15 de janeiro de 2019

HOMEM FURTA ARMA DE DELEGACIA E MATA EX EM SHOPPING NO CE E DEPOIS SE MATA


A vendedora Lidiane Gomes da Silva, assassinada na manhã desta terça-feira (15) pelo ex-companheiro dentro de um shopping em Maracanaú, havia relatado a um amigo, em conversa pelo WhatsApp, que sofria ameaças após a separação. O homem se matou em seguida, de acordo com a Polícia Civil.









"Deixei aquele louco. Ele falou um monte de chantagem. Me ameaçou. Mas hoje ele tá mais conformado", disse a vítima, em um trecho da conversa. "Eu disse que, se ele não parasse, eu ia fazer um B.O. [boletim de ocorrência] contra ele. Aí ele parou, agora ele só liga", continua Lidiane. 






De acordo com a Polícia Civil, Alighiery Silva, o ex-companheiro de Lidiane invadiu a loja de um shopping na Grande Fortaleza e atirou em Lidiane, que morreu na hora. A arma usada no crime foi furtada de uma escrivã do 24º Distrito Policial, onde ele trabalha. 





0 comentários:

Postar um comentário