, está apto à disputa do pleito eleitoral, que acontece no próximo dia 2 de outubro.

 

A candidatura dele foi deferida por unanimidade, tendo o voto favorável de cinco juízes e da relatora, a juíza Érika Tinôco.

 

O apelido usado eleitoralmente por ele é o mesmo registrado pela Polícia Civil nos pedidos de prisão feitos à Justiça. Wendel é investigado por um triplo homicídio que aconteceu no mês de abril deste ano. Ainda de acordo com a Justiça, há suspeita de envolvimento dele com um grupo de extermínio.

 

Em agosto, o Ministério Público Eleitoral pediu a impugnação da candidatura de Wendel por ele estar inelegível. Segundo o MP, Wendel foi condenado por posse de arma ou munição de uso restrito sem autorização, que é considerado hediondo, e terminou de cumprir a pena em 4 de junho de 2021.

 

Portanto, de acordo com a procuradoria responsável, Wendel ainda não cumpriu o período de oito anos de inelegibilidade previstos em lei e que começam a ser contados após o término do cumprimento da pena.

 

O ex-policial foi preso em outras ocasiões, como em 2013, quando foi suspeito de envolvimento em homicídios e chegou a ser alvo de investigação da Polícia Federal, e em 2010, quando ainda atuava no 4º Batalhão da PM, também por suspeita de assassinato.

 

Do Blog: Só não tem perigo de eu votar num candidato com essa "capivara". Deus me livre! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TRAGÉDIA! ACIDENTE ENTRE VAN DE ESTUDANTES E TRATOR DEIXA MORTOS NO SERTÃO DA PB

Um acidente entre uma van, que transportava estudantes, e um trator, na noite desta segunda-feira (22), deixou ao menos duas pessoas mortas,...