23 de maio de 2018

PREFEITA DE EQUADOR REPRESENTA RIO GRANDE DO NORTE NAS COMEMORAÇÕES DO MOVIMENTO MULHERES MUNICIPALISTAS EM BRASÍLIA- DF

Em abril deste ano completamos 90 anos da primeira vez que mulheres conseguiram se inscrever para votar em uma eleição. Celina Guimarães Viana, de Mossoró, no Rio Grande do Norte, e outras vinte mulheres ficaram registradas na História brasileira pela conquista. Outro símbolo da cidadania feminina foi Alzira Soriano Teixeira, eleita prefeita do município de Lajes(RN), primeira mulher eleita no Brasil. Esses momentos foram lembrados na tarde desta terça-feira, 22, dentro do Movimento Mulheres Municipalistas - MMM, que completa seu primeiro ano durante a XXI Marcha à Brasília em Defesa dos Municípios, que acontece em Brasília/DF.  E a presidente da Associação dos Municípios Micro Região Seridó Oriental- AMSO e prefeita de Equador, Noeide Sabino, esteve representando o Rio Grande do Norte.
 
 
 
 

 
 
 
Nesse espaço, o MMM  apresenta os avanços deste primeiro ano e convida as demais mulheres que atuam na gestão municipal a apoiar a construção dos passos a serem realizados no próximo ano.
 
 
 
 
 
 
 
Ainda na oportunidade, o Movimento lança o folder "90 anos de Mulheres na Liderança Municipal", com o levantamento que mapeou as mulheres eleitas desde 1928, quando a potiguar Alzira Soriano foi a primeira mulher eleita prefeita na América Latina, até as últimas eleições municipais em 2016. "Sinto-me honrada em estar representando as mulheres potiguares e fazendo parte desse seleto mundo de mulheres que entraram na política e deixaram sua marca de coragem, sensibilidade e altivez. E a torcida é para que mais mulheres possam entrar para a política e construir um mundo melhor”, comenta a primeira mulher prefeita de Equador, na região do Seridó, no Rio Grande do Norte, Noeide Sabino, reeleita para o segundo mandato.

0 comentários:

Postar um comentário