21 de setembro de 2022

ASSASSINO QUE MATOU EX-ESPOSA A TIROS NO INTERIOR DO RN É CONDENADO A 24 ANOS DE PRISÃO

A Justiça condenou o servidor público Anderson Cleiton Bezerra da Silva a 24 anos de prisão pelo crime de feminicídio contra a ex-mulher, Februska Emanuely Ferreira, no ano de 2019 na cidade de João Câmara.

 

A condenação aconteceu em júri popular realizado nesta segunda-feira (19). Anderson matou a ex-mulher com quatro tiros por não aceitar o fim do relacionamento. Februska tinha 34 anos e era servidora pública lotada no Hospital Regional de João Câmara.

 

A condenação por feminicídio foi pedida pelo Ministério Público do RN - Anderson é autor confesso do crime e vai cumprir pena em regime fechado.

 

Do Blog: Pena branda! Se fosse os 24 anos em regime fechado, até que seria justa, mas, por bom comportamento, em 8 anos ele vai progredir para o semiaberto, e pouco tempo depois para o aberto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DECRETO DE LULA DÁ GOLPE NO DIREITO DE PROPRIEDADE

O presidente Lula (PT) assinou decreto já considerado no campo um golpe contra o direito de propriedade, porque à margem da Constituição amp...