9 de dezembro de 2016

VIÚVA DE HOTELEIRO MORTO É PRESA ACUSADA DE SER A MENTORA DO CRIME

Ademar Miranda Neto (Foto: Arquivo Pessoal)

A viúva do empresário Ademar Miranda, morto a tiros no dia 7 de junho, foi presa nesta quinta-feira (8) suspeita de ser a mentora do crime. A mulher foi presa nesta quinta quando prestava depoimento à polícia.
 
 
 
 
"Ela caiu em contradição várias vezes e ainda tentou induzir algumas testemunhas a falarem o que ela queria. E como nós tínhamos um mandado de prisão foi dada voz de prisão aqui na delegacia mesmo", disse o delegado Ernani Leite que conduz as investigações.
 
 
 
 
Ademar Miranda tinha 58 anos e era proprietário de um hotel na praia de Ponta Negra, na Zona Sul de Natal. Ele foi morto na Avenida Engenheiro Roberto Freire, na noite de 7 de junho. Ele estava dirigindo quando dois homens se aproximaram do carro dele e efetuaram os disparos.
 
 
 
 

0 comentários:

Postar um comentário