24 de novembro de 2016

FÁCIL RN É ASSINADO DURANTE ABERTURA DO 3º ENCONTRO NACIONAL DAS JUNTAS COMERCIAIS

Representantes de 24 estados brasileiros participaram na noite desta quarta-feira (23) da abertura do 3º Encontro Nacional das Juntas Comerciais (ENAJ). Durante o evento, realizado no Palácio Potengi, e organizado pela Junta Comercial do RN e apoio da Associação Nacional dos Presidentes das Juntas Comerciais (Anprej), o governador Robinson Faria assinou o contrato de gestão do Fácil RN, programa que facilitará a abertura e regularização de empreendimentos do estado com a redução da burocracia. A abertura do ENAJ teve também a participação do vice-governador Fábio Dantas, da presidente da Junta Comercial do RN, Sâmia Bastos, e secretários de estado.
 
 
 
 
 
 
 
 
O Fácil RN é um dos 26 projetos prioritários do RN definidos a partir de um intenso debate com a sociedade a partir do Governança Inovadora, maior e mais importante projeto de modernização da gestão pública do Rio Grande do Norte. 
 
 
 
 
O governador Robinson Faria enfatizou a atuação da Junta Comercial do RN em quase dois anos de gestão, sobretudo na facilitação de abertura de novas empresas por meio de programas específicos. “Conseguimos encontrar na crise, nas dificuldades, uma saída para fomentar a abertura de novas empresas com o Escritório do Empreendedor, por exemplo, que reduz de 200 dias para 24 horas o tempo médio para regularização de novas iniciativas potiguares, fortalecendo o ambiente econômico potiguar com geração de emprego e renda”, observou. 
 
 
 
 
O chefe do Executivo estadual falou também sobre o Microcrédito do Empreendedor, programa iniciado em 2015 por meio da Secretaria de Estado do Trabalho, Habitação e Assistência Social, com apoio da Agência de Fomento do RN (AGN). O programa já beneficiou 80 municípios e 5 mil empresários, e a expectativa é que até o final de 2018 sejam atendidos 20 mil empreendedores, com investimento total de R$ 40 milhões. Até o momento, foram aplicados na economia potiguar R$ 14 milhões. 

0 comentários:

Postar um comentário