22 de junho de 2020

PRESÍDIOS POTIGUARES ADOTAM TELEVISITA, E DETENTOS REVEEM PARENTES E ADVOGADOS

A Visita virtual a internos do sistema prisional do Rio Grande do Norte já é uma realidade. A Secretaria da Administração Penitenciária (Seap) implementou essa modalidade de contato no início de junho, como forma de garantir a comunicação da família com o preso, prejudicada em razão da pandemia do novo coronavírus e da necessidade de manter o distanciamento social. O sistema prisional, com 10 mil detentos, está isolado desde o dia 13 de março.





Além de preservar a segurança de internos e familiares, o novo meio de comunicação facilitou, por exemplo, o contato de internos cujas famílias moram longe, até em outros estados, ou que tem outros tipos de dificuldades para ir às unidades prisionais. Mesmo antes da pandemia, essas visitas eram dificultadas.





Todas as 17 unidades do RN com presos, com exceção daquelas que recebem novos internos, foram equipadas com computadores, câmeras e conexão à internet para o serviço. As unidades de recebimento e triagem foram descartadas porque são provisórias para quarentena.




Segundo portaria publicada no Diário Oficial, as televisitas serão permanentes nas unidades prisionais, mesmo após a pandemia da Covid-19. Cada pessoa privada de liberdade terá o direito de uma visita virtual por mês.

0 comentários:

Postar um comentário