30 de maio de 2024

MARINHO ACIONA AGU CONTRA HADDAD POR MENTIR SOBRE ROMBO NO GOVERNO LULA

O líder da oposição no Senado, senador Rogério Marinho (PL-RN) protocolou representação contra o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, na Advocacia Geral da União (AGU), que, de acordo com o parlamentar, mente sobre números da economia brasileira e sobre precatórios. Haddad estaria tentando associar ao governo Bolsonaro um ‘rombo’ causado pelo governo Lula. 

 

O líder da oposição no Senado sustenta que o chefe da equipe econômica do governo federal distorce dados sobre o impacto fiscal deixado pelo governo do ex-presidente Jair Bolsonaro. Haddad estaria tentando culpar o governo Bolsonaro por um suposto impacto de R$ 92 bilhões nas contas públicas, quando, o impacto real, seria de R$ 30 bilhões. Os valores restantes são referente a 2023 e 2024, já sob a gestão do governo persista. 

 

São inaceitáveis as narrativas distorcidas e manipulação de dados fiscais de um governo que tanto acusa seus críticos de fake news!”, afirma o senador.

 

A representação enfatiza, ainda, que o governo Lula se beneficiou da chamada PEC dos Precatórios, utilizando o espaço fiscal resultante para acomodar R$ 62 bilhões em gastos extras, apesar de críticas à medida. 

 

Marinho ainda afirma que o ato de representar contra o governo testa a integridade e imparcialidade da Procuradoria Nacional de Defesa da Democracia, uma estrutura da Advocacia-Geral da União (AGU), que tem o dever de defender as instituições. “E que está sendo aparelhada para perseguir adversários políticos”, critica Rogério Marinho.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PROFESSORES DA UFRN DECIDEM ENCERRAR GREVE APÓS 59 DIAS

Os professores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte decidiram encerrar a greve da categoria nesta quinta-feira (20) após 59 dias d...