18 de outubro de 2016

TJRN ECONOMIZA EM 2015, 107 MILHÕES A MAIS QUE 2014

O Tribunal de Justiça divulgou nota oficial nesta terça-feira(18/10), apontando economia de R$ 107,315 milhões em suas despesas no ano passado em relação a 2014. O TJRN se pronunciou após a divulgação do Relatório Justiça em Números, do Conselho Nacional de Justiça(CNJ). O TJRN também revela redução de gastos com pessoal superior a R$ 90 milhões em 2015 no comparativo com 2014. Leia a nota:


NOTA OFICIAL

 
O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte recebe com serenidade o resultado do Relatório Justiça em Números apresentado pelo Conselho Nacional de Justiça(CNJ).

 
Todos os esforços vêm sendo empreendidos pelo Tribunal de Justiça para diminuir as dificuldades enfrentadas há longos anos.

 
As medidas tomadas pela gestão iniciada em 2015 resultaram em economia significativa, em comparação com o ano anterior, segundo a Secretaria de Orçamento e Finanças(TJ).

 
Em 2014, o gasto total do Tribunal de Justiça atingiu R$ 801,535 milhões.

 
Em 2015, esse custo caiu para R$ 694,220 milhões.

Uma economia, em valores absolutos, de R$ 107, 315 milhões e equivalente a 15,46 %, do último ano da gestão anterior ao primeiro ano da atual administração do TJRN.

 
 
Sobre gastos com pessoal(incluídos pagamentos de auxílios e dívidas), convém ressaltar que, em relação a 2014, houve uma redução de R$ 91, 454 milhões. Ou 14,91% a menos em 2015.

 
Gastos com pessoal em 2014 – R$ 704,708 milhões
Gastos com pessoal em 2015 – R$ 613,254 milhões

 
Ao demonstrar respeito ao levantamento do CNJ, o Tribunal de Justiça apresenta fatos concretos que retratam a realidade local e atestam o espírito público da atual gestão, em reduzir custos e oferecer serviços adequados à sociedade.

0 comentários:

Postar um comentário