15 de outubro de 2020

JUSTIÇA MANDA SOLTAR PEDRO FERNANDES E CRISTIANE BRASIL

A 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio mandou soltar nesta quinta-feira (15) o ex-secretário estadual de Educação do Rio Pedro Fernandes e a ex-deputada Cristiane Brasil.

 

 

Os dois foram presos no dia 11 de setembro na Operação Catarata, que investiga supostos desvios em contratos de assistência social no governo do estado e na Prefeitura do Rio.

 

 

Os desembargadores também mandaram soltar o empresário Flavio Chadud, dono da empresa Servlog, acusado de pagar propina a Pedro Fernandes e Cristiane Brasil em troca de contratos com o governo do Estado e a Prefeitura do Rio na época em que eles eram secretários.

 

 

Outras duas pessoas que estavam em prisão domiciliar também foram soltas, com as mesmas medidas cautelares: o empresário João Marcos Borges Mattos (que até maio era subsecretário estadual de Educação), e o delegado aposentado Mario Chadud, pai do dono da Servlog, Flavio Chadud.

0 comentários:

Postar um comentário