29 de novembro de 2016

SOBREVIVENTES DA TRAGÉDIA DO AVIÃO DA CHAPECOENSE SÃO 3 JOGADORES, 1 JORNALISTA E 2 TRIPULANTES

O avião que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, caiu na madrugada desta terça-feira (29). Segundo autoridades colombianas, há mais de 70 mortos e seis sobreviventes. O avião da LaMia, matrícula CP2933, decolou de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, com destino a Medellín.
 
 
 


Até o momento, as informações sobre o número de corpos resgatados do local do acidente variam. Na última atualização, a polícia de Antioquia diz que 65 corpos foram encontrados, e 63, resgatados. A Unidade Nacional de Gestão de Riscos fala em 50 corpos. A Cruz Vermelha informou 60, e o governador do estado falou que foram encontrados 64 corpos.
 
 
 
Segundo as autoridades colombianas, a aeronave levaria 81 pessoas a bordo: 72 passageiros e 9 tripulantes. No entanto a lista inclui quatro que não embarcaram e estão vivas. Não há confirmação se outras pessoas embarcaram no lugar delas.
 
 
 
 
 


 
Segundo comunicado da Aeronáutica Civil Colombiana, os seis sobreviventes são os jogadores Alan Ruschel, (foto acima) Neto e Follmann, o jornalista Rafael Henzel, o técnico da aeronave Erwin Tumiri e a comissária de bordo Ximena Suarez.
 
 
 
 
O goleiro Danilo também tinha sido resgatado com vida, mas morreu no hospital.
 
 
 
O ex-jogador Mario Sergio, comentarista do canal FoxSports, está entre as vítimas, segundo o Bom Dia Brasil.
 
 
 
Os jogadores da equipe de Santa Catarina são:
 
 
- Goleiros: Danilo e Follmann;
- Laterais: Gimenez, Dener, Alan Ruschel e Caramelo;
- Zagueiros: Marcelo, Filipe Machado,
Thiego e Neto;
- Volantes: Josimar, Gil, Sérgio Manoel e Matheus Biteco;
- Meias: Cleber Santana e Arthur Maia;
- Atacantes: Kempes, Ananias, Lucas Gomes, Tiaguinho, Bruno Rangel e Canela.

0 comentários:

Postar um comentário