11 de novembro de 2016

FEIRA DO EMPREENDEDOR NO SERIDÓ MOBILIZA CLASSE PRODUTIVA DO ESTADO

O caminho dos negócios é trilhado por empreendedores e sonhadores. E desses heróis, a história do Seridó é cheia. Povo e clima, habitantes e geografia. Tudo se mescla, em uma argamassa para forjar vencedores”. Essa é a opinião do presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Rio Grande do Norte, José Álvares Vieira, que participou da abertura da Feira do Empreendedor do Seridó que prossegue até o próximo sábado (12), na Ilha de Sant´Ana em Caicó.
 
 
 
 
 
 
 
 
Segundo ele, o Seridó é uma terra de empreendedores. E uma feira desse naipe, realizada  na região, possui todos os elementos para ser um grande sucesso. “A identidade do povo com a sua região também se revela na força criativa e empreendedora. E aqui lanço um desafio, para todos vocês, seridoenses de nascimento e de coração, que cada um encontre nessa feira uma forma de levar adiante o cenário empreendedor”, destacou José Álvares Vieira.
 
 
 
 
Para o superintendente do Sebrae, José Ferreira de Melo Neto, a Feira do Empreendedor do Seridó acontece num momento difícil, com uma seca que se alastra há cinco anos, além de uma grave crise econômica, política e moral enfrentada no país.
 
 
 
 
Diante de tamanhas adversidades, a resposta do Sebrae é a realização de uma Feira do Empreendedor desse porte no Seridó.
 
 
 
A Feira do Empreendedor do Seridó acontece no período de 9 a 12 de novembro, na Ilha de Sant´Ana em Caicó. O objetivo do evento é gerar oportunidades, inspirar e estimular empreendedores a tirar as ideias do papel e montar um negócio. A feira vai apresentar modelos e ideias de negócios para quem já é empresário e também aqueles que pretendem abrir uma empresa, além de disponibilizar informações técnicas e capacitações em diversas áreas.
 
 
 
 
A Feira do Empreendedor do Seridó também contou com a presença de Luíz Carlos Furtado, que é vice-presidente do Conselho Deliberativo Nacional do Sebrae. “Venho de Santa Catarina e chego pela primeira vez em Caicó nesse grande evento, onde logo na entrada a gente vê a alegria dos empresários que fazem parte do comitê de recepção e que tem coragem de empreender, apesar da crise”, afirmou.
 
 
 
 
 
Luíz Furtado ressalta que o Sebrae vem fazendo a sua parte de forma consciente, contribuindo em eventos como a Feira do Empreendedor do Seridó, que está demonstrando a pujança e a vontade do povo seridoense de lutar, apesar dos mais variados tipos de adversidades.
 
 
 

0 comentários:

Postar um comentário