10 de janeiro de 2018

PM É PRINCIPAL SUSPEITO DE TER MATADO CASAL PARAIBANO NA BR 230; MULHER MORTA É EX DO SUSPEITO

A delegada Daniela Quirino, da Polícia Civil em Patos, confirmou que um policial militar que está afastado das funções junto a Corporação vai ser investigado por suspeita de envolvimento no assassinato de um casal, na tarde desse domingo (08), dentro de um carro, no trecho da BR-230 entre as cidades de Santa Luzia e São Mamede, no Sertão da Paraíba.



 
 
 
 
 


 

O policial é ex-companheiro da mulher que foi morta. Conforme a polícia, Taísa Kelly Lopes de Moraes, de 27 anos, e Guilherme Alves do Nascimento Júnior, de 52, dirigiam um veículo com placas de João Pessoa e teriam sido baleados com ele ainda em movimento.
 
 
 
 


Segundo apuração inicial, o carro ainda teria sido alvo de tiros mesmo depois de ter despencado na ribanceira. As vítimas morreram no local. Ainda conforme a delegada, o caso vai ser entregue ao delegado distrital de Patos, Elcenho Engel Leite.

0 comentários:

Postar um comentário