5 de fevereiro de 2019

“ATAQUE COVARDE”, DIZ GAROTA CHICOTEADA POR POLICIAIS NO CE AO EXIBE FERIMENTOS

A garota que sofreu golpes de chicote de policiais em Fortaleza exibiu nesta terça-feira (5) os ferimentos nas costas, braços e pernas. "Foi um ataque covarde, chegaram batendo, não quiseram nem saber quem a gente era. Foram totalmente despreparados", diz a jovem, que não quer se identificar. 





Ela foi abordada por policiais no fim de semana, no Bairro Lagamar. Conforme relato da vítima, os policiais mandaram ela e o namorado descerem do carro, foram forçados a ficar de joelho e sofreram golpes de chicote. 
 
 
 
 
 
 
"Pararam a gente e mandaram sair do carro. Depois mandaram ficar de joelhos e começaram a me chamar de vagabunda. Puxaram meu cabelo e disseram que eu não prestava para nada", conta a vítima, que não quer se identificar.
 
 
 
 
 
A agressão dos policiais ocorreu próximo ao local de uma festa de pré-carnaval no Bairro Lagamar. A vítima acredita que os policiais a confundiram com uma outra pessoa que cometeu um crime durante a festa. 





"Nem nessa festa eu estava. Estava passando. Meu nome é limpo. Todo mundo viu que foi covardia", afirma. A Polícia Militar não informou o que pode ter motivado a agressão por parte dos policiais.
 

0 comentários:

Postar um comentário