30 de abril de 2020

DEPUTADO UBALDO FERNANDES DECLARA APOIO A PRÉ-CANDIDATURA DE HERBERTH SENA A VEREADOR EM NATAL

Agora é oficial. O deputado Ubaldo Fernandes, líder do Partido Liberal (PL) na capital potiguar, declarou seu apoio à candidatura a vereador de Natal de Herberth Sena. O deputado o conhece há muitos anos. "Somos vizinhos desde que Herberth era uma criança. Ele sempre esteve engajado em minhas lutas, desde a eleição para o Conselho Comunitário das Rocas até minhas campanhas para vereador de Natal e, posteriormente, para deputado do Rio Grande do Norte. Nossa sinergia é muito grande, compartilhamos ideias, projetos, vivemos juntos a realidade do povo da Zona Leste de Natal. É natural que eu reconheça esta parceria e o apoie nessa caminhada para a Câmara Municipal de Natal", explica Ubaldo Fernandes.




Para Herberth Sena, é muito importante receber o apoio do Deputado Ubaldo Fernandes e de todo seu grupo. "Hoje, tenho certeza que o deputado, com sua honestidade, garra e liderança, fará muito por nossa futura candidatura. Somos um grupo. Com o mandato de Ubaldo na Assembléia e o nosso na Câmara Municipal, iremos nos fortalecer juntos, para lutar sempre pelo bem da nossa comunidade", ressaltou o pré-candidato.




Em entrevista ao jornal Via Leste, Herberth Sena falou sobre seus planos para a Câmara de Municipal de Natal. "Sou muito acessível. Se eleito, faremos um mandato aberto. Criaremos mecanismos para que as pessoas construam a cidade junto com a gente, opinem, participem. Vamos criar instâncias que permitam essa participação. Podemos fazer assembleias em praças públicas, rodas de conversa, debates pela internet. São possibilidades para que os cidadãos participem efetivamente e ajudem a elaborar as proposituras do nosso mandato, defendendo sempre o que for bom para Natal", diz ele. Outra ideia exposta na entrevista foi o Gabinete em Ação. "Em parceria com o mandato do Deputado Ubaldo, realizaremos, mensalmente, o Gabinete em Ação, levando ações dos mandatos e ações sociais e de cidadania para toda população", explica Herberth Sena.

0 comentários:

Postar um comentário