20 de janeiro de 2015

PARELHAS RECEBE VISITA DE COMITIVA DO GOVERNO DO ESTADO

A terceira viagem do governador Robinson Faria pelo Rio Grande do Norte, e sua primeira, desde que assumiu, na Região do Seridó, ocorreu na tarde desta segunda-feira (19) em Parelhas, uma das cidades que faz parte do Pólo de Mineração do Estado. A primeira parada foi na mineradora Armil Mineração do Nordeste (e Casa Grande Mineração), onde foi recebido pelo diretor presidente João Leal Eulálio. E a segunda parada, antes de seguir para a Festa do Padroeiro São Sebastião, foi na Thor Granitos, recepcionado pelo diretor Antônio Terroso.

Fabrica fot Ivanizio Ramos3Armil fot Ivanizio Ramos 1 

A Armil gera 200 empregos diretos e aproximadamente 800 indiretos na região e produz matéria-prima para indústria cerâmica, tendo como carro-chefe a extração do feldspato. Já a indústria Thor Granitos, recém instalada na Cidade, emprega 100 pessoas (50 delas no campo) e sua previsão para começar a operar é em março. A Thor é a maior exportadora do Brasil de lâminas de granito e sua matriz é no Rio de Janeiro. “Nosso governo terá diálogo com industriais, empresários e comerciantes. Estamos aqui para externar nosso apoio ao setor produtivo do Seridó. Queremos fortalecer os municípios, para que as pessoas tenham oportunidade de trabalho no lugar onde nasceram e vivem”, disse o governador.

Parelhas Novena fot Ivanizio Ramos2

O governador foi recepcionado no Hangar da Armil Mineradora por diversas lideranças políticas e a imprensa do Seridó, de cidades como Caicó, Currais Novos e Acari. Na ocasião, teve oportunidade de responder a questionamentos sobre vários temas como seca, saúde e segurança. Para cada item, o governador fez questão de afirmar e explicar ao povo do Seridó que sua gestão foi montada por um corpo técnico e que embora existam medidas emergenciais, é um “desafio” diuturno melhorar a saúde e há, por exemplo, a necessidade se fazer um perfil dos hospitais do Estado, e assim traçar estratégias específicas em busca de melhoria como um todo nessa área. “Serão várias ações que faremos como criar consórcios com municípios, adaptar hospitais que já existem para atendimento de alta complexidade. É normal e pertinentes as cobranças que vocês fazem e quero que saibam que estamos preparados para os desafios”, disse Robinson Faria, continuando: “Com relação às nossas reservas hídricas e o combate à seca, sabemos que tudo requer planejamento. A segurança hídrica não pode ser uma política de Governo e sim uma política de Estado”, frisou ele.

Hospital fot Ivanizio Ramos 3

A senadora diplomada Fátima Bezerra, acompanhou o governador nessa visita, e também os secretários de Estado, Orlando Gadelha Simas Neto, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico; Hudson Pereira de Brito, da Secretaria de Relações Institucionais e Rodrigo Bico, presidente da Fundação José Augusto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

STF TEM MAIORIA PARA TORNAR JANONES RÉU POR POSTAGENS CONTRA BOLSONARO

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votou nesta sexta-feira (14) para tornar réu o deputado federal André Janones (A...