20 de agosto de 2020

PM É PRESO POR ENVOLVIMENTO NO CASO DO GAROTO MORTO NO RN

Um policial militar foi preso nesta quarta-feria, (19) suspeito de envolvimento na morte do jovem Giovanne Gabriel de Souza Gomes, de 18 anos. Gabriel foi visto pela última vez no dia 5 de junho quando saiu para visitar a namorada. O corpo dele foi encontrado 9 dias depois, em avançado estado de decomposição, em São José de Mipibu.

 

 

 

 

 

Em coletiva de imprensa nesta quarta (19), a Polícia Civil informou que o jovem foi morto porque teria sido confundido com um assaltante. No dia do desaparecimento do jovem houve o roubo de um carro que foi encontrado posteriormente nas imediações de Emaús. De acordo com a Polícia Civil, Gabriel foi abordado por policiais militares como suspeito de ser o ladrão do veículo.

 

 

“A lógica indica que ele foi colocado na viatura e levado o para o local onde o corpo foi encontrado”, disse o delegado Claudio Henrique. A viatura foi apreendida para perícia.

 

 

O PM preso é do 8º Batalhão, responsável pelo patrulhamento da região Agreste.

 

 

A Polícia Civil não passou nenhuma informação sobre os outros policiais militares que estavam na viatura que abordou o jovem porque seguem “em diligências sigilosas”.

 

 

 

Do Blog: Mesmo que ele fosse o assaltante, (que não era), por obrigação, a polícia teria que prendê-lo e entregá-lo à autoridade competente, e não "julgar" e impor a 'Pena de Morte' à ele. Essa é a banda podre da polícia. Ainda bem que é uma pequena minoria. 

0 comentários:

Postar um comentário