18 de outubro de 2016

APÓS REBELIÃO, MAIS DE 30 FUGITIVOS SÃO RECAPTURADOS EM SP

Trinta e quatro presos foram recapturados após uma rebelião de presos no Hospital de Custódia de Tratamento Psiquiátrico I "Prof. André Teixeira Lima", em Franco da Rocha, na Grande São Paulo, no início da noite desta segunda-feira (17). Ao todo, 55 presos fugiram.
 
 
 
Rebelião em Franco da Rocha (Foto: Reprodução/GloboNews)
 
 
Os presos colocaram fogo em vários pavilhões do presídio. Segundo a administração penitenciária, o motivo da rebelião foi a transferência de cinco presos que extorquiam dinheiro de familiares de outros detentos.
 
 
 
Segundo dados da Secretaria de Administração Penitenciária, o presídio tem capacidade para 594 detentos (alas masculina e feminina) e uma população de 446 detentos segundo dados do dia 13.
 
 
 
Os presos submetidos à medida de segurança ou que necessitam de avaliação psiquiátrica serão transferidos para outras unidades da região e serão assistidos pelos profissionais da área de saúde do hospital psiquiátrico. A Secretaria da Administração Penitenciária determinou a instauração de sindicância para apuração do ocorrido.
 
 

Assustados, os moradores da região trancaram as portas de casa e os comerciantes fecharam as portas.
 
 
 
Alguns moradores ajudaram a polícia a recapturar presos. A polícia encontrou um deles ainda com uniforme do presídio.
 
 
 
Depois da rebelião, os policiais levaram os detentos da Casa de Custódia para outra penitenciária de Franco da Rocha. Os fugitivos recapturados também foram levados para a unidade.
 
 
 
A Secretaria da Administração Penitenciária determinou a instalação de uma sindicância para apurar o caso.


 

0 comentários:

Postar um comentário