1 de junho de 2019

LAUDO CONFIRMA QUE MONÓXIDO DE CARBONO MATOU FAMÍLIA BRASILEIRA NO CHILE

A causa das mortes dos seis brasileiros no Chile foi intoxicação por monóxido de carbono, conforme laudo emitido pelas autoridades chilenas. A informação foi confirmada pelo advogado da família, Mirivaldo Campos, nesta sexta-feira (31). O translado dos corpos deve ser na noite de segunda-feira (3) e o velório e enterro, no dia seguinte (4). 





Os seis brasileiros eram de uma mesma família e foram encontrados mortos em um apartamento em Santiago em 22 de maio. Eles haviam viajado para o Chile para comemorar o aniversário de uma da vítimas, uma adolescente de 15 anos. 





Nesta sexta (31), os corpos irão para a funerária. O velório das seis vítimas na terça será aberto ao público e ocorrerá no ginásio de esportes da Univali em Biguaçu, na Grande Florianópolis. 





A prefeitura do município divulgou em comunicado que o velório ocorre na terça das 8h30 às 15h30 e o enterro deve ocorrer por volta das 16h no Cemitério de São Miguel, na mesma cidade.

0 comentários:

Postar um comentário